Ataque a Alcochete. Sporting vai exigir indemnização a Bruno de Carvalho

Miguel A. Lopes / Lusa

Bruno de Carvalho, ex-presidente do Sporting

O Sporting vai pedir uma indemnização por danos a Bruno de Carvalho, Mustafá e restantes 38 acusados no processo relativo ao ataque à Academia de Alcochete.

A notícia foi avançada pelo Record na quinta-feira. Aparentemente, o pedido de compensação ao ex-presidente do Sporting vai mesmo avançar, faltando apenas definir a data e os valores que vão ser reclamados no processo.

A direção de Frederico Varandas entende que o clube e a SAD leonina foram gravemente prejudicados e lesados em todo o processo, que ficou marcado como um dos episódios mais “negros” do desporto português.

Desta forma, o Sporting vai pedir uma indemnização a Bruno de Carvalho; Nuno Mendes – conhecido como Mustafá -, o líder da claque Juventude Leonina; e aos restantes 38 arguidos que continuam em prisão preventiva, depois da acusação formal do Ministério Público aos suspeitos do ataque à Academia do clube.

Existe a possibilidade de o valor exigido ser determinado conforme o comprometimento de cada envolvido no processo, sendo pedida uma quantia diferente a Bruno de Carvalho, Mustafá e aos outros 38 arguidos.

Bruno de Carvalho e Mustafá em liberdade

Bruno de Carvalho e Mustafá foram detidos no domingo, 11 de novembro, com base em mandados emitidos pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa.

Na quinta-feira seguinte, dia 15 de novembro, o ex-presidente do Sporting e o líder da Juve Leo saíram em liberdade, sujeitos a apresentações diárias às autoridades e a uma caução de 70 mil euros, decretou o Tribunal do Barreiro.

Num comunicado divulgado aos jornalistas, o juiz Carlos Delca diz que o Ministério Público não apresentou provas suficientes dos crimes que são apontados aos dois arguidos, com exceção da droga que terá sido apreendida a Mustafá nas buscas à Juve Leo. A nota refere também riscos como o perigo de fuga, perturbação do inquérito, continuação da atividade económica e ameaça à ordem pública.

A 16 de novembro, o MP concluiu e entregou o despacho de acusação relativo à investigação do ataque a Alcochete. Bruno de Carvalho e o elemento de ligação aos adeptos Bruno Jacinto, bem como o líder da Juve Leo, foram considerados pela acusação como autores morais do ataque às instalações do clube, bem como de 101 crimes, nos quais 38 de sequestro e um de terrorismo.

O juiz de instrução criminal do Barreiro, Carlos Delca, decidiu manter a decisão de prisão preventiva aos restantes 38 arguidos que foram detidos depois do ataque ao centro de treinos do Sporting. O juiz entendeu que continua a existir perigo de fuga e de perturbação do decurso do inquérito e da ordem pública.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Vila Galé abandona projeto que ameaçava reserva indígena no Brasil

O Vila Galé anunciou que vai abandonar o projeto para a instalação de um resort na região da Bahia, que tem estado debaixo de críticas por estar previsto para um local de potencial reserva indígena. Em …

Depois de ter sido expulsa da Hungria, universidade criada por George Soros reabre na Áustria

A Universidade da Europa Central, criada pelo bilionário George Soros em Budapeste, na Hungria, em 1991, foi expulsa do país depois que o primeiro-ministro Viktor Orbán a acusou de promover valores liberais no país, incluindo …

Bloco defende fim de portagens nas ex-Scut do interior

A coordenadora do BE defendeu esta segunda-feira, no Porto, o fim das portagens nas ex-Scut do interior do país e a necessidade de "rever" as parcerias público-privadas rodoviárias por serem "absolutamente lesivas para os cofres …

Jovem muçulmana de Tavira já tem equipamento para jogar basquetebol

A jovem atleta do Clube de Basquetebol de Tavira, impedida de alinhar num jogo no passado domingo, já possui o equipamento que lhe permite jogar segundo as regras da modalidade e da religião muçulmana. Fátima Habib …

Presidente da Catalunha começa a ser julgado por desobediência

O presidente do Governo regional da Catalunha reconheceu, esta segunda-feira, que não cumpriu a ordem da comissão nacional de eleições espanhola de remover os símbolos separatistas alegando ser "ilegal" e de cumprimento "impossível". "Sim, eu desobedeci", …

Um restaurante acabou de abrir a um quarteirão da Casa Branca. Chama-se "Comida de Imigrante"

Um restaurante chamado "Immigrant Food" ("Comida de Imigrante") abriu a um quarteirão da Casa Branca. O local quer fazer com que ajudar imigrantes seja tão fácil como pedir comida de um menu. Assim, além de comida, …

Trump admite testemunhar no inquérito para a sua destituição

O Presidente dos EUA admitiu, esta segunda-feira, "considerar seriamente" a possibilidade de testemunhar por escrito no inquérito para a sua destituição, que decorre no Congresso. "Embora não tenha feito nada de errado e não goste de …

INE espanhol está a "espiar" telemóveis para estudo estatístico

Um estudo do INE espanhol está a receber duras críticas por alegadamente infringir a privacidade de dados dos cidadãos. O gabinete irá monitorizar os telemóveis dos espanhóis. O Instituto Nacional de Estatística (INE) de Espanha deu …

Donald Tusk vai presidir o Partido Popular Europeu

O presidente do Conselho da União Europeia (UE) é o único candidato à presidência do Partido Popular Europeu (PPE) e vai suceder no cargo ao francês Joseph Daul. Esta será a primeira vez que um europeu …

EUA. Casal vegan vai ser julgado por homicídio depois da morte do filho de 18 meses

Um casal americano, que segue uma alimentação vegan, vai ser julgado por homicídio depois da morte do filho de 18 meses, por malnutrição. Ambos vão permanecer detidos até à data do julgamento, em dezembro. Segundo noticiou …