Mais perto do que nunca. Solar Orbiter fez a sua primeira aproximação ao Sol

A sonda Solar Orbiter registou esta segunda-feira as fotografias mais próximas do Sol. As imagens foram capturadas durante a primeira aproximação da missão à estrela.

A sonda Solar Orbiter, da Agência Espacial Europeia (ESA), foi enviada ao Espaço em fevereiro com a missão de captar as primeiras imagens dos pólos do Sol. Esta segunda-feira, o explorador fez uma aproximação de cerca de 77 milhões de quilómetros de distância da nossa estrela, registando as primeiras fotografias.

A distância de 77 milhões de quilómetros corresponde a cerca de metade da distância entre o astro e o planeta Terra. A Solar Orbiter é a primeira sonda europeia a entrar na órbita de Mercúrio, e na sua maior aproximação do Sol, está previsto chegar aos 42 milhões de quilómetros de distância da sua superfície.

A aproximação vai permitir aos cientistas testar os seus 10 instrumentos científicos. Segundo o EarthSky, os seis telescópios a bordo vão permitir obter imagens muito próximas do Sol em uníssono pela primeira vez, que serão reveladas em meados de julho.

Até agora, todas as fotografias captadas e aproximadas do astro foram feitas a partir da Terra, através do telescópio solar no Havai. A sonda solar Parker, da NASA, lançada em há dois anos, já fez algumas aproximações, mas não possui telescópios com capacidade de olhar diretamente para o Sol.



As primeiras observações têm como objetivo testar se os telescópios estão preparados para futuros registos científicos e, apesar de ser um teste, a verdade é que os cientistas já aguardam com ansiedade alguns resultados.

A próxima fase de aproximação será realizada em 2021 e a mais próxima planeada só para o início de 2022, prevendo-se uma aproximação de 48 milhões de quilómetros.

A Solar Orbiter vai aproveitar a gravidade de Vénus para executar rotações em forma elíptica e, asism, conseguir registar imagens dos pólos do Sol. Esta observação vai permitir aos cientistas analisar e compreender melhor o comportamento do campo magnético.

A sonda encontra-se, atualmente, a 134 milhões de quilómetros da Terra e, nesta fase, as imagens demoram cerca de uma semana a chegar, com uma janela diária de nove horas para fazer o download.

Assim que a Solar Orbiter se aproximar ainda mais do Sol, as imagens podem demorar vários meses a chegar, mas o satélite tem capacidade de reter as imagens no próprio hardware e depois enviá-las quando se aproximar novamente do nosso planeta.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Uber investe 90 milhões em novo ‘hub’ e sede em Lisboa e espera contratar mais 200 pessoas

A Uber está a investir 90 milhões de euros num novo ‘hub’ e sede de operações em Lisboa, hoje inaugurados, criando mais de 400 empregos diretos e pretendendo contratar mais 200 pessoas até final do …

Máscara nos espaços fechados e eventual terceira dose em massa - as conclusões da reunião no Infarmed

Terminou há momentos a reunião do governo com especialistas no Infarmed sobre o balanço da evolução da pandemia e as recomendações das medidas que devem ser adoptadas nesta nova fase. A reunião começou com as …

"Cruzeiro espacial" da SpaceX com quatro civis já está em órbita

Voo espacial terá a duração de três dias e cada um do seus tripulantes (quatro civis) terá uma tarefa na missão. Ainda assim, viagem tem um objetivo nobre e social. Passo a passo, Elon Musk parece …

Líder do PAN faz queixa no Ministério Público depois de ser ameaçada de morte

A deputada mostrou no Twitter o tipo de insultos e ameaças que tem recebido e avisa que não se vai calar ou permitir que o desrespeito continue. Inês Sousa Real foi insultada e ameaçada nas redes …

Árbitro foi muito "benévolo" com o FC Porto

O golo de Taremi e a expulsão de Mbemba originaram protestos portugueses. Os espanhóis têm uma visão diferente. O Atlético de Madrid-FC Porto contou com duas boas equipas em campo e uma "que esteve menos bem", …

Buraco na camada de ozono ultrapassa o tamanho da Antártida

A dimensão do buraco na camada de ozono no hemisfério sul ultrapassou o tamanho da Antártida, continente com cerca de 14 milhões de quilómetros quadrados, anunciou hoje o serviço europeu Copernicus, de monitorização da atmosfera. “O …

Políticos e especialistas querem legalizar canábis (com impostos para prevenir o consumo)

Um grupo de 65 personalidades, entre especialistas médicos e ex-ministros, apela à legalização da canábis, considerando que é a melhor forma de prevenir o consumo desta droga, nomeadamente através dos impostos aplicados ao sector. Esta carta …

Mais 1062 casos e seis mortes por covid-19. Internamentos continuam em queda

Há actualmente 497 doentes internados, menos 30 pessoas do que no último balanço. Mais seis pessoas morreram de covid-19 nas últimas 24 horas. Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais seis mortes e mais 1062 casos …

Crescimento sustentado da economia dá margem ao Governo nas negociações para OE

Governo tem a seu favor uma evolução positiva das receitas fiscais, o que lhe deverá permitir metas mais ambiciosas de redução do défice ou, em alternativa, assumir mais medidas com impacto negativo no orçamento. O crescimento …

Portugal contratou mais professores, mas salários baixaram

Em ano de pandemia, um relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) mostra as diferenças que existem nas carreiras dos professores na Europa e em Portugal. O reforço do número de professores no …