Software de plágio apanhou Shakespeare a “roubar” textos para 11 peças

RafkinsWarning / DeviantArt

William Shakespeare

William Shakespeare

Um software de plágio descobriu que William Shakespeare “roubou” muitas palavras de um livro pouco conhecido, escrito no final de 1500 por George North.

Como todo o artista bem-sucedido, William Shakespeare era uma potência criativa que utilizava diversas referências nos seus trabalhos. É conhecido, por exemplo, que o escritor se inspirou nos escritos de Plutarco e de autores italianos contemporâneos para criar as tramas das suas peças.

Agora, há evidências de uma nova fonte da qual Shakespeare bebeu: “A Brief Discourse of Rebellion and Rebels”, um livro escrito no final de 1500 por George North, uma figura presente na corte da Rainha Elizabeth. A descoberta foi feita, surpreendentemente, através de um software de deteção de plágio.

O escritor Dennis McCarthy, pesquisador da história da língua inglesa, tomou conhecimento do livro de North através de um catálogo de leilões. O anúncio sugeria que seria interessante compará-lo com a obra de Shakespeare.

McCarthy e a professora de inglês June Schlueter decidiram digitalizar o texto do autor pouco conhecido, comparando-o com peças de Shakespeare através do software de código aberto WCopyfind, muito utilizado por professores para verificar se os alunos estão a plagiar artigos académicos.

Ao que tudo indica, Shakespeare leu “A Brief Discourse of Rebellion and Rebels” e achou a escrita tão brilhante que decidiu copiá-la, muitas vezes diretamente, nas suas peças. A dupla de pesquisadores descobriu que 11 obras de Shakespeare possuem inspirações tiradas do livro de North.

No seu livro, North incentiva aqueles que se veem como feios a se esforçarem para serem interiormente bonitos, a fim de desafiar a natureza. O escritor usa uma sucessão de palavras para fazer o seu argumento, incluindo “proporção”, “vidro”, “recurso”, “justo”, “deformado”, “mundo”, “sombra” e “natureza”.

No solilóquio de abertura da peça shakespeariana “Ricardo III”, o tirano corcunda usa as mesmas palavras, praticamente na mesma ordem, para chegar à conclusão oposta: que, uma vez que ele é exteriormente feio, agirá como o vilão que parece ser.

William Shakespeare não só usa as mesmas palavras, como também as cenas sobre temas semelhantes, utilizando os mesmos personagens históricos. Numa outra passagem do livro, North usa seis termos sobre cães para argumentar que, assim como os cães existem numa hierarquia natural, os humanos também.

“As pessoas não percebem quão raras essas palavras realmente são“, disse McCarthy.

PARTILHAR

RESPONDER

Califórnia já tem uma estrada pavimentada com plástico

O que parece uma estrada comum é agora a mais recente novidade na cidade de Oroville, na Califórnia. A nova construção junta uma tecnologia que mistura garrafas de plástico com asfalto. Por cada quilómetro de …

Mais de mil operacionais combatem cinco grandes fogos em Portugal

Mais de 1100 operacionais e 16 meios aéreos estão a combater, esta quinta-feira, os cinco maiores incêndios rurais em território continental, concentrados sobretudo na região Centro, de acordo com dados da Proteção Civil. Segundo o site …

Coca-Cola financiou estudos científicos que minimizaram o papel das bebidas açucaradas na obesidade, revela investigação

A Coca-Cola terá financiado com milhões de dólares vários estudos científicos que minimizaram o impacto das bebidas açucaradas na obesidade. A conclusão é de uma investigação publicada na revista médica Public Health Nutrition, que conta …

André Ventura vai pedir suspensão temporária do mandato no Parlamento

O deputado do Chega vai pedir, em setembro, a suspensão do mandato parlamentar até fevereiro do próximo ano para se dedicar às campanhas eleitorais da região dos Açores e das Presidenciais. Em declarações à agência Lusa, …

Governo abre concursos para 800 novos técnicos especializados nas escolas

As escolas vão poder contratar mais de 800 novos técnicos especializados, um reforço de recursos humanos "englobado nas medidas excecionais de organização e funcionamento das escolas para o próximo ano letivo". "As escolas vão poder contratar …

Macron em Beirute: "Se não houver reformas, Líbano continuará a afundar-se"

O Presidente francês chegou, esta quinta-feira, a Beirute, no Líbano. É o primeiro chefe de Estado a visitar o país depois das explosões que destruíram parte da capital.  Emmanuel Macron aterrou no Líbano, esta quinta-feira, e …

"Eu disparei". Neonazi alemão confessa ter matado autarca Walter Lübcke

Um neonazi alemão confessou hoje em tribunal ter matado o autarca Walter Lübcke em 2019, homicídio que chocou o país e fez ressurgir o debate sobre a violência de extrema-direita na Alemanha. "Eu disparei" sobre Walter …

Há 16 anos que não havia tão pouca água na albufeira do Alqueva

É preciso recuar ao ano de 2004 para encontrar uma altura em que esta albufeira tenha tido menos água do que agora, que corresponde apenas a 63,8% do seu nível de pleno armazenamento. De acordo com …

CTT passam de lucros a prejuízos de dois milhões de euros

Os CTT registaram, no primeiro semestre deste ano, prejuízos de dois milhões de euros, o que compara com lucros de nove milhões de euros em igual período de 2019. "O resultado líquido foi de -2 milhões …

Equipa do ciclista em estado grave vai apresentar queixa-crime contra o rival

O diretor da equipa Deceuninck-Quick Step confirmou, esta quinta-feira, que vai apresentar uma queixa-crime contra o ciclista Dylan Groenewegen, face à sua responsabilidade na grave queda de Fabio Jakobsen no Tour da Polónia. "Confirmo as mensagens …