Série SpongeBob acusada de “violência”, “racismo” e de perpetuar o “colonialismo”

A série infantil SpongeBob foi acusada de perpetuar o “racismo” e o “colonialismo” junto dos mais novos. A crítica é feita por uma professora da Universidade de Washington.

No fundo do mar, a vida parece feliz. A maioria dos episódios da série SpongeBob SquarePants são sobre as aventuras e desafios que a famosa esponja amarela tem de superar, ao lado dos seus amigos Patrick, Sandy, Squidward e até com o patrão Sr. Krabs.

Mas não agrada a todos. Uma professora da Universidade de Washington, Holly M. Barker revela num artigo rceente a responsabilidade que as personagens têm na normalização da saída de povos indígenas das suas terras por parte dos Estados Unidos.

O artigo foi publicado na rveista “O Pacífico Contemporâneo: Um Diário de Temas das Ilhas” com o título “O inquietante SpongeBob e os legados de violência em Bikini Bottom”.

Segundo a professora, a ilha de Bikini Bottom inspira-se na ilha Bikini Atoll, localizada nas ilhas Marshall, no Oceano Pacífico. A “casa” de SpongeBob localiza-se na ilha subaquática utilizada para testes nucleares em 1946 pelos Estados Unidos.

Segundo o Jornal de Notícias, na vida real, os habitantes desta ilha foram obrigados a deslocalizar-se durante a Guerra Fria para que esses testes pudessem ser realizados.

Holly M. Barker critica o “branqueamento das atividades militares norte-americanas” na série infantil e na História contada aos mais novos. Para a professora, é a continuação da perpetuação da hegemonia dos Estados Unidos face aos outros povos.

Além disso, a apropriação cultural de saias havaianas por algumas das personagens e a existência de um restaurante de hambúrgueres, típico da cultura norte-americana, são provas de que a normalização do racismo, violência e colonialismo continuam a ser incutidos pela cultura popular, estendendo-se até aos desenhos animados.

A autora conclui assim que a série, que celebra 20 anos, promove “as práticas coloniais violentas e racistas”.

Segundo o JN, há na Internet várias teorias sobre esta série infantil, nomeadamente quem considere que os diversos tipos de formas das personagens (esponja, urso, caranguejo, estrela do mar, polvo) são resultado dos testes nucleares feitos na ilha de Bikini Atoll.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

John Cleese esgota três coliseus em 48 horas

John Cleese vai estar no Coliseu de Lisboa com “Last Time To See Me Before I Die” durante três dias. O humorista britânico esgotou as três datas em apenas 48 horas. Durante esta madrugada (10), a …

Descoberta no Egito múmia de grande animal semelhante a um leão

O Ministério das Antiguidades egípcio anunciou esta segunda-feira que uma equipa de arqueólogos desenterrou uma múmia de um grande animal incomum, semelhante a um leão ou uma leoa. “É um animal muito estranho, como um gato …

Ex-agentes da DEA revelam detalhes da vida de Escobar na prisão que o próprio construiu

Dois dos agentes do DEA, que durante mais de um ano participaram na operação de captura de Pablo Escobar, revelaram alguns detalhes sobre a vida do narcotraficante e ex-líder do cartel de Medellín na prisão La …

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …