Solucionado o mistério do estranho “gelado de tentáculos” que viveu há 500 milhões de anos

(dr) Danielle Dufault / Royal Ontario Museum

Os tentáculos de alimentação do hyolitha eram usados para filtrar a água e recolher alimento dela

Os tentáculos de alimentação do hyolitha eram usados para filtrar a água e recolher alimento dela

Um estranho animal que viveu no fundo do oceano há 500 milhões de anos  encontrou finalmente o seu lugar entre as espécies, resolvendo um mistério de longa data.

A criatura tem escapado à classificação científica desde a descoberta, há 175 anos, do seu primeiro fóssil. Afinal, não pertence mesmo à família dos moluscos – a hipótese mais vezes avançada, mas nunca comprovada.

O hyolitha, como foi chamado, tem uma concha em forma de cone, tentáculos para alimentação e apêndices que agiam como “pés”. Foi muitas vezes descrito na imprensa como sendo parecido com “um gelado com tentáculos“.

Os hyolithas pertencem a um grupo de invertebrados que inclui animais como os do filo phoronida, metazoários encontrados no mar, explicam os cientistas, e foram seguramente testemunhas do período cambriano, a chamada explosão da vida, que deu origem a várias espécies de animais.

Joseph Moysiuk, investigador da Universidade de Toronto, fez a descoberta depois de analisar mais de 1.500 espécimes escavados de rochas no Canadá e nos EUA. “Os hyolithas são pequenos animais em forma de cone que habitam os mares, conhecidos de todo o mundo, principalmente pelos fósseis de suas conchas”, explicou.

“Eles aparecem no registo fóssil há cerca de 530 milhões de anos atrás e sobreviveram até há cerca de 250 milhões de anos. Mas a questão sobre onde os hyolithas encaixam realmente na árvore da vida foi um mistério nos últimos 175 anos, desde que foram inicialmente descritos.”

O estudo, publicado na revista Nature, analisou os tecidos moles preservados em “fósseis muito especiais” de um local no Canadá conhecido como Burgess Shale. No passado, os hyolithas foram associados ao filo dos moluscos, que são comuns actualmente, e que incluem as lulas e os caracóis.

A nova pesquisa sugere que os animais estão, na realidade, mais intimamente relacionados com um grupo diferente de organismos portadores de conchas, conhecidos como lophophorata, que inclui entre outros os braquiópodes, com as suas “conchas em formato de lâmpada”.

(dr) Royal Ontario Museum

Os novos fósseis do hyolitha foram encontrados no Canadá

Os novos fósseis do hyolitha foram encontrados no Canadá

Mares antigos

Os Hyolithas estavam presentes no início do período Cambriano, há cerca de 540 milhões de anos, durante uma rápida explosão de evolução que deu origem à maioria dos principais grupos de animais.

“Ao encaixá-los na árvore da vida, resolvemos esse longo mistério paleontológico sobre o que são essas criaturas”, disse Joseph Moysiuk.

“Conseguimos descobrir algumas características novas de um grupo muito velho de animais fósseis, e isso permitiu-nos revelar a história evolutiva deste grupo de animais e onde exactamente eles encaixam na árvore da vida.”

Martin Smith, da Universidade de Durham, no Reino Unido, que também trabalhou nos fósseis, explica à BBC que, ao colocar os hyolithas no seu legítimo lugar, os cientistas agora têm uma melhor imagem da vida nos mares antigos.

Tal dá aos cientistas uma visão sobre o impacto de eventos de extinção em massa, como a extinção em massa do Permiano-Triássico, que aniquilou a maior parte da vida animal, incluindo os hyolithas.

“Compreendendo os efeitos de tais extinções em massa na ecologia e na diversidade é particularmente importante à medida que procuramos avaliar e mitigar as implicações do atual evento de extinção em massa provocado pela atividade humana”, disse Smith.

// BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Chovem diamantes no interior de Neptuno e Urano (e já se sabe porquê)

Podem estar a chover diamantes dentro dos corações de Neptuno e Urano. Agora, os cientistas descobriram novas evidências experimentais que mostram como é que isso poderia ser possível. Neptuno e Urano são os planetas mais mal …

Descobertas duas super-Terras na zona habitável de uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar

Uma equipa internacional de cientistas encontrou duas super-Terras a orbitar uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar. Conduzida pela Universidade de Göttingen, na Alemanha, a equipa de especialistas localizou um sistema formado por pelo …

Sporting 2-1 Gil Vicente | Leão de Plata só sabe vencer

O Sporting cumpriu na recepção ao Gil Vicente, no fecho da 29ª jornada da Liga NOS, e venceu por 2-1, num jogo que pareceu sempre controlado, mas que terminou com emoção. Os “leões” dominaram por completo …

Leões marinhos decapitados estão a dar à costa no Canadá (e ninguém sabe porquê)

Os corpos decapitados de pelo menos cinco leões-marinhos encontrados nas costas de Vancouver, no Canadá, nos últimos meses sugerem que pode haver um serial killer de mamíferos marinhos à solta. O LiveScience relata que pelo menos …

Este japonês é a única pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja

Um homem japonês tornou-se a primeira pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja depois de concluir um curso de pós-graduação que envolvia a aprendizagem de artes marciais básicas e escalada de montanhas. De …

Cátio Baldé acusado de comprar vistos para jogadores do Benfica

Cátio Baldé está a ser acusado de corrupção passiva por ter pagado a um funcionário da embaixada portuguesa em Bissau para conseguir vistos para jogadores do Benfica. O empresário admite o crime, mas nega o …

Ex-polícia admite ser "Assassino de Golden State" e declara-se culpado de 13 homicídios

O ex-polícia norte-americano Joseph DeAngelo declarou-se, esta segunda-feira, culpado de 13 homicídios. Mais conhecido como o "Assassino de Golden State", DeAngelo foi preso em 2018, após 40 anos de investigação. A identificação do criminoso apenas foi …

Infarmed garante ter stock de remdesivir, apesar da compra massiva dos EUA

Depois da notícia de que os EUA compraram à empresa Gilead Sciences praticamente toda a reserva para três meses do medicamento remdesivir, o primeiro aprovado no país no tratamento de covid-19, o Infarmed garante que …

Orfão, capturado e apresentado à rainha. A história da mais antiga fotografia de um indígena da Nova Zelândia

Um daguerreótipo - primeiro processo fotográfico do mundo - mantido na Biblioteca Nacional da Austrália é o mais antigo retrato fotográfico conhecido de um indígena maori da Nova Zelândia. Na imagem antiga, um adolescente aparece vestido …

Uma mesa de 490 metros na Charles Bridge. Em Praga, o fim da restrições celebrou-se com um jantar em massa

Os habitantes de Praga, capital da República Checa, construíram uma mesa com quase 490 metros e realizaram um enorme jantar público esta terça-feira para comemorar o fim do bloqueio do coronavírus no país. De acordo com …