Segurança Social baixa apoios a Recibos Verdes. Maioria só vai receber 219 euros

António Cotrim / Lusa

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho

A fórmula de cálculo definida pelo Governo para o “apoio extraordinário à redução da actividade económica”, que é concedido a trabalhadores independentes, os chamados Recibos Verdes, devido ao novo confinamento geral, leva a que muitos recebam o valor mínimo estipulado.

O cálculo para a obtenção deste apoio é feito com base nas contribuições para a Segurança Social dos últimos 12 meses, mas a grande maioria dos trabalhadores a recibos verdes não facturou ou facturou menos do que o habitual em 2020, devido às restrições motivadas pela pandemia de covid-19.

Assim, grande parte dos trabalhadores que recorrerem ao apoio extraordinário devem receber o valor mínimo previsto, ou seja, 219,41 euros, segundo o Jornal de Notícias (JN).

Em declarações divulgadas pelo diário, a ministra do Trabalho e da Segurança Social, Ana Mendes Godinho, sustenta que esta foi a forma de assegurar pagamentos “de forma célere”.

Precários denunciam que estão “sem protecção imediata”

Entretanto, a Associação Precários Inflexíveis (API) denuncia que os trabalhadores a recibos verdes estão, neste momento, “sem protecção imediata”, uma vez que só podem pedir os apoios “entre os dias 1 e 10 de Fevereiro”.

“O Governo deve garantir que o apoio chega rapidamente a quem precisa, antecipando para Janeiro o período para submeter os pedidos e assegurando que os pagamentos são feitos nos dias seguintes ao pedido”, apela a API num comunicado.

É inaceitável que, num momento tão crítico e em que é pedido um esforço colectivo para conter a pandemia, os trabalhadores e as trabalhadoras a recibos verdes fiquem sem protecção imediata”, afiança ainda a associação.

A API cita também o “histórico de demoras e indeferimentos injustificados” para salientar que não há sequer “a certeza de que o apoio chegará efectivamente em Fevereiro” nos moldes em que está definido este processo.

Mas “na prática, nenhum apoio está neste momento em efectiva aplicação”, denunciam os Precários, apontando que, neste “momento de urgência”, “o Governo está a deixar para trás milhares de pessoas, que ficam sem uma resposta imediata quando mais precisam”.

A API destaca ainda que a medida se destina apenas “a quem teve quebras em actividades que foram encerradas para combater a pandemia”, o que pode “excluir muitas pessoas que, apesar de não trabalharem numa dessas actividades, se vêm sem rendimentos pelo efeito geral provocado pelo confinamento“.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Ora aí está mais uma “boa” medida deste desgoverno!
    Não se esqueçam de voltar a votar nestes profundos incompetentes. Este governo ficará para a história como a maior quadrilha de incompetentes que alguma vez se reuniu numa só organização. Ao pé destes, até o Sócrates era um excelente profissional. Roubava mas fazia obra! Essa é que é essa.

RESPONDER

Pandemia já matou quase tantos norte-americanos como a gripe espanhola

A covid-19 já matou quase tantos norte-americanos, no último ano e meio, como a gripe espanhola, entre 1918 e 1919, de acordo com dados esta terça-feira divulgados pela Universidade Johns Hopkins. Embora o aumento das novas …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: A sexta, a bonança e um festival de juventude

O pleno das águias, o regresso do campeão às vitórias e um dragão jovem com chama alta. As frases e os números da semana. Visto da Linha de Fundo. A prática de Darwin SL Benfica 3 …

Autoeuropa retoma hoje produção após paragem face à crise dos semicondutores

Falta de semicondutores tem sido uma constante, apesar da melhora da situação pandémica, face ao atraso dos países asiáticos no que concerne à vacinação, o que obriga à paragem das fábricas responsáveis pelo fabrico das …

Os smartphones avariam mal acaba a garantia? Portugal e a UE estão a lutar contra a obsolescência programada

As empresas criam os telemóveis para avariarem pouco depois de acabar a garantia - mas a União Europeia e várias associações estão a lutar contra o desperdício e a tentar proteger os direitos do consumidor. É …

Lava do vulcão de La Palma está a escorrer em direção ao mar aumentando o risco de gases tóxicos

O vulcão Cumbre Vieja na ilha de La Palma, nas Canárias, que entrou em erupção no domingo, tem uma nova boca eruptiva, o que obrigou a evacuar mais habitações, informaram as autoridades. De acordo como Plano …

Adesão ao IVAucher quase duplicou no último mês - mas restauração quer mais medidas

No último mês, quase duplicou o número de contribuintes que se inscreveu no programa que permitirá rebater os descontos acumulados no âmbito da iniciativa IVAucher. De acordo com o Jornal de Notícias, a 23 de agosto, …

Tribunal Europeu dos Direitos Humanos culpa Rússia pelo assassinato de Alexander Litvinenko

Decisão remonta ao incidente de novembro de 2006, que ocorreu num hotel londrino, seis anos após o dissidente político se ter mudado para o Reino Unido, precisamente para fugir às ameaças do regime de Vladimir …

"Tratam-nos assim por causa da cor da nossa pele". Polícias nos EUA filmados a chicotear migrantes

Fotos e vídeos mostram polícias na fronteira a carregar contra migrantes e a usar objectos semelhantes a chicotes. A Casa Branca já condenou a situação e promete que vai investigar o sucedido. Pareciam imagens do tempo …

Benfica: a principal ameaça na Liga dos Campeões será Darwin

Pelo menos é a visão catalã. Benfica é o próximo adversário do Barcelona. Mais um jogo, mais uma vitória. O Benfica só sabe ganhar no campeonato português, para já, e na noite passada venceu em casa …

Estado vai financiar formação de funcionários públicos em universidades e politécnicos

Verbas destinadas ao projeto provêm do Orçamento do Estado e do Plano de Recuperação e Resiliência — cerca de 600 milhões. O Estado vai financiar, inteira ou parcialmente, as formações profissionais dos profissionais públicos, através do …