/

Os terroristas preferem Toyota

7

cv ISIS

-

Autoridades anti-terroristas dos EUA pediram ajuda à Toyota, a segunda maior construtora automóvel do Mundo, para perceber como o Estado islâmico conseguiu apropriar-se da enorme quantidade de Toyotas iguais que aparecem nos vídeos de propaganda da organização.

Segundo a ABC News, uma unidade norte-americana de combate ao terrorismo iniciou uma investigação sobre a grande quantidade de carrinhas todo-terreno e jipes da construtora automóvel japonesa Toyota Motor Corporation que estão na posse dos terroristas.

Em resposta ao governo dos EUA, a Toyota respondeu em comunicado que “não pratica a venda dos seus automóveis ao Estado Islâmico”.

A empresa declara que segue “uma rígida política contra o fornecimento de viaturas a compradores que as possam utilizar ou modificar para fins militares ou terroristas”, e que “não faz ideia de como é que tantas viaturas foram parar às mãos dos terroristas”.

A investigação, promovida pelo departamento de inteligência financeira e antiterrorista do ministério das Finanças dos EUA, foi iniciada após a divulgação na imprensa de que os militantes do Estado Islâmico recebem grandes quantidades de veículos Toyota, alegadamente “os todo-terreno mais resistentes do Mundo”, que depois são reconvertidos para fins militares.

Em muitos dos vídeos de propaganda do Estado Islâmico, são mostradas imagens de grandes caravanas da organização, compostas quase totalmente por veículos Toyota de diferentes tipos.

cv ISIS

-

Lukman Faily, embaixador do Iraque nos Estados Unidos, chama a atenção de que é notório que os militantes do Estado Islâmico têm “centenas de Toyotas novinhos em folha”. “Como é que eles conseguem ter tantos jipes e pick-ups Toyota?”, pergunta o diplomata.

“A Toyota actua em completa conformidade com as leis de cada país e região, e exige que os seus agentes sigam os mesmo princípios”, disse à ABC o representante da empresa nos EUA, Ed Lewis.

Lewis lamenta no entanto que, apesar das medidas tomadas pela Toyota para evitar a compra dos produtos da empresa por terroristas, seja “impossível controlar todas as rotas de veículos extraviados ou revendidos”.

Ainda assim, parece evidente uma clara preferência da organização por extraviar Toyotas.

  AJB, ZAP //

7 Comments

  1. Só é noticia porque é Toyota e é japonês ( Garantia de fiabilidade) até os terroristas sabem disso, se fossem americanos ou europeus não havia problema nenhum.
    Como alguém já referenciou noutros comentários acima, e as armas de onde vêm????

  2. E as armas que os terroristas e muitos governos que não são mais nem menos do que terroristas legalizados, quem as fabrica e lhas fornece?

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.