Série do canal Panda Biggs considerada imprópria para crianças

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) considerou a série Shin Chan, que é exibida no canal Panda Biggs, pouco adequada para crianças mais novas e determinou que só poderá ser transmitida depois das 22h30.

A deliberação surgiu depois de o regulador ter recebido, entre 6 de dezembro de 2016 a 24 de janeiro deste ano, 105 queixas de vários organismos e espectadores, contra um episódio destes desenhos animados japoneses.

O Instituto de Apoio à Criança, a Ordem dos Enfermeiros, o Projeto Criar e a Secretaria-Geral do Ministério da Saúde foram algumas das entidades que manifestaram preocupação com o capítulo em questão, afirmando que o mesmo poderia evocar atos de pornografia ou até pedofilia.

“Duas personagens vestidas como enfermeiras, no âmbito de uma unidade de saúde, realizam um exame ao ânus da criança de cinco anos, que passa por penetração com os dedos e sugestão de penetração com objetos, acompanhado de comentários sobre a alegada perfeição do ânus e imagens e sons de sofrimento da mesma criança”, destacou a Ordem dos Enfermeiros.

O Panda Biggs acabou por se defender e afirmou que, naquele episódio, “o pai de Shin Chan é submetido a uma operação às hemorroidas e está muito queixoso, enquanto que o filho está sempre a fazer traquinices e a gozar com ele. O Shin Chan andava pela clínica a mostrar o rabinho a toda a gente, por isso a médica aproveitou o momento para analisar o rabo do rapaz”.

“O propósito da cena é submeter o Shin Chan ao mesmo tipo de análise que é realizada na clínica, a qual, não sendo agradável, serve de lição por causa das suas traquinices“, acrescentou fonte do canal temático infantil.

Em resposta às queixas, a ERC emitiu um despacho no qual clarificava que a série Shin-chan não contem qualquer ato de pornografia ou pedofilia, mas determinou que a série só pode ser transmitida em Portugal a partir das 22:30.

“Não se poderá considerar que a cena em causa consista em abuso sexual ou pedofilia. No entanto, após a visualização da cena num contexto descontraído e humorístico de desenho animado, as crianças podem ser levadas a não encontrar diferenças relativamente a outros atos que, sendo aparentemente semelhantes, revestem-se das maiores diferenças, consistindo no abuso sexual de um menor”, destacou o regulador.

Os desenhos animados que estão a gerar polémica falam sobre o quotidiano de um rapaz japonês, Shinnosuke Nohara, que tem “um comportamento totalmente anormal” e é considerado um “mau exemplo” para crianças.

A série é considerada uma das mais longas do mundo, com mais de 2000 episódios traduzidos em mais de 30 línguas, e é constantemente uma das séries de anime com maior audiência no Japão.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. De facto a cena em questão foi exagerada, mas gosto muito da série Shin Chan, é muito divertida, proponho que alterem o episódio em questão e que continue tudo como antes.
    Mas depois desta noticia provavelmente esse episódio vai ser dos mais vistos daqui em diante.

    • Sim, concordo que esta cena foi exagerada. O bom humor tem disto (além disso é animação). Mas também concordo que não seja uma série propriamente para crianças até aos 8/10 anos…
      Podiam perfeitamente passar a exibi-la em canais como a Sic Radical que neste momento não se entende qual é o público alvo, com programas de nível bem baixo e mt mais preocupante como “bad girls” ou “wwf”…

RESPONDER

Ex-governador do Rio de Janeiro libertado. Luiz Pezão passará a usar pulseira eletrónica

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) brasileiro libertou na terça-feira o ex-governador do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão, substituindo a sua prisão preventiva por medidas cautelares alternativas, como uso de pulseira eletrónica, anunciaram fontes …

EUA, Canadá e México assinam revisão do NAFTA. Pacto comercial tem 25 anos

Representantes dos Estados (EUA), do Canadá e do México assinaram na terça-feira uma nova revisão do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (NAFTA), um pacto comercial entre os três países, que já tem 25 anos. Segundo noticiou …

Bósnia fecha campo improvisado e transfere quase 800 pessoas para Sarajevo

A Bósnia fechou, esta quarta-feira, um campo de refugiados, montado num local onde antes funcionava um aterro de lixo, que não tem água potável nem eletricidade. As autoridades bósnias fecharam esta quarta-feira um campo acolhimento de …

Trabalhadores dos Registos em greve a 26, 27 e 28 de dezembro

O Sindicato Nacional de Registos vai estar em greve contra o decreto-lei aprovado pelo Governo, acusando Marcelo Rebelo de Sousa de não ter tido "sensibilidade na análise do diploma do sistema remuneratório". O Sindicato Nacional de …

Artistas exigem 1% do Orçamento do Estado para a Cultura

Mais de 300 artistas concentrados esta terça-feira em frente ao Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, exigiram um valor imediato de 1% do Orçamento do Estado para a Cultura, em 2020. O protesto, convocado pela …

Depois do Idai, ainda há carência de comida e água potável

São milhares os desalojados que, após o ciclone Idai, continuam sem acesso a água potável. Além disso, a necessidade de comida mantém-se em níveis inalterados. Os dados da Organização Internacional para as Migrações (OIM), patentes no …

Há mulheres-polícia que recebem menos quando estão grávidas

De acordo com um relatório sobre as iniquidades de género dentro da Polícia de Segurança Pública (PSP), ao qual a revista Sábado teve acesso, há mulheres-polícia que recebem menos quando ficam grávidas. Segundo o inquérito realizado …

França. Governo adia entrada em vigor das novas pensões

O novo sistema universal de pensões em França vai abranger apenas as gerações nascidas a partir de 1975 e só terá nova formulação, através de pontos, a partir de 2025. O novo sistema universal de pensões …

Greta Thunberg é a "Personalidade do Ano" da revista Time

Greta Thunberg é a “Personalidade do Ano” mais jovem alguma vez escolhida pela revista Time. A capa da edição de 23 de dezembro foi divulgada esta quarta-feira. A revista norte-americana Time elegeu a ativista climática sueca …

Erupção do Whakaari. Nova Zelândia encomendou 120 metros quadrados de pele para tratar os feridos

A Nova Zelândia já encomendou 120 metros quadrados de pele humana aos Estados Unidos para tratar os 30 feridos do vulcão Whakaari, na Ilha Branca. Cirurgiões neozelandeses têm trabalhado sem parar dado o número de queimados …