Sem-abrigo multados e detidos por pedirem esmola e dormirem na rua

O número de pessoas em situação de sem-abrigo que estão a ser multadas, condenadas e presas por mendigar ou dormir nas ruas é cada vez maior em Inglaterra e no País de Gales.

Em relação a este tema, o Reino Unido entra em contradição. Apesar das novas diretrizes, comunicadas às autoridades no início deste ano, que incluem instruções para não multar pessoas vulneráveis que dormem nas ruas, uma investigação do The Guardian encontrou 50 autoridades locais com ordens de proteção do espaço público em Inglaterra e no País de Gales.

Este tipo de ordem de proteção o espaço público incluem a retirada dos sem-abrigo dos centros das cidades, multas constantes e ainda detenções, explica o Diário de Notícias.

Além do valor das multas ser bastante elevado – no valor de centenas de libras – o jornal britânico adianta que existem vários casos de pessoas que foram enviadas para a prisão por terem sido várias vezes a pedir esmola na rua.

Um dos casos mais polémicos é o de um homem que este quatro meses detido por mendicidade. Segundo o The Guardian, quando aplicou a pena, o juiz admitiu que estava a “mandar um homem para a prisão por pedir comida por estava com fome”.

Mas este não é um caso único no Reino Unido. Outro britânico foi multado em 105 libras (119 euros) depois de uma criança lhe ter deixado duas libras no cobertor onde dormir, na rua.

Desde 2014, foram condenadas, pelo menos, 51 pessoas por infringirem as ordens de proteção do espaço público, como dormir nas ruas, mendigar ou, até, vaguear. Algumas multas chegam às 1100 libras (cerca de 1253 euros), tendo sido emitidas centenas de notas de culpa.

Advogados, instituições de caridade e ativistas já se revoltaram em relação a esta situação, tendo descrito estas situações como atos de uma “desumanidade grotesca“. Apontam assim o dedo aos poderes públicos por serem zelosos só por quererem retirar “pessoas que não lhes convém” das ruas dos centros das cidades.

Algumas instituições de caridade já pediram ao Governo que acabe com estas ordens, argumentando que são um exemplo de abuso de poder.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. A continuar assim, ainda começam a mandá-los para campos de detenção com um letreiro no portão a dizer “Work Sets You Free”.

  2. depois é um país como estes que vem apelar pelos os direitos humanos, invadir os países que não respeita as etnias, como pode ser tão grande a ipocresia.. direitos humanos só para ir comer alguma coisa desses desgraçados que são usados para invadir

  3. Pergunta estupida. Na inglaterra n ha instituicoes como a Santa Casa da Mesericordia cá, que dao comida aos sem abrigo? Se dão, estavam a mendigar pq?

RESPONDER

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …

Mudanças climáticas ameaçam 60% das espécies de peixes do mundo

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, sugere que as mudanças climáticas podem destruir mais espécies de peixes do que se pensavam anteriormente. Se as temperaturas globais subirem …

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …

Novo comboio-bala entra ao serviço na linha Tóquio-Osaka

O mais novo modelo de comboio-bala do Japão - o N700S - entrou ao serviço no dia 1 de julho, numa jornada inaugural de Tóquio a Osaka. A série N700S (sendo que o "S" significa "Supreme") …

Kanye West anuncia candidatura à Presidência dos EUA

O músico norte-americano Kanye West anunciou este sábado, Dia da Independência dos Estados Unidos, a sua candidatura à Casa Branca, depois de ter apoiado anteriormente o atual Presidente e candidato à reeleição, Donald Trump. "Agora devemos …

Vídeo revela, pela primeira vez, como é que o cérebro se livra dos neurónios mortos

Uma equipa de cientistas conseguiu usar, pela primeira vez, uma técnica que "mata" uma célula cerebral isolada e permite observar o processo de limpeza do sistema nervoso em tempo real. A equipa de investigadores conseguiu registar …