Um morto em tiroteio em Copenhaga durante debate sobre islamismo

Dezenas de tiros soaram este sábado no exterior de um edifício em Copenhaga, onde decorria um debate sobre o islamismo e a liberdade de expressão, com a participação do embaixador de França e do artista sueco Lars Vilks.

As últimas notícias sobre o acontecimento apontam para pelo menos um civil morto e três polícias feridos.

O embaixador François Zimeray disse no Twitter que se encontrava “ileso”.

Um polícia terá sido ferido na rua, quando tentava proteger quem estava no local, refere a imprensa, citando testemunhos no local.

Primeira-ministra classifica tiroteio como ataque terrorista

A primeira-ministra dinamarquesa classificou o atentado de Copenhaga como um “ataque terrorista”, afirmando que a Dinamarca foi alvo de “um ato de violência cínica”, de acordo com a agência francesa AFP.

“Tudo leva a crer que o tiroteio tenha sido um atentado político, e, consequentemente, um ato terrorista”, disse Helle Thorning-Schmidt.

Já antes a polícia dinamarquesa tinha atribuído a mesma classificação ao atentado que esta tarde provocou a morte de um homem e feriu, pelo menos, três polícias, que se encontravam no local em serviço.

European Parliament / Flickr

A primeira-ministra da Dinamarca, Helle Thorning-Schmidt

A primeira-ministra da Dinamarca, Helle Thorning-Schmidt

A polícia dinamarquesa procura o suspeito da autoria do ataque, tendo já encontrado abandonado e vazio o carro, de modelo Volkswagen Polo, que terá sido usado na fuga.

O ataque ao centro cultural onde decorria o colóquio ‘Arte, blasfémia e liberdade de expressão“, contava com a presença do embaixador de Paris em Copenhaga, François Zimeray, e do cartoonista sueco Lars Vilks, autor de uma caricatura de Maomé publicadas em 2007, que originou uma forte contestação da comunidade islâmica.

O episódio de 2007, que tinha na base o trabalho de Vilks, seguiu-se à polémica que envolveu o diário dinamarquês Jyllands-Posten, que em setembro de 2005 publicou 12 caricaturas de Maomé, consideradas ofensivas pela comunidade islâmica, e que estiveram na base de ameaças de morte dirigidas ao chefe de redação do jornal.

De acordo com a imprensa dinamarquesa, Lars Vilks seria o alvo do ataque.

Nem o embaixador, nem o cartoonista foram atingidos pelos disparos.

Reacções em França

Paris também já classificou oficialmente o atentado como “ataque terrorista”.

“Um ataque terrorista visou uma reunião pública em Copenhaga, em que participava o embaixador de França na Dinamarca. Condeno com a maior firmeza este atentado”, afirmou Laurent Fabius, ministro dos Negócios Estrangeiros francês.

O ministro da Administração Interna francês, Bernard Cazeneuve, deverá viajar “o mais brevemente possível” para a Dinamarca para recolher informações sobre o ataque, informou, por sua vez,o presidente François Hollande, em comunicado.

O presidente francês declarou “toda a solidariedade” do seu país para com a primeira-ministra dinamarquesa Helle Thorning-Schmidt.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientista americana diz estar certa de que a Terra será atingida por asteroide

https://vimeo.com/355132338 Uma cientista americana de uma ONG dedicada a proteger a Terra diz que é 100% certo que um asteroide atingirá o nosso planeta. A cientista é Danica Remy, presidente da Fundação B612. Após um asteroide não …

NASA vai mesmo explorar Europa, a lua de Júpiter que pode ter vida extraterrestre

A NASA deu luz verde a uma missão para explorar uma lua de Júpiter que é considerada um dos melhores candidatos para a vida extraterrestre. A Europa - que é um pouco mais pequena do que …

País de Gales cancela plano controverso de criar "casas de banho robô"

O objetivo da construção era impedir atividade sexual, vandalismo e dormidas nas casas de banho públicas. O projeto ia recorrer às tecnologias de piso sensível ao peso, jatos de água, sensores anti-movimento e alarmes. O conselho …

Sem saber, uma mulher viveu durante 17 anos com a sua "gémea" dentro dela

Uma jovem na Índia, sem saber, viveu com uma das condições médicas mais raras e perturbadoras durante quase duas décadas. De acordo com um relatório de caso desta semana, a mulher tinha um saco que continha …

Novo filme da saga 007 já tem nome e data de estreia marcada

O novo filme da saga 007, realizado por Cary Fukunaga chama-se "No time to die" e estreia-se no Reino Unido e nos Estados Unidos em abril de 2020. "Daniel Craig regressa como James Bond, 007 em... …

Comporta pode tornar-se na nova Ibiza (e tudo começou com a queda do BES)

Após anos de um quase esquecimento, em termos de desenvolvimento imobiliário, a Comporta está a atrair investidores internacionais que encaram a pequena vila de Setúbal como uma "nova Ibiza". Um cenário que está a preocupar …

Família de Aretha Franklin cria fundo para a investigação de cancro raro

Um ano após a morte da cantora, a família de Aretha Franklin criou um fundo de apoio à investigação na área dos tumores neuroendócrinos, a doença rara que se revelou fatal para a celebridade, a …

Sporting vai monitorizar tudo o que se diz e escreve sobre jogadores

A empresa Noisefeed tem uma enorme base de dados relativa à atividade nas redes sociais de milhares de jogadores a nível global. Os jogadores de futebol de todo o mundo usam, cada vez mais, as redes …

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …