Trump pode ter problemas judiciais associados a fraude fiscal e difamação quando deixar a presidência

Chris Kleponis / EPA Pool

A 20 de janeiro, Joe Biden substituirá Donald Trump na presidência dos Estados Unidos (EUA), passando este a ser um cidadão comum perante a justiça criminal e cívil, podendo ser acusado em processos.

Segundo noticiou o Expresso esta segunda-feira, Trump foi protegido pelo facto de o Presidente em exercício nos EUA não poder ser envolvido em processos criminais.

Num desses casos, o ex-advogado Michael Cohen foi condenado por crimes cometidos em colaboração com o ainda chefe de Estado – violação das leis sobre financiamento eleitoral -, sendo que este não foi acusado.

Trump poderá enfrentar agora alegações de obstrução à justiça, contidas no relatório do procurador especial Robert Mueller sobre a intervenção russa nas eleições de 2016. Muitas das suas ações passaram por ameaças de demitir Mueller, chegando este a restringir as suas atividades.

Biden, por sua vez, afirmou que não gostaria que o seu mandato fosse marcado por processos-crime a Trump. Entretanto, alguns senadores americanos declararam que recusarão confirmar um procurador-geral que não garanta agir contra Trump.

Contudo, como lembrou o Expresso, Trump ainda pode atribuir perdões, havendo rumores sobre aplicar essa medida a pessoas que o podem defender, como é o caso de membros da sua família, incluindo os seus filhos mais velhos.

Além disso, há ainda os processos interpostos por procuradores estaduais, estando em causa fraude fiscal e declarações falsas prestadas a bancos. Segundo Cohen, Trump atribuía valores artificialmente baixos às suas propriedades quando se tratava de pagar impostos e, para conseguir empréstimos bancários, inflacionava esse valor.

Existem também acusações sobre os benefícios financeiros durante a presidência, alegações que envolvem o seu genro Jared Kushner, e outro no qual a sua sobrinha, Mary Trump, acusa Trump e outros dois tios de a terem defraudado da parte da herança do seu avô, que ela deveria ter recebido.

Duas mulheres interpuseram ainda processos contra Trump, acusando-o de abuso e de difamação. Uma delas, E. Jean Carroll, fala em violação.

Taísa Pagno //

PARTILHAR

RESPONDER

Mais dois militares vão a julgamento por agressões em curso dos Comandos

Estão em causa dois cursos anteriores ao que levou à morte, em 2016, dos recrutas Hugo Abreu e Dylan da Silva. Um dos casos segue já para julgamento, o outro vai para a fase de …

Remodelação à vista (com saídas e trocas de pastas por "um Governo de combate")

O Governo de António Costa tem pela frente um mês de Julho decisivo que ficará marcado pela chegada dos fundos da bazuca europeia. E há dirigentes socialistas que acreditam que o primeiro-ministro deve aproveitar a …

Líderes da UE alertam Londres para respeitar acordo do Brexit

Os líderes da União Europeia (UE) alertaram o Governo britânico, este sábado, que os dois lados devem implementar o acordo do Brexit, numa reunião com o primeiro-ministro britânico à margem da cimeira do G7. A presidente …

Variante Delta está a crescer em Portugal. Lisboa e Vale do Tejo é a região mais afetada

As autoridades de saúde confirmam que já foi detetada, em Portugal, a transmissão comunitária da variante Delta do novo coronavírus. Esse cenário estará a ser mais evidente na região de Lisboa e Vale do Tejo. "Até …

Vírgula permite aos deputados receberem abono de exclusividade mesmo mantendo cargos em empresas

Um parecer da Comissão de Transparência permite aos deputados acumularem funções em empresas enquanto recebem o subsídio de exclusividade na Assembleia da República. Tudo por culpa de uma vírgula que desperta interpretações diversas. A situação é …

Grupo Espírito Santo só tem verbas para pagar 2,6% das dívidas

Os credores reclamam 11,5 mil milhões de euros em dívida, mas o império Espírito Santo só tem cerca de 300 milhões de euros. De acordo com o semanário Expresso, aquilo que resta do império Espírito Santo …

CTT reclamam dívidas de 67 milhões ao Estado

Os CTT iniciaram um processo de arbitragem contra o Estado, reclamando um total de 67 milhões de euros em compensações pelo impacto da pandemia de covid-19 e pela extensão unilateral do contrato de concessão. "Os CTT …

O candidato de Costa ao Porto só durou 24 horas (e a "asneira" pode sair-lhe cara)

Está lançada a confusão no PS Porto com a escolha do candidato do partido às próximas eleições autárquicas. O secretário de Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, não resistiu às reacções negativas à sua escolha para …

Mourinho Félix ao ataque. BdP "subjugou-se" à ex-ministra das Finanças

O antigo secretário de Estado Adjunto e das Finanças criticou, esta sexta-feira, a "falha grave" do Banco de Portugal (BdP) ao se ter subjugado à antiga ministra das Finanças quanto à capitalização inicial do Novo …

Castillo obtém a maioria dos votos nas Presidenciais peruanas

Pedro Castillo obteve a maioria dos votos nas eleições presidenciais de domingo no Peru, com 50,168% dos votos, restando apenas 0,328% para contar, uma distância que a sua rival, Keiko Fujimori, não será capaz de …