Secretário de Estado dos EUA admite ação militar contra Coreia do Norte

William Munoz / Wikimedia

Rex Tillerson, CEO da petrolífera ExxonMobil e Secretário de Estado de Trump

Rex Tillerson, CEO da petrolífera ExxonMobil e Secretário de Estado de Trump

Uma ação militar dos Estados Unidos contra o regime de Pyongyang é “uma opção que está em cima da mesa”, disse esta sexta-feira o secretário de Estado norte-americano, após visitar a zona desmilitarizada que divide a península coreana.

“Nós não queremos que as coisas cheguem a um conflito militar”, disse Rex Tillerson acrescentando que se a Coreia do Norte incrementar “as ameaças”, as opções passam a ser militares.

“Se elevarem a ameaça através do programa de armamento a um nível que, acreditamos, pode obrigar a uma ação [militar], então essa opção fica em cima da mesa“, afirmou o secretário de Estado norte-americano, que se encontra de visita à Coreia do Sul.

O secretário de Estado disse ainda que a “diplomacia da paciência estratégica” da Administração Obama em relação a Pyongyang chegou ao fim e que o regime norte-coreano deve abandonar o programa nuclear.

Durante a intervenção na Coreia do Sul, o secretário de Estado considerou também “inapropriadas e problemáticas” as medidas que visam o boicote económico da China à Coreia do Sul pela instalação do escudo antimíssil THAAD, norte-americano, destinado a intercetar projeteis norte-coreanos.

Hoje, o Japão colocou em órbita um satélite que irá desempenhar funções de vigilância terrestre e marítima e, em particular, compilar informação relativamente ao programa de armamento da Coreia do Norte.

O foguetão H-2A foi lançado às 10h20 (01h20 em Lisboa) a partir da base de Tanegashima, no sudoeste do país, segundo imagens transmitidas em direto pela emissora pública NHK.

“O satélite separou-se como previsto, a missão foi um sucesso“, declarou um porta-voz da Agência de Exploração Espacial do Japão (JAXA) à agência noticiosa francesa AFP.

O lançamento ocorreu como programado, após ter sido adiado por um dia face ao inicialmente previsto, devido às más condições meteorológicas.

Devido ao caráter confidencial da missão realizada com o fabricante aeroespacial Mitsubishi Heavy Industries – que participa neste tipo de operações desde que foram privatizadas em 2007 -, escasseiam dados, sabendo-se apenas que o satélite irá “compilar informações” por radar, destinando-se a substituir um outro satélite que está a chegar ao fim da sua missão.

Este tipo de satélite foi desenhado para capturar imagens terrestres e marítimas a partir de várias centenas de quilómetros de altitude e são utilizados para vigiar, entre outras, as instalações a partir das quais a Coreia do Norte leva a cabo testes de mísseis balísticos.

O regime liderado por Kim Jong-un realizou duas dezenas de testes de mísseis e dois ensaios nucleares no ano passado. E, no início deste, testou outros quatro mísseis balísticos, dos quais um caiu no mar a apenas 200 quilómetros da costa nipónica.

O Japão tem atualmente seis satélites em órbita que cobrem toda a superfície terrestre.

Os aparelhos tiram fotografias durante o dia, enquanto os radares se encarregam da vigilância durante a noite ou perante condições meteorológicas desfavoráveis.

A recolha de informações e vigilância por satélite foi iniciada pelo Japão em 2003, na sequência do lançamento pela Coreia do Norte de um míssil balístico que sobrevoou o território nipónico e caiu no Pacífico.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …

Novo comboio-bala entra ao serviço na linha Tóquio-Osaka

O mais novo modelo de comboio-bala do Japão - o N700S - entrou ao serviço no dia 1 de julho, numa jornada inaugural de Tóquio a Osaka. A série N700S (sendo que o "S" significa "Supreme") …

Kanye West anuncia candidatura à Presidência dos EUA

O músico norte-americano Kanye West anunciou este sábado, Dia da Independência dos Estados Unidos, a sua candidatura à Casa Branca, depois de ter apoiado anteriormente o atual Presidente e candidato à reeleição, Donald Trump. "Agora devemos …

Vídeo revela, pela primeira vez, como é que o cérebro se livra dos neurónios mortos

Uma equipa de cientistas conseguiu usar, pela primeira vez, uma técnica que "mata" uma célula cerebral isolada e permite observar o processo de limpeza do sistema nervoso em tempo real. A equipa de investigadores conseguiu registar …

Reutilizável, dobrável e esterilizável. Novo "escudo" protege profissionais de saúde

Uma equipa de cientistas desenvolveu, recentemente, um dispositivo dobrável em forma de tenda que atua como um escudo físico para os profissionais de saúde na linha da frente contra a covid-19. A tenda redutora de gotículas …

O Lamborghini mais potente acelera dentro de água. É um iate com 4.000 cavalos

O resultado da primeira colaboração entre a a Lamborghini e os especialistas da Tecnomar é um iate de luxo, com 4.000 cavalos que recria a sensação de condução de um superdesportivo dentro de água. O mais …

Aproxima-se o lançamento do rover Perseverance

O rover Perseverance da NASA está a menos de um mês da data de lançamento prevista para 20 de julho. A missão de astrobiologia do veículo vai procurar sinais de vida microscópica passada em Marte, explorar …

Benfica 3-1 Boavista | Águias põem fim a quarentena caseira

O Benfica venceu na noite deste sábado o Boavista, naquele que foi o primeiro triunfo caseiro após a retoma da Liga. Poderá ter sido a redenção das águias? Após ter somado apenas dois triunfos, quatro desaires …