Superbactérias mutantes ameaçam futuras tripulações da Estação Espacial

Foram identificadas cinco estripes de uma bactéria multirresistente a antibióticos, semelhante às habitualmente contraídas nos hospitais, na Estação Espacial Internacional (ISS), levantando preocupações quanto à saúde dos astronautas em futuras missões.

A notícia, avançada pelo RT neste domingo, dá conta que a bactéria recém-descoberta assemelha-se a uma outra bactéria detetada em recém-nascidos e num idoso com o sistema imunitário debilitado em três unidades hospitalares norte-americanas.

As estripes da Enterobacter bugadensis encontradas na ISS não são contagiosas para os seres humanos na forma em que foram detetados. No entanto, alertaram os cientistas, o seus genomas são semelhantes o suficiente com três patogénicos existentes na Terra e, por isso, estas estripes carecem de mais estudos, apontaram os especialistas do Instituto de Tecnologia da Califórnia.

As cinco estripes bacterianas encontradas são resistente a cinco dos antibióticos mais utilizados, incluindo a penicilina. As espécies de Enterobacter são comummente encontradas no trato intestinal humano, assim como em esgotos e no solo, mas também têm estado implicadas numa ampla gama de infeções hospitalares – incluindo a endocardite e a bacteremia.

De acordo com uma análise de computorizada levada a cabo pelos investigadores, a probabilidade das bactérias espaciais infetarem humanos é de cerca de 79%.

No entanto, o cientista Kasthuri Venkateswaran afirmou que não há ainda motivos para alarme, enfatizando, contudo, a necessidade de realizar mais estudos em seres vivos de forma a determinar como é que os os fatores ambientais associados às viagens espaciais afetam as bactérias.

A micro-gravidade é conhecida por aumentar a tendência de uma determinada bactéria adquirir material genético externo e tornar-se mais resistente a metais e antibióticos, fatores estes que podem predispor a Enterobacter bugadensis da ISS a aumentar o seu nível de virulência no futuro.

Quatro das amostras de E. bugadensis foram recolhidas da casa de banho da estação espacial internacional, a restante foi encontrada na plataforma Advanced Resistive Exercise Device em março de 2015.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Que estivéssemos “fritos” com a deterioração da eficácia dos antibióticos, era já sabido. A este nível, estamos MESMO fritos.
    A culpa é das pessoas que não cumprem as prescrições dos médicos, depois de exigirem a estes um antibiótico “por tudo e por nada”!

    • Acha que sim? Que no estação espacial estava toda a gente a tomar antibióticos? Não acabou de ler que a micro-gravidade potencia a capacidade das bactérias adquirirem DNA externo e adquirirem resistência especialmente aos metais e antibióticos? (As palavras podem não ter sido exactamente estas). É que em condições diferentes existem também diferentes respostas dos micro-organismos e não podemos aplicar exactamente o mesmo raciocínio que na adaptabilidade dos organismos a factores de agressão externa que aplicamos na terra.

RESPONDER

João Félix deve regressar aos relvados na próxima semana

O internacional português João Félix deve regressar aos relvados na próxima semana e pode mesmo vir a ser opção do Atlético de Madrid para o jogo frente ao Granada, marcado para o próximo dia 23 …

Vítimas do franquismo pedem investigação à origem das jóias que a família Franco vai leiloar

A Associação para a Recuperação da Memória Histórica (ARMH), que inclui familiares das vítimas do franquismo, pediu ao Governo espanhol que investigue a origem das jóias que a família Franco vai leiloar. De acordo com …

"Sem dúvida". Montenegro diz que era capaz de derrotar Costa

O antigo líder parlamentar do PSD Luís Montenegro, que é agora candidato à liderança do partido, afirmou, em entrevista ao jornal Público e à Rádio Renascença, que era capaz de derrotar António Costa.  "Acho que era …

Rússia quer legalizar comércio de 'diamantes de sangue' africanos

Os diamantes exportados da República Centro-Africana estão associados à corrupção, à violência, à guerra civil, a violações e assassinatos. Agora, Moscovo anunciou que quer o fim do embargo internacional, buscando legalizar na totalidade a sua …

Economia abrandou, mas ainda é possível cumprir meta de crescimento

O Produto Interno Bruto cresceu 0,3% no terceiro trimestre, face aos três meses anteriores, metade do registado no segundo trimestre, mantendo o ritmo de crescimento, de 1,9%, na comparação com o mesmo período de 2018. Segundo …

Sporting vai avançar com ação de despejo das claques

A SAD leonina vai avançar com uma ação de despejo para que as claques Juventude Leonina e Directivo Ultras XXI deixem os espaços que ocupam no Estádio José Alvalade, avança A Bola esta quarta-feira. De …

"Ninguém quer trabalhar" na Casa Pia. Pais em protesto devido à falta de pessoal

Os pais e encarregados de educação do Centro Educativo e Desenvolvimento D. Maria Pia, em Lisboa, vão entregar na segunda-feira um abaixo-assinado à tutela para pedir a abertura de concursos externos para reforço de pessoal …

Trump elogiou Erdogan, depois de uma reunião que descreveu como "maravilhosa e produtiva"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, elogiou na quarta-feira o seu relacionamento com o homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan. Os dois líderes encontraram-se para tentar superar várias diferenças, incluindo a situação na Síria e a compra …

MH17. Novas provas revelam contactos frequentes entre a Rússia e separatistas ucranianos

A equipa internacional que conduziu a investigação sobre a queda do voo MH17 em 2014 no leste da Ucrânia divulgou novas provas que apontam para contactos muito frequentes entre a Rússia e os rebeldes separatistas …

Imunidade diplomática deixa em liberdade suspeito de tentar matar com ácido sulfúrico

O suspeito de homicídio, na forma tentada, ficou em liberdade depois de ter apresentado o passaporte diplomático às autoridades, que impede que seja detido ou constituído arguido. De acordo com a TVI24, um alto responsável da …