Para sensibilizar para o Alzheimer, Marcelo escolhe a memória que nunca quereria perder

“As memórias que eu gostaria de guardar…” é uma campanha da associação Alzheimer Portugal que quer alertar a população portuguesa para a problemática das demências, que afetam mais de 180 mil pessoas. Setembro é o mês mundial da doença de Alzheimer e foi o Presidente da República quem estreou a iniciativa.

Se Marcelo pudesse guardar um só instante “em todas as circunstâncias, suceda o possa vir a suceder, nos anos que ainda” tem pela frente na sua vida, não conseguiria teria que escolher dois.

O Presidente da República, apesar de com alguma dificuldade em escolher, dá o mote para o começo da campanha “As memórias que eu gostaria de guardar…“, organizada pela Alzheimer Portugal, optando por guardar para sempre o nascimento dos filhos.

“Foram os momentos mais marcantes da minha vida, separados apenas por três anos, mas na altura isso parecia uma eternidade. Se eu pudesse escolher um ou dois instantes da minha vida particularmente significativos seriam esses instantes”, revela.

No vídeo, que serve para “a título meramente exemplificativo” o Presidente eleger um dos momentos mais significativos da sua vida, Marcelo Rebelo de Sousa inicia a campanha e incentiva à participação durante o mês para a sensibilização para a doença.

A iniciativa contará também com outras figuras públicas (animadores de rádio, deputados, jornalistas), que também aceitaram o convite da Alzheimer Portugal. A associação irá partilhar na sua página no Facebook e no seu canal no YouTube os diversos vídeos, mas o desafio é para todos.

Basta gravar um vídeo que comece com a frase “A memória que eu gostaria de guardar…” e partilhá-lo nas redes sociais usando as hashtags #memoriasparaguardar e #passeiodamemoria e desafiar três amigos a fazer o mesmo.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que em todo o mundo existam 47,5 milhões de pessoas que sofram com a demência.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Encontrado raro caracol fossilizado em âmbar com 99 milhões de anos

Uma equipa internacional de paleontólogos descobriu em Mianmar um caracol incrivelmente fossilizado em âmbar datado de há cerca de 100 milhões de anos - sendo, por isso, contemporâneo dos dinossauros.  Ao contrário da maioria dos …

Se não pararmos de comer carne, vamos acabar com o planeta

Cada cidadão deverá reduzir em 75% o seu consumo de carne de vaca, 90% de carne de porco, comer metade da quantidade de ovos e triplicar o consumo de sementes e frutos secos. Segundo um estudo …

Encontrado o mais antigo registo sobre Jerusalém

Especialistas da Autoridade de Arqueologia de Israel (AAI) encontraram uma pedra com uma inscrição de dois mil anos de idade na qual se lê "Jerusalém" em hebraico. Encontrada numa escavação subterrânea por baixo do Centro de …

NASA tem esperança que os ventos de Marte reanimem a Opportunity

Os ventos fortes, que se fazem sentir em Marte num determinado período do ano, poderão ajudar a limpar a poeira dos painéis solares do rover Opportunity, que está adormecido desde junho. De acordo com a …

Dormir muito é tão prejudicial como dormir pouco

Um novo estudo descobriu que dormir muito pode ter consequências tão prejudiciais para a saúde como dormir pouco, reduzindo igualmente as capacidades cognitivas.  Um grupo de cientistas da Universidade norte-americana de Ontario conduziu em junho de 2017 …

Cientistas desenvolveram uma retina humana em laboratório

Cientistas da Johns Hopkins University, nos Estados Unidos, desenvolveram a partir do zero tecido da retina humana para aprender como é que são compostas as células que nos permitem ver o mundo a cores. Os cientistas …

Asteróide deixa cientistas perplexos com a sua superfície incomum

Cientistas receberam os primeiros dados e fotos do rover MASCOT, que pousou recentemente na superfície do asteroide Ryugu, e ficaram completamente perplexos. Os dados obtidos apontam para uma quantidade extremamente baixa de poeira na superfície do …

Ossadas contam história de criança neandertal devorada por pássaro gigante da Idade do Gelo

Arqueólogos descobriram os restos humanos mais antigos já encontrados na Polónia. Análises posteriores revelaram pertencerem a uma criança neandertal que terá sido devorada por um pássaro gigante. Apesar de as ossadas terem sido recuperadas há já …

Cientistas descobrem de que são feitos os exoplanetas semelhantes à Terra

Investigadores da Universidade de Zurique analisaram a composição e estrutura de exoplanetas distantes usando ferramentas estatísticas. A sua análise indica se um planeta é parecido com a Terra, se é composto por rocha pura ou …

10% dos homens são daltónicos

Um em cada 10 homens sofre de daltonismo, uma perturbação caracterizada pela incapacidade de diferenciar todas ou algumas cores. O daltonismo, também conhecido como discromatopsia ou discromopsia, é uma perturbação da perceção visual caracterizada pela incapacidade …