Sporting quer reforçar o plantel (e vai investir 25 milhões de euros)

O Sporting já tabelou o investimento para a época 2021/22 e a SAD leonina está disposta a investir até 25 milhões de euros, perto daquilo que vai lucrar apenas com a entrada na Champions (23 M€), avança o Record.

Agora que já são Campeões Nacionais, os leões preparam-se para preparar a próxima temporada e estão dispostos a investir até 25 milhões de euros.

Apesar de o valor ser inferior à época de 2020/21 – em que foram gastos 28 milhões de euros (16 M€ apenas em Paulinho, a transferência mais cara do clube) –, será concentrado em, até ver, quatro reforços, todos ‘incontestáveis’, escreve o jornal Record.

O Sporting procura, assim, um desequilibrador, um jogador que tenha rasgo e que possa atuar nas três posições do ataque, um lateral-direito que possa fazer concorrência a Pedro Porro e também um lateral-esquerdo, uma vez que a administração acredita ser quase impossível a permanência de Nuno Mendes.

Por fim, avança o desportivo, também chegará um segundo avançado.

Dos 25 milhões disponíveis para contratar, será Rúben Amorim, em conjunto com a sua equipa técnica, a parcelar o valor total pelas posições já citadas.

O corredor direito já terá nomes identificados, neste caso ambos com ligação ao Sporting: Ricardo Esgaio, desejo já antigo de Rúben Amorim, que parece estar na pole position, mas blindado por uma cláusula de 20 milhões de euros no Braga, ainda que os leões detenham 20% de uma mais-valia; e Carlos Mané, ex-leão, hoje no Rio Ave e por quem os verdes e brancos mantêm direitos, neste caso 25% do bolo, em caso de transferência.

  ZAP //

 

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.