Treinador dos Lakers despedido: “Ainda não me disseram m… nenhuma”

Frank Vogel não deverá continuar como treinador da equipa de Los Angeles, que nem chegou aos play-offs da NBA, desta vez.

O que era impensável há meio ano aconteceu mesmo: os Los Angeles Lakers não estar nos play-offs da NBA em 2022.

A fase regular terminou nesta madrugada e, tal como já se sabia, a equipa de Los Angeles terminou no 11.º lugar da Conferência Oeste.

Assim, nem conseguiu a qualificação para o play-in, uma espécie de liguilha entre os sétimo e 10.º classificados de cada conferência, para definir as últimas quatro equipas apuradas.

Recordemos que o plantel dos Lakers conta, entre outros, com LeBron James, Russell Westbrook, Anthony Davis e Carmelo Anthony, quatro “estrelas” do basquetebol mundial.

Perante este desaire considerável, a direcção dos Lakers não vai esperar pelas próximas semanas: já decidiu despedir o treinador Frank Vogel, que conduziu os Lakers até ao título em 2020.

A informação foi divulgada por Adrian Wojnarowski, jornalista da ESPN muito próximo da NBA.

No entanto, o treinador nada sabe: “Não me disseram m… nenhuma. Vou desfrutar do dia de hoje, celebrar com os rapazes, que lutaram e deram a volta a este jogo”, declarou Frank Vogel, após a vitória da sua equipa contra os Denver Nuggets por 146-141, após prolongamento (na despedida da época).

“O que for para resolver amanhã será resolvido amanhã”, completou o técnico, citado pelo jornal Mundo Deportivo.

Recorde em Los Angeles

A última noite da fase regular ficou marcada por um recorde…em Los Angeles. Mas conseguido pelos Clippers.

Ao derrotarem Oklahoma City Thunder por 138-88, os Los Angeles Clippers conseguiram a sua vitória mais “gorda” de sempre na NBA: margem de 50 pontos.

  Nuno Teixeira da Silva, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.