Tribunal mantém ex-chefe de campanha de Trump preso

vpickering / Flickr

Paul Manafort (d) com o seu advogado, Kevin Downing (e)

O Tribunal de Recurso do Distrito de Columbia, nos Estados Unidos, decidiu nesta terça-feira manter em prisão preventiva Paul Manafort, ex-chefe de campanha do presidente americano, Donald Trump, e que enfrenta o seu primeiro julgamento sobre a investigação da chamada “polémica russa”.

O Tribunal de Recurso, uma instância inferior à Supremo Tribunal dos EUA, reafirmou a decisão tomada em junho por uma juíza de Washington, que considerou que o antigo director de campanha Paul Manafort devia ser preso porque tentar influir nas declarações de duas testemunhas.

Manafort enfrenta dois julgamentos: um no Tribunal do Distrito de Columbia, que começará em setembro, e outro no Tribunal do Distrito leste da Virgínia, com sede em Alexandria. O julgamento na Virgínia começou esta terça-feira, com a seleção dos 12 membros do júri e dos seus quatro suplentes, que se encarregarão de decidir sobre a culpabilidade do acusado.

O ex-chefe de campanha de Trump entregou-se ao FBI a 30 de outubro do ano passado, e durante seis meses esteve em regime de prisão domiciliar.

Só na Virgínia, Manafort enfrenta 18 acusações por não ter declarado os 75 milhões de dólares que recebeu por assessorar governos estrangeiros, entre os quais o governo do ex-presidente ucraniano Viktor Yanukovich (2010-2014), a quem ajudou a melhorar a imagem.

Entre 2006 e 2017, segundo a acusação, Manafort trabalhou para Yanukovich e outros governos sem o comunicar às autoridades norte-americanas, o que constitui um crime. Por estes factos, o assessor pode ser condenado na Virgínia a até 270 anos de prisão.

O processo contra Manafort é fruto da investigação do procurador especial Robert Mueller sobre as supostas ligações entre o Kremlin e membros da campanha de Trump para interferir nas eleições de 2016.

As acusações contra Manafort não estão directamente relacionadas com suas actividades como chefe de campanha de Trump entre junho e agosto de 2016, embora nesse período, segundo a acusação, tenha mantido contacto com vários oligarcas próximos ao Kremlin, como o milionário Oleg Deripaska.

// EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Hotelaria pressiona Governo. Quer que turistas com estadias marcadas possam circular entre concelhos

A proibição de deslocação entre concelhos entre dia 30 de outubro e 3 de novembro de modo a evitar contágios agradou a alguns, mas não ao setor hoteleiro, que quer ser deixado de fora da …

Ligação fluvial entre o Seixal e Lisboa suspensa a partir de hoje (e durante 45 dias)

A Transtejo tinha informado que a ligação fluvial entre o Seixal e Lisboa estaria suspensa a partir desta segunda-feira, por 45 dias, devido a obras, mas será assegurado transporte rodoviário até ao terminal de Almada. “A …

Nagorno-Karabakh. Arménia e Azerbaijão acusam-se mutuamente de violação de novo cessar-fogo

A Arménia e o Azerbaijão trocaram esta segunda-feira acusações pela violação de um novo cessar-fogo acordado no domingo para pôr fim às hostilidades no enclave de Nagorno-Karabakh, que deveria ter entrado hoje em vigor. A Arménia …

Venezuela testou molécula que "anula a 100%" o novo coronavírus

O Presidente da Venezuela anunciou, este domingo, que o Instituto Venezuelano de Investigações Científicas (IVIC) testou com sucesso uma molécula, a DR10, que "anula 100%" o novo coronavírus. "O IVIC testou uma molécula usada para tratar …

Com a bancarrota a caminho, Governo Sócrates vendeu quase 80% dos imóveis públicos

Numa altura em que o país já estava em situação complicada, com o cenário de bancarrota no horizonte, o último Governo de José Sócrates vendeu quase 80% do património imobiliário público em apenas dois anos. Estes …

Na primeira noite de recolher obrigatório em Madrid, houve centenas de festas ilegais e álcool na rua

Na primeira noite de recolher obrigatório em Madrid, foram muitos os que ignoraram as restrições. A polícia espanhola foi obrigada a intervir em centenas de festas ilegais e numa festa ao ar livre com mais …

Casa Branca admite que EUA não poderão controlar pandemia. Biden acusa Trump de ter desistido

A Casa Branca admitiu este domingo que os EUA não poderão controlar a pandemia por ser tão contagiosa, numa mudança à postura de minimização da gravidade da crise, numa altura em que há novos recordes …

GNR obrigada a intervir no GP de Fórmula 1. Bastonário diz que evento foi um "insulto" aos profissionais de saúde

O circuito de Portimão teve de fechar algumas bancadas para garantir o distanciamento dos 27.500 espetadores autorizados pela Direção-Geral de Saúde (DGS). Pelo menos em duas foi necessária a intervenção da GNR. Em comunicado, a GNR …

Governo atira-se ao Bloco de Esquerda. Voto contra é "incompreensível"

Em conferência de imprensa, esta segunda-feira, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, afirmou que "o Governo considera incompreensível que não possa contar com o Bloco de Esquerda" para aprovar o Orçamento do …

Chilenos votam de forma esmagadora para substituir Constituição de Pinochet

Os chilenos votaram de forma esmagadora, este domingo, a favor de uma nova Constituição para substituir a herdada da era do ditador Pinochet, num referendo realizado um ano após uma revolta popular contra a desigualdade …