O tempo pode parecer mais lento do que realmente é. A culpa é dos neurónios cansados

Quando os neurónios do nosso cérebro começam a ficar muito cansados, diminuem a atividade e, como consequência, percebemos o tempo de forma distorcida.

O cansaço de um grupo de neurónios especialmente sensíveis à noção de tempo pode ser a causa da perceção distorcida do tempo. Os resultados da investigação surgem num novo artigo científico, publicado recentemente no Journal of Neuroscience.

Os cientistas mostraram a um grupo de 20 participantes uma imagem (um círculo cinzento) por curtos períodos de tempo – menores do que um segundo -, trinta vezes seguidas. Uma parte do grupo recebeu a versão curta do estímulo (0,25 segundos) e a outra parte a versão longa (0,75 segundos).

De forma a determinar se a perceção do tempo se havia alterado, os cientistas mostraram aos participantes a mesma imagem, mas desta vez durante períodos de tempo ligeiramente mais longos: 0,35; 0,45; 0,55 e 0,65 segundos cada uma. Ao mesmo tempo, colocaram um toque sonoro com uma duração de 0,50 segundos.

De acordo com a Cosmos Magazine, os cientistas perguntaram aos participantes se o ruído tinha durado mais ou menos tempo do que a exibição das imagens: para os que receberam as repetições mais curtas na primeira fase, o barulho que durava 0,50 segundos pareceu mais rápido do que a exibição da imagem, que durou 0,35 segundos.

Já os participantes que receberam a repetição mais longa (0,75 segundos), o efeito foi exatamente contrário: o ruído era mais demorado do que as imagens.

O melhor é não confiar na perceção do tempo depois de ter sido exposto a repetidos flashes de imagens ou sons”, resumiu Masamichi Hayashi, cientista da Universidade da Califórnia em Berkeley, nos Estados Unidos.

Segundo a equipa de investigadores, durante os testes, os neurónios sensíveis à noção do tempo, situados no giro supramarginal do cérebro, tinham uma atividade mais reduzida, como se estivessem cansados depois de tantas repetições.

Para os cientistas, a redução de atividade nestes neurónios, devido à exaustão provocada pela repetição do estímulo, pode explicar por que motivo as pessoas sentem o tempo passar de forma diferente do tempo objetivo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …

Site da campanha de Trump foi alvo de ataque. Hackers "fartaram-se das fake news"

O website oficial da campanha presidencial de Donald Trump foi alvo de um ataque informático que o deixou temporariamente desfigurado na noite desta quarta-feira. Os hackers responsáveis substituíram o habitual conteúdo por uma mensagem normalmente utilizada …

CV30. O poderoso anticorpo descoberto por cientistas que dá luta ao novo coronavírus

Investigadores do Fred Hutchinson Cancer Research Center, nos Estados Unidos, descobriram um potente anticorpo, encontrado no sangue de um recuperado de covid-19, que interfere com a superfície espinhosa do novo coronavírus, fazendo com que partes …

Igreja flutuante "nasceu" num canal de Londres

A Denizen Works recentemente concluiu uma igreja flutuante pouco ortodoxa em Londres, no Reino Unido. O projeto tem um novo teto que pode ser baixado ou levantado conforme as necessidades. Batizado de Génesis em homenagem ao …

Compostos de alga vermelha da costa de Peniche eficazes no tratamento do cancro

A alga vermelha “Sphaerococcus coronopifolius” da costa de Peniche possui compostos com atividade antitumoral que podem contribuir para o desenvolvimento de novos fármacos ou potenciar o efeito de fármacos de combate ao cancro já existentes, …