Sonda Cassini prepara o seu “grande final” com um mergulho em Saturno

A sonda Cassini, em órbita de Saturno desde 2004, prepara manobras para entrar na atmosfera do planeta gigante gasoso a 15 de setembro, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

A primeira manobra começará com uma última aproximação a Titã, uma das luas de Saturno, a 22 de abril. Dotada de 12 instrumentos científicos, a sonda vai efetuar, a 26 de abril, a primeira descida ao espaço inexplorado de 2.400 quilómetros que separa o planeta dos seus anéis.

Nenhuma sonda se aventurou nesta região única que vamos tentar atravessar 22 vezes”, explicou o adjunto da direção das missões científicas da NASA, Thomas Zurbuchen.

Segundo o investigador, a informação recolhida a partir das últimas trajetórias da Cassini poderá permitir uma melhor compreensão da formação e da evolução dos planetas gigantes e dos sistemas planetários em geral.

Importantes descobertas foram feitas graças à sonda, como a da existência de um vasto oceano sob a superfície gelada da lua Encélado e de mares de metano líquido em Titã.

A equipa espera obter dados sobre a estrutura interna de Saturno e a origem dos seus anéis, assim como imagens sem precedentes das neblinas saturnianas.

Quando entrar na atmosfera do planeta, a sonda continuará a transmitir informação a partir de muitos dos seus instrumentos, nomeadamente sobre a composição da atmosfera, até à perda do seu sinal.

Lançada no espaço há cerca de 20 anos, a sonda deve o seu nome ao astrónomo italiano Giovanni Cassini, que descobriu quatro luas de Saturno e observou a divisão de anéis do planeta.

Grande final

A NASA vai ter que decidir qual a melhor maneira de terminar a missão a Saturno, uma vez que a Cassini já não tem muito combustível. Mas o começo do fim para a Cassini é, em muitos aspetos, uma missão inteiramente nova.

Usando a perícia obtida durante os muitos anos da missão, os engenheiros da Cassini projetaram um plano de voo que maximiza o valor científico de enviar uma sonda até ao seu fatídico mergulho no planeta no dia 15 de setembro.

À medida que dá início às suas órbitas finais, durante os próximos cinco meses a missão vai acumular uma lista impressionante de feitos científicos.

“Esta conclusão planeada da viagem da Cassini foi, de longe, a escolha preferida dos cientistas da missão,” explica Linda Spilker, cientista do projeto Cassini no JPL da NASA em Pasadena, no estado norte-americano da Califórnia. “A Cassini fará algumas das suas mais extraordinárias observações no final da sua longa vida.”

A Cassini vai fazer a transição para as órbitas do seu grande final, com um último “flyby” pela lua gigante de Saturno, Titã, no dia 22 de abril, sábado.

Tal como o fez muitas vezes ao longo da missão, a gravidade de Titã vai curvar a rota de voo da Cassini. A órbita da Cassini irá então encolher até que em vez de fazer a sua maior aproximação de Saturno, mesmo para lá dos anéis, começará a passar entre o planeta e a orla interna dos seus anéis.

Em meados de setembro, após um distante encontro com Titã, o percurso da nave será dobrado o suficiente para fazer com que mergulhe no planeta.

Quando a Cassini fizer o seu mergulho final na atmosfera de saturno, no dia 15 de setembro, enviará dados de vários instrumentos – principalmente dados sobre a composição atmosférica – até que o seu sinal seja perdido.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Águas passadas ainda movem moinhos. Rui Rio e Catarina Martins atacam com fantasmas da troika e do PREC

No debate deste domingo, não houve tema em que Rui Rio e Catarina Martins estivessem de acordo. Os líderes do PSD e do BE aproveitaram todos os temas para mostrar as diferenças que separam os …

Vinte anos depois, surgem regras de lares para crianças em perigo

A Lei de Proteção de Crianças e Jovens foi aprovada em 1999. Desde então, um diploma para definir o papel das casas de acolhimento era aguardado. Existe agora, 20 anos depois, um projeto, mas se …

Este caranguejo usa os dentes que tem no estômago para "rosnar" aos inimigos

Os caranguejos-fantasmas usam os dentes que têm na região gástrica para "rosnar" aos seus inimigos quando se sentem ameaçados. Geralmente, quando o nosso estômago faz barulho é sinal de que estamos com fome. Pois bem, de …

Rei de Espanha inicia ronda de consultas para tentar evitar novas eleições

Felipe VI vai receber 15 líderes partidários por ordem da sua representação parlamentar, terminando na terça-feira, ao fim da tarde, com o secretário-geral do PSOE e atual chefe do Governo de gestão. Depois de ver os …

Costa venceu os debates, mas PS cai nas sondagens (e PSD ainda está longe)

Uma nova sondagem para o Jornal de Notícias e TSF mostra o Partido Socialista na frente com 39,2% das intenções de voto, ainda fora de terreno de maioria absoluta, mas mantém a distância para …

A Matemática resolveu o mistério do bilhete da lotaria que tem sempre prémio

Em 1969, Adrian R.D. Mathias propôs um enigma matemático no qual existiria um bilhete de lotaria que seria sempre premiado. A resposta à abordagem teórica de Mathias só pode ser resolvida recorrendo à teoria dos …

Vandalizadas instalações da delegação da União Europeia em Israel

As paredes da delegação da missão da União Europeia (UE) em Israel apareceram, este domingo, vandalizadas com grafiti e com acusações ameaçadoras de que “o dinheiro alemão mata judeus”. A delegação da UE naquele país já …

Morreu Ric Ocasek, vocalista dos The Cars

Ric Ocasek, vocalista dos The Cars, foi encontrado morto no domingo à tarde em sua casa em Manhattan, anunciou a polícia de Nova Iorque. Segundo um porta-voz do Departamento de Polícia de Nova Iorque, foi a …

Espanha vence Argentina e sagra-se campeã do mundo de basquetebol

A Espanha sagrou-se campeã mundial pela segunda vez na sua história, 13 anos depois, ao bater a Argentina por 95-75, na final da 18.ª edição da prova, em Pequim, na China. A formação comandada por Sergio …

Por que ganhamos peso à medida que envelhecemos? A Ciência respondeu

Muitas pessoas lutam para controlar o seu peso à medida que envelhecem. Fazem dietas e praticam exercício físico, mas, quando chegam à balança, ficam dececionadas. Agora, uma nova investigação descobriu porque é que as pessoas …