Tratamento-piloto devolve movimentos a pacientes com Parkinson

Um tratamento-piloto foi capaz de devolver os movimentos a alguns pacientes diagnosticados com doença de Parkinson crónica.

Um tratamento-piloto desenvolvido por uma equipa de cientistas da Universidade de Western, em Ontário, no Canadá, foi capaz de devolver os movimentos a alguns pacientes de Parkinson.

O estudo foi apresentado no no 21º Congresso Internacional da Doença de Parkinson e dos Distúrbios do Movimento, em 2017. Segundo a BBC, o estudo sugeria que a estimulação elétrica da medula espinhal poderia aumentar a possibilidade dos pacientes de realização de atividades diárias, ao mesmo tempo que diminuía os episódios de congelamento de marcha.

Depois de testado, o tratamento fez com que alguns pacientes fossem capazes de andar livremente. À BBC, o diretor da Fundação Nacional para o Parkinson no Centro de Ciências da Saúde de London, em Ontário, Mandar Jog, afirma que os resultados do método nos paciente vão além dos seus “sonhos mais loucos”.

“A maior parte dos nossos pacientes tem a doença há 15 anos e nunca caminhou com confiança. A evolução de estarem presos em casa e de apresentarem um grande risco de quedas até conseguirem viajar ou ir ao shopping é notável”, afirmou o investigador.

Grande parte dos doentes demonstra mais dificuldades em andar à medida que a doença avança. A atividade normal de caminhar envolve uma troca de instruções entre o cérebro e as pernas. Mandar Jog acredita que a doença de Parkinson reduz os sinais que voltam ao cérebro quando a atividade está concluída, quebrando o ciclo de instruções e fazendo com que o paciente não consiga andar.

O implante desenvolvido tem como objetivo ampliar esse sinal, permitindo que o paciente ande normalmente.

“Esta é uma terapia de reabilitação completamente diferente. Nós achávamos que os problemas de movimento ocorreriam em pacientes com Parkinson porque os sinais do cérebro para as pernas não estavam a ser transmitidos, mas parece que são os sinais que deviam voltar ao cérebro que estão degradados“, explica o investigador, também docente da Universidade de Western.

A equipa de cientistas concluiu que, antes de os pacientes receberem os estímulos elétricos, as áreas que controlavam o movimento não funcionavam adequadamente. Contudo, depois de alguns meses, essas áreas pareciam restauradas. Mandar Jog mostrou-se surpreendido ao perceber que o tratamento era duradouro e que funcionava mesmo quando o implante estava desligado.

Gail Jardine foi uma das pacientes a beneficiar do tratamento. Segundo o Público, antes de receber o implante, Gail tinha vários episódios de congelamento de marcha e caía várias vezes por dia.

“Agora posso andar muito melhor. Não caio desde que comecei o tratamento e isso deu-me mais confiança. Estou ansiosa para dar mais passeios com o [marido] Stan ou talvez até fazê-lo sozinha”, conta à BBC.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Volvo prepara mudança estratégica e apresenta o seu novo modelo 100% elétrico: o C40 Recharge

A marca de automóveis sueca apresentou o seu novo modelo 100% elétrico: o C40 Recharge. O modelo representa mais um passo no caminho para a eletrificação total da Volvo, já que esta semana a marca …

Benfica 2-0 Estoril | Águia carimba presença na final

O Benfica venceu o Estoril Praia por 2-0, no Estádio da Luz, e apurou-se para a final da Taça de Portugal, a segunda consecutiva do emblema “encarnado”. Os comandados de Jorge Jesus confirmaram a superioridade …

Um reator nuclear pode ajudar a resolver o mistério do desaparecimento de Amelia Earhart

Uma equipa de investigadores da Universidade Estadual da Pensilvânia, nos Estados Unidos, vai submeter uma folha de alumínio velha e gasta a um feixe de partículas do coração de um reator nuclear na esperança de …

Musk quer criar uma nova cidade no local de lançamento da SpaceX. Vai chamar-se Starbase

O empresário norte-americano Elon Musk está a tentar criar uma nova cidade chamada Starbase nas instalações de lançamento da SpaceX no Texas, nos Estados Unidos. As instalações da SpaceX no Texas estão localizadas em Boca Chica …

Chatbots: A tecnologia que "ressuscita" os mortos é cada vez mais uma realidade

Foi recentemente revelado que em 2017 a Microsoft patenteou um chatbot que, se construído, ressuscitaria digitalmente os mortos. Usando Inteligência Artificial e machine learning, o chatbot proposto traria o nosso ente querido de volta à …

Casal acertou no jackpot de 210 milhões de euros do Euromilhões (mas não registou o boletim)

Dois jovens britânicos pensaram que tinham ganho 182 milhões de libras (cerca de 210 milhões de euros), mas afinal o boletim não tinha sido registado por falta de dinheiro na conta online. Rachel Kennedy, de 19 …

A Islândia foi atingida por 17 mil terramotos na semana passada (e uma erupção pode estar iminente)

Mesmo para uma ilha vulcânica acostumada a tremores ocasionais, esta foi uma semana incomum para a Islândia. De acordo com o Escritório Meteorológico da Islândia, cerca de 17 mil terramotos atingiram a região sudoeste de …

Mulheres portuguesas trabalham mais uma hora e 13 minutos que os homens

As mulheres portuguesas trabalham em cada dia útil mais uma hora e 13 minutos do que os homens, entre trabalho pago e não pago, continuando a ter maior dificuldade em conciliar a profissão com a …

Três sismos acima de 7 na escala de Richter abalam a Nova Zelândia. Autoridades alertam para tsunami

A costa nordeste da Nova Zelândia foi esta quinta feira atingida por três sismos de magnitude acima de 7 na escala de Richter. A proteção civil emitiu um alerta de tsunami após o primeiro terramoto, …

China. PCC aposta na tecnologia interna e na repressão em Hong Kong

Os órgãos consultivos e legislativos da China vão reunir-se a partir desta quinta-feira e aprovar as diretivas da Partido Comunista Chinês (PCC), que aposta em políticas que tornem o país menos dependente do exterior, tanto nas …