Um supercomputador culpou a nossa espécie por aniquilar os neandertais

(dr) Johannes Krause / Museum of the Krapina Neanderthals

Recriação de uma cena da vida de um grupo de Neandertais

De acordo com modelos desenvolvidos num supercomputador, a extinção dos neandertais não foi causada por mudanças repentinas no clima glacial nem por cruzamentos com o Homo sapiens.

Os neandertais viveram na Eurásia durante, pelo menos, 300.00 anos. Há cerca de 43 a 38 mil anos, desapareceram rapidamente da face da Terra, deixando para trás traços genéticos fracos nas atuais populações do Homo sapiens.

A sua extinção coincidiu com um período de intensas alterações climáticas, assim como com a chegada do Homo sapiens à Europa. No entanto, determinar qual destes fatores foi a causa dominante da extinção dos neandertais permaneceu um dos maiores desafios da antropologia evolucionária.

Para apurar que processos desempenharam um papel importante no colapso das populações neandertais, é necessário usar modelos matemáticos. Um recente artigo científico, publicado na Quaternary Science Review, apresenta a primeira simulação realista de modelo computacional da extinção de neandertais na Eurásia.

De acordo com o EurekAlert, o modelo é composto por vários milhares de linhas de código e é executado no supercomputador do IBS Aleph. Os principais parâmetros do modelo são obtidos a partir de simulações realistas de modelos climáticos por computador, dados genéticos e demográficos.

“Esta é a primeira vez que conseguimos quantificar os fatores determinantes da extinção dos neandertais”, disse Axel Timmermann, diretor do IBS Center for Climate Physics da Universidade Nacional de Pusan.

Simulação da densidade populacional de neandertais (esquerda) e Homo sapiens (direita) há 43.000 anos (superior) e há 38.000 anos (inferior)

Ao comparar os resultados com os dados paleo-antropológicos, genéticos e arqueológicos existentes, Timmermann demonstrou que uma extinção realista no modelo de computador só é possível se o Homo sapiens tivesse vantagens significativas sobre os neandertais em termos de exploração dos recursos alimentares existentes.

Apesar de o modelo não especificar os detalhes, são várias as possíveis razões para a superioridade do Homo sapiens, como melhores técnicas de caça, maior resistência a patógenos ou maior nível de fecundidade.

Esta nova abordagem de modelagem por computador identifica a exclusão competitiva como o provável motivo do desaparecimento dos neandertais.

“Não é por acaso que os neandertais desapareceram exatamente na mesma época em que os Homo sapiens começaram a espalhar-se pela Europa”, referiu Timmermann, acrescentando que este estudo “mostra claramente que este evento foi a primeira grande extinção causada pela nossa própria espécie“.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Matamos os seus homens na guerra.
    Violamos as suas mulheres
    E oferecemos os seus filhos aos Deuses.
    Fomos os claros vencedores.

Jiménez falhou o primeiro penálti de toda a sua carreira e o Wolves caiu da Liga Europa

O avançado mexicano Raúl Jiménez falhou o primeiro penálti de toda a sua carreira, num jogo a contar para a Liga Europa que acabou por ditar a saída do Wolverhampton. Na mesma jornada, Shakhtar Donetsk …

Mais duas mil detenções na Bielorrússia. Reunião de Riga pede envolvimento urgente da União Europeia

Mais de duas mil pessoas foram detidas na segunda noite de manifestações de protesto na Bielorrússia contra os resultados das eleições presidenciais. A Letónia, Estónia, Finlândia e Polónia concordaram com a marcação de uma reunião …

Humanos podem ter "reciclado" região do cérebro quando aprenderam a ler

Um novo estudo mostra que os seres humanos podem ter "reciclado" uma região-chave do cérebro para os ajudar a dar sentido à palavra escrita. De acordo com o site Science Alert, em testes com macacos-rhesus, os …

Cientistas usam a Lua como espelho gigante para procurar extraterrestres

Os astrónomos ainda não desistiram de procurar vida para lá da Terra e acabam de criar um novo método para encontrar exoplanetas habitáveis, que envolve o uso da Lua como uma espécie de espelho gigante. Especialistas …

Astrónomos descobriram um buraco negro "incapaz" de fazer o seu trabalho

Astrónomos descobriram o que pode acontecer quando um buraco negro gigante não interfere na vida de um enxame de galáxias. Usando o Observatório de raios-X Chandra da NASA e outros telescópios, mostraram que o comportamento passivo …

Homem na casa dos 20 anos morre de peste no Novo México

Um homem na casa dos 20 anos morreu de peste septicémica no estado norte-americano do Novo México, anunciaram as autoridades de saúde deste estado. A vítima, cuja identidade não foi revelada publicamente, viva em Rio …

Cara do pintor italiano Rafael reconstruida para resolver mistério do seu túmulo

Uma equipa de especialistas fez uma reconstrução em 3D da cara do pintor italiano renascentista Rafael. Assim, confirmaram o seu aspeto físico e resolveram o mistério relativamente ao seu túmulo. O rosto do pintor italiano Rafael …

Novo método não-invasivo permite diagnosticar cancro cerebral sem fazer incisões

Diagnosticar tumores cerebrais pode ser difícil e muito invasivo. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu um método para detetar cancro no cérebro sem ser necessária qualquer incisão. Os tumores cerebrais são normalmente diagnosticados através de imagens …

A última plataforma de gelo intacta do Canadá colapsou. Criou um icebergue maior do que o Porto

A plataforma de gelo Milne, no Canadá, fragmentou-se no final do mês de julho, formando vários icebergues, dois dos quais de grandes dimensões. Cientistas ouvidos pela agência noticiosa AP referem que esta era uma plataforma especial, …

Ícones da moda de luto: a indústria fashion nunca mais será a mesma

Muitas são as áreas da economia a ser gravemente afetadas pela pandemia de covid-19. A indústria da moda não foge à tendência e já são muitos os líderes de grandes marcas a "declarar morte" à …