Telemóveis podem ajudar a resolver o analfabetismo global

foto: Victorgrigas / wikimedia

foto: Victorgrigas / wikimedia

Um relatório recente da UNESCO relembra o elevado número de pessoas, um pouco por todo o mundo, que não sabe ler. E a principal razão é o facto de não terem acesso a livros. Ler requer livros, e sem eles as pessoas não conseguem praticar as suas habilidades a nível de leitura.

Isto pode não ser um grande problema no mundo ocidental, mas nos países em desenvolvimento, onde o dinheiro é insuficiente, comprar livros não é, de todo, a prioridade.

A solução, de acordo com a UNESCO, pode passar pela tecnologia. Em países como a Etiópia, Nigéria e Paquistão, centenas de milhares de pessoas estão a ler com a ajuda dos telemóveis, cujos preços estão tão baixos – devido aos avanços na tecnologia – que quase toda a gente pode comprar um. Na realidade, dos cerca dos sete biliões de pessoas que habitam a Terra actualmente, mais de seis biliões possuem telemóveis.

Na Nigéria, por exemplo, a taxa de iliteracia é de 40 por cento, com apenas uma biblioteca disponível para 1,35 milhões de pessoas. Os telefones móveis, por outro lado, são largamente utilizados no país como um modo de comunicação simples, podendo ser utilizados para ler. De acordo com a UNESCO, «apesar de os telemóveis ainda serem usados principalmente como meio de comunicação básica, são também, e cada vez mais, uma porta de entrada para o formato de textos longos». E ressalva que «por uma pequena fracção do custo de um livro físico, é muitas vezes possível aceder ao mesmo livro através de um dispositivo móvel».

Apesar de a internet ter ajudado, e muito, a divulgar informação e permitir que qualquer pessoa aceda a centenas de milhares de livros online, não é a melhor solução. O problema é que nem toda a gente tem acesso à internet. Os dados revelam que no continente africano, apenas sete por cento das habitações estão ligadas à internet, em comparação com os 77 por cento na Europa.

Isto traz-nos de volta para o telemóvel, que já está a ser usado por muitas pessoas para a leitura. Mark West, da UNESCO, afirma que «a principal conclusão deste estudo é que os dispositivos móveis podem ajudar as pessoas a desenvolver, manter e melhorar as suas competências de literacia. Isto é importante porque a alfabetização abre as portas para oportunidades e benefícios de mudança de vida».

CG, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Super-vulcão Yellowstone registou 91 terramotos em apenas 24 horas

Os vulcanólogos têm andado atentos ao super-vulcão localizado no Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos. O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) relatou recentemente a ocorrência de 91 terremotos em apenas 24 horas. Estes …

Cartoonista alemão Frank Hoppmann é o vencedor do 15.º World Press Cartoon

O 'cartoonista' alemão Frank Hoppmann, com a caricatura do primeiro-ministro britânico Boris Johnson, é o vencedor da 15.ª edição do World Press Cartoon, foi hoje anunciado nas Caldas da Rainha, na cerimónia de entrega de …

Pequena e funcional. Assim se carateriza a Tiny House (que ainda evita dores de joelhos)

Esta pequena casa móvel pode ser a solução que procura. Devido à sua arquitetura dinâmica é ótima para pessoas com problemas de articulações e que sofrem com dores joelhos, pernas cansadas ​​ou dores nas costas. Hoje …

Chama-se Elios, é um drone e vai explorar as profundezas das cavernas de gelo da Gronelândia

Elios é o drone que está a ajudar os investigadores a descobrirem mais sobre os mistérios da Gronelândia. Inserido numa estrutura própria, tem explorado as cavernas de gelo, facilitando assim o acesso a locais mais …

Milhares de pássaros migratórios estão (misteriosamente) a morrer no Novo México

Um elevado número de pássaros migratórios está a morrer em todo o Novo México, numa misteriosa mortalidade em massa que está a preocupar os cientistas. Estima-se que o número de pássaros mortos seja de centenas de …

Crianças inspiram Lego a livrar-se de todas as embalagens de plástico

As peças da Lego podem acabar no oceano durante mais de mil anos, mas os fabricantes dinamarqueses estão a tentar tornar a empresa ecologicamente correta. Na sua última promessa, a Lego vai começar a usar sacos …

Uma cidade chamada "amianto" está a tentar mudar o nome (e a discussão tornou-se tóxica)

Há uma cidade no Canadá chamada Asbesto - um material de construção altamente tóxico. Os habitantes da cidade não estão felizes com este nome, mas a sua mudança também não está a ser fácil. De acordo …

FC Porto 3-1 Braga | Entrada de “dragão”

O FC Porto iniciou a defesa do título nacional com uma vitória importante sobre o Sporting de Braga por 3-1. Os minhotos marcaram primeiro no Dragão, por um ex-portista, mas os descontos do primeiro tempo foram …

Barco navega em forma de coração para agradecer aos habitantes da Nova Escócia

A escuna Bluenose II navegou de forma bastante original no último dia da temporada de 2020. A rota seguida criou a forma de um coração no porto de Lunenburg, na Nova Escócia. De acordo com o …

França bate recorde com 13.498 novos casos. Espanha não vai confinar

A França registou este sábado um recorde diário de casos de covid-19, com 13.498 novos infetados nas últimas 24 horas, anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, no mesmo período, morreram mais 26 pessoas. No …