Tráfico de seres humanos está fora de controlo em Portugal

Os inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) afirmam que os números oficiais sobre o tráfico de seres humanos em Portugal são “ridículos”.

No ano passado, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) instaurou apenas 20 inquéritos por este crime, número que os inspetores consideram “ridículo” e um “insulto para as milhares de pessoas que todos os anos são vítimas de exploração laboral e sexual em Portugal”.

Acácio Pereira, presidente do Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização (SCIF) do SEF, conta ao Diário de Notícias que “temos noção que há milhares de abusos, em simultâneo, todos os meses, para não dizer todos os dias”, explicando que os dados dos relatórios oficiais não correspondem à realidade portuguesa.

É desta forma que o presidente do Sindicato denuncia a falta de fiscalização desta área e a escassez de meios para prevenir e combater este crime, que está a aumentar em Portugal.

Os dados conhecidos ao longo de 2017 “mostram que a exploração laboral em zonas agrícolas, especialmente no Alentejo, está fora de controlo por falta de capacidade do SEF para fiscalizar a esmagadora maioria das herdades onde trabalhadores ilegais são vítimas de abusos”, sublinha o sindicato.

Por outro lado, “Portugal começou a ser usado como nova rota para o tráfico de crianças, sobretudo africanas: essas crianças e adolescentes são utilizadas para exploração e escravatura em países como França ou Alemanha. Portugal funciona como porta de entrada para o espaço Shengen e o destino final são países do centro da Europa”.

Os inspetor entendem que é necessário aumentar o dispositivo de modo a que a maior parte deste tráfico não continue “a escapar ao nosso controlo”. Este aumento de tráfico de seres humanos no nosso país é também confirmado ao nível da mais importante organização europeia que se dedica a este fenómeno, avança o DN.

O Grupo de Peritos em Ação Contra o Tráfico de Seres Humanos (GRETA) do Conselho da Europa coloca Portugal, no seu mais recente relatório, como um dos países onde o tráfico de seres humanos mais tem crescido e um dos cinco países europeus em que a exploração laboral supera o tráfico sexual.

O relatório dá conta de que maioria das vítimas são homens e a exploração ocorre, sobretudo, na agricultura, hotelaria e pescas. Portugal surge também no cimo da lista de países com mais desaparecimento de crianças.

Questionado pelo jornal, o SEF não reconhece a necessidade de mais recursos e refere que “ao longo de 2017 foram realizadas várias ações de fiscalização em locais conotados com a eventual exploração”. Além disso, segundo o SEF, foram “sinalizadas” 67 vítimas e constituídos 20 arguidos pelo crime de tráfico de pessoas.

O Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SCIF/SEF) realiza a 27 de abril, em Lisboa, a conferência “Tráfico de seres humanos – o SEF e a luta contra o tráfico de pessoas”.

A escolha do tema prende-se com a “subida assustadora, nos últimos anos, do tráfico de seres humanos na Europa, nomeadamente em Portugal”. Segundo o sindicalista Acácio Pereira, o tráfico de seres humanos é a “moderna escravatura” e constitui um crime que “tem de ser melhor combatido”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Isto é o resultado das politicas anti-patriotas da esquerda e extrema esquerda que nos governa!Toda a porcaria entra em Portugal…Esquerda a governar nunca mais!!

  2. Neste país anda TUDO fora de control, então quando lá estão os PS é que anda tudo sem rei nem roque… a filosofia dos PS é quem vier a seguir que se amanhe. No final quem se LIXA SEMPRE é o POVO…

RESPONDER

Cientistas criam algoritmo para identificar covid-19 a partir do som da tosse

Investigadores de vários países criaram um algoritmo que afirmam poder identificar se uma pessoa tem covid-19 a partir do som da sua tosse. Cientistas do México, Estados Unidos, Espanha e Itália, liderados por uma equipa do …

Para proteger o fundo do mar, novo sistema permite atracar vários barcos com uma só "âncora"

Quando vários barcos se amontoam numa enseada durante a noite, cada um deles lança uma âncora que pode potencialmente danificar os corais e a vida marinha no fundo do mar. O sistema Seafloat foi criado …

Japão e Estados Unidos assinam acordo de cooperação para exploração da Lua

O Ministério da Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia do Japão e a agência espacial dos Estados Unidos (NASA) assinaram um acordo de colaboração entre os dois países no programa Artemis, para a exploração da …

Washington Redskins mudam de nome por ser considerado racista

A equipa de futebol americano, até aqui denominada de Washington Redskins, vai abandonar essa designação, considerada de teor racista, para designar nativos da América do Norte. Em comunicado, a equipa de Washington explicou que, depois de uma …

Flores precisaram de cerca de 50 milhões de anos para se tornarem o que são hoje

As plantas com flor evoluíram há cerca de 100 milhões de anos, mas precisaram de outros 50 milhões de anos para diversificar e tornarem-se aquilo que são hoje, sugere uma equipa de investigadores. Os cientistas documentaram …

Estudo sugere que imunidade à covid-19 pode desaparecer em poucos meses

A imunidade adquirida por anticorpos após a cura da covid-19 pode desaparecer em alguns meses, o que poderá complicar o desenvolvimento de uma vacina eficaz a longo prazo, sugere um estudo britânico divulgado esta segunda-feira. "Este …

60 anos depois, já se sabe o que aconteceu aos 9 russos que desapareceram na Montanha da Morte

Passados 61 anos, o mistério da morte de nove esquiadores russos que faziam uma caminhada pelos Montes Urais, perto da chamada Montanha da Morte, foi finalmente resolvido. Em 1959, nove viajantes russos que faziam uma caminhada …

Médicos Sem Fronteiras é "institucionalmente racista", acusam atuais e ex-colaboradores

Uma declaração assinada por mil atuais e ex-funcionários revela que a Organização Não Governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF) é "institucionalmente racista" e reforça o colonialismo e a supremacia branca no trabalho humanitário que pratica. Na …

Empresa culpada pela crise de opioides fez contribuições políticas após declarar falência

A Purdue Pharma, empresa culpada pela crise de opioides nos Estados Unidos, fez contribuições políticas após ter sido processada e declarado falência. Os opioides são usados para aliviar a dor, mas também provocam uma sensação exagerada …

Norte-americano morre após ir a festa para provar que a covid-19 é uma farsa

Um norte-americano de 30 anos, de San Antonio, no estado do Texas, morreu de covid-19 depois de ir a uma festa para provar que a doença era uma farsa, informou a media local. O homem foi …