Tribunal suspende retenção de alunos que não frequentaram aulas de Cidadania

USP Imagens

O Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga (TAFB) decidiu suspender os despachos que determinavam a retenção de dois alunos de uma escola de Famalicão que, por determinação dos pais, não frequentaram as aulas de Cidadania e Desenvolvimento.

Por decisão de 22 de janeiro, a que a agência Lusa teve acesso esta quarta-feira , o TAFB considera que o interesse dos alunos, traduzido na progressão normal dos seus estudos, deve prevalecer sobre o cumprimento da legalidade, designadamente das regras que determinam a retenção dos alunos que não cumpram a assiduidade.

O TAFB deu, assim, provimento a uma providência cautelar interposta pelos pais, suspendendo a ordem de retenção dos alunos determinada pelo diretor do Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco e ratificada pelo secretário de Estado adjunto e da Educação.

A ordem, à revelia dos respetivos conselhos de turma, obrigaria cada um dos alunos a “regredirem” dois anos letivos. O estudante de 15 anos teria de recuar do 9.º para o 7.º ano, enquanto o de 12 anos teria de passar do 7.º para o 5.º ano.

Desta forma, os alunos poderão prosseguir os seus ciclos normais, pelo menos até haver decisão da ação principal subjacente à providência cautelar.

“Não obstante o inegável interesse em manter uma linearidade e coerência das regras escolares, nomeadamente no que a regime de faltas diz respeito, concretamente na situação em análise deve prevalecer o interesse dos alunos em não serem afetados no seu percurso escolar, regredindo, no imediato, dois anos escolares, quando ainda não se tornou definitiva, no ordenamento jurídico, a decisão que os obriga a tal (anulação das transições escolares)”, refere a sentença do TAFB.

A agência Lusa adianta que o Ministério da Educação já recorreu da sentença.

O TAFB não deu, por sua vez, acolhimento ao argumento de objeção de consciência esgrimido pelos pais para impedirem os filhos de frequentar a disciplina. O tribunal diz que “não se consegue perceber em que é que a violação de consciência ocorre”, já que os pais “não indicam uma matéria concreta que colida com um seu princípio ou convicção”.

Os pais alegam que a educação para a Cidadania é uma competência deles e sublinham que lhes suscitam “especiais preocupação e repúdio” os módulos “Educação para a igualdade de género” e “Educação para a saúde e sexualidade”. Dizem ainda que os restantes módulos da disciplina são uma “perda de tempo”.

Os progenitores consideram ainda que a educação no sistema público não pode seguir nem impor diretrizes filosóficas, estéticas, políticas, ideológicas ou religiosas. Como tal, proibiram os filhos de frequentar a disciplina, defendendo que esta deveria ser facultativa, a exemplo da Educação Moral e Religiosa.

Para o TAFB, em causa está mais “uma disputa de poder ao nível da educação dos menores, do que um verdadeiro conflito entre a consciência dos requerentes [pais], as suas convicções, e os temas da disciplina”.

Por isso, o tribunal não deu provimento à pretensão dos pais de ser reconhecido aos filhos o direito provisório à não frequência daquela disciplina ou, em alternativa, à não marcação de faltas injustificadas.

A Direção-Geral da Educação (DGE) explica que as aulas de Cidadania e Desenvolvimento visam “preparar os alunos para a vida, para serem cidadãos democráticos, participativos e humanistas, numa época de diversidade social e cultural crescente, no sentido de promover a tolerância e a não discriminação, bem como de suprimir os radicalismos violentos”.

Considerados “de mérito”, os alunos frequentam atualmente os 7.º e 9.º anos de escolaridade, figuram no Quadro de Honra da escola, com uma média de 5 valores, e já participaram em Olimpíadas educativas da Matemática e de Português.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Sporting e FC Porto trocaram jogadores por 11 milhões de euros

Sporting CP e FC Porto trocaram jogadores entre si, pagando 11 milhões de euros cada. Marco Cruz rumou a Alvalade, enquanto Rodrigo Fernandes transferiu-se para o Dragão. Em comunicado enviado à CMVM, o Sporting CP divulgou …

José Sena Goulão / Lusa

PSD e CDS marcham ao ritmo de uma crise política — e já se fala em eleições internas

O cenário de crise política serviu de tónico para PSD e CDS começarem a estudar a escolha das suas lideranças face a legislativas antecipadas. Especulam-se eleições internas, tanto para sociais-democratas como para centristas. A dois dias …

Pescadores indonésios podem ter encontrado a mitológica "Ilha do Ouro"

Pescadores indonésios encontraram um tesouro que pode revelar a localização da mitológica "Ilha do Ouro", cujos governantes acumularam riquezas lendárias. O Império Serivijaia foi um antigo império malaio da ilha de Sumatra, no sudeste asiático, com …

Otamendi e Vertonghen disputam a bola com Lewandowski

UEFA: como é que o Benfica travou o Bayern durante 70 minutos?

Agressividade, coragem e pressão alta: a análise do painel da UEFA à derrota do Benfica contra o campeão alemão. O jogo acabou com uma derrota clara, por 0-4, mas durante a maioria do duelo o Benfica …

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, em conferência de imprensa

À 25.ª hora, não se esperam golpes de magia. O fim do que restava da geringonça está praticamente consumado

A corda já não estica: nem para o lado do Governo, nem para a outrora enamorada esquerda. Todos batem o pé na reta finalíssima e a vigésima quinta hora não parece trazer novidades. "Tudo tem um …

Segundo mandado de detenção de Rendeiro poderá ser anulado

O ex-líder do Banco Privado Português (BPP) tem dois mandados de captura internacional, sendo que um deles pode vir a ser anulado. Segundo o jornal online Observador, foi o próprio Ministério Público (MP) que pediu ao …

Novo estudo mostra de que forma a covid-19 pode danificar as células cerebrais

O estudo é a primeiro a demonstrar de que forma o vírus SARS-CoV-2 pode atingir diretamente as células do cérebro. Os investigadores descobriram que as células vasculares que compõem a barreira hematoencefálica podem ser destruídas pelo …

E se o Orçamento chumbar? Costa não se demite - e o Governo ainda pode aprovar “diplomas fundamentais”

O primeiro-ministro já esclareceu que não tenciona demitir-se em caso de chumbo do Orçamento do Estado 2022, mas a sua governação ficará limitada. Na possibilidade de haver um chumbo do Orçamento do Estado, Marcelo Rebelo de …

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

Bolsonaro relacionou as vacinas contra a covid-19 com o aparecimento de SIDA e acabou suspenso do Youtube

Presidente do Brasil é já reincidente na divulgação de notícias falsas sobre a pandemia (tendo já sido alertado antes), pelo que a plataforma avançou de imediato para a suspensão dos seus canais oficiais. O Youtube suspendeu …

Conselho de Ministros acabou em silêncio. Governo só fala esta terça-feira, no Parlamento

Conselho de Ministros extraordinário convocado por António Costa após ser conhecido o sentido de voto do PCP relativamente ao Orçamento do Estado para 2022 durou mais de duas horas, mas terminou sem declarações oficiais. O primeiro-ministro …