Um supercomputador culpou a nossa espécie por aniquilar os neandertais

(dr) Johannes Krause / Museum of the Krapina Neanderthals

Recriação de uma cena da vida de um grupo de Neandertais

De acordo com modelos desenvolvidos num supercomputador, a extinção dos neandertais não foi causada por mudanças repentinas no clima glacial nem por cruzamentos com o Homo sapiens.

Os neandertais viveram na Eurásia durante, pelo menos, 300.00 anos. Há cerca de 43 a 38 mil anos, desapareceram rapidamente da face da Terra, deixando para trás traços genéticos fracos nas atuais populações do Homo sapiens.

A sua extinção coincidiu com um período de intensas alterações climáticas, assim como com a chegada do Homo sapiens à Europa. No entanto, determinar qual destes fatores foi a causa dominante da extinção dos neandertais permaneceu um dos maiores desafios da antropologia evolucionária.

Para apurar que processos desempenharam um papel importante no colapso das populações neandertais, é necessário usar modelos matemáticos. Um recente artigo científico, publicado na Quaternary Science Review, apresenta a primeira simulação realista de modelo computacional da extinção de neandertais na Eurásia.

De acordo com o EurekAlert, o modelo é composto por vários milhares de linhas de código e é executado no supercomputador do IBS Aleph. Os principais parâmetros do modelo são obtidos a partir de simulações realistas de modelos climáticos por computador, dados genéticos e demográficos.

“Esta é a primeira vez que conseguimos quantificar os fatores determinantes da extinção dos neandertais”, disse Axel Timmermann, diretor do IBS Center for Climate Physics da Universidade Nacional de Pusan.

Simulação da densidade populacional de neandertais (esquerda) e Homo sapiens (direita) há 43.000 anos (superior) e há 38.000 anos (inferior)

Ao comparar os resultados com os dados paleo-antropológicos, genéticos e arqueológicos existentes, Timmermann demonstrou que uma extinção realista no modelo de computador só é possível se o Homo sapiens tivesse vantagens significativas sobre os neandertais em termos de exploração dos recursos alimentares existentes.

Apesar de o modelo não especificar os detalhes, são várias as possíveis razões para a superioridade do Homo sapiens, como melhores técnicas de caça, maior resistência a patógenos ou maior nível de fecundidade.

Esta nova abordagem de modelagem por computador identifica a exclusão competitiva como o provável motivo do desaparecimento dos neandertais.

“Não é por acaso que os neandertais desapareceram exatamente na mesma época em que os Homo sapiens começaram a espalhar-se pela Europa”, referiu Timmermann, acrescentando que este estudo “mostra claramente que este evento foi a primeira grande extinção causada pela nossa própria espécie“.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Matamos os seus homens na guerra.
    Violamos as suas mulheres
    E oferecemos os seus filhos aos Deuses.
    Fomos os claros vencedores.

RESPONDER

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …

Chega quer tornar voto obrigatório e sanções para quem não cumprir

O deputado único do Chega entregou uma nova proposta no âmbito do projeto de revisão constitucional do partido para tornar o voto obrigatório para todos os cidadãos que o possam exercer e sanções para quem …

A Alemanha quer tornar o teletrabalho um direito legal

O Governo alemão prepara-se para publicar um projeto de lei que dará aos trabalhadores do país o direito legar de trabalhar a partir de casa. A medida aplicar-se-á a todos as atividades laborais que possam …

Novo surto em lar de Beja e 90 alunos em isolamento em Famalicão

Um surto de covid-19 identificado no Lar de Idosos do Centro Paroquial e Social do Salvador, em Beja, já infetou 31 pessoas, sendo 24 utentes e sete funcionários, divulgou a Unidade Local de Saúde do …

Mais de 600 anos depois, encontram-se (várias) semelhanças entre a covid-19 e a peste negra

Numa altura em que o vírus da covid-19 se tem espalhado por todo o mundo, as comparações com outras doenças pandémicas são inevitáveis. Um exemplo disso foi a peste negra que em 1348 fez com …

Nacionalista apoiado pela Turquia eleito Presidente de Chipre do Norte

O nacionalista Ersin Tatar, apoiado pela Turquia, foi no domingo eleito "Presidente" da autoproclamada República Turca de Chipre do Norte (RTCN), numa vitória surpreendente face ao dirigente cessante, Mustafa Akinci, anunciou o conselho eleitoral. Com 51,74% …

China alerta que detectou coronavírus vivo numa embalagem de comida congelada

O Centro para o Controlo e Prevenção de Doenças da China alerta que detectou amostras vivas do novo coronavírus em embalagens de comida congelada, pelo que estas podem ser um veículo de contágio. Já tinham sido …

Marcelo está a fazer o que a ministra da Saúde “devia ter feito”, critica Ordem dos Médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, criticou esta segunda-feira a ministra da Saúde, Marta Temido, e elogiou o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, por ter decidido reunir com representantes de várias …