Se não reconquistar câmaras, Rio “terá dificuldade em manter-se como líder” do PSD

Paulo Cunha, conselheiro nacional do PSD e presidente da Câmara de Vila Nova de Famalicão, disse que Rui Rio terá dificuldade em manter-se como líder do partido se não conseguir inverter a tendência de perda de presidências de câmara.

“Se Rui Rio não conseguir inverter a tendência de perda de presidências de câmara, terá alguma dificuldade em se manter como líder do partido – e se conseguir também depende do quanto conseguir”, afirmou Paulo Cunha, que já comunicou que não fará um terceiro mandato em Famalicão, em declarações ao jornal Público.

“Se o cenário for de perda contínua, parece-me difícil que o dr. Rui Rio tenha condições para se manter no partido”, reiterou Paulo Cunha.

“O concelho reclama uma nova governação de médio prazo, e não de curto prazo, e, por isso, entendi que o superior interesse de Famalicão reclamava que abdicasse de ser presidente de câmara nos próximos quatro anos para que pudesse haver uma solução governativa longa para o concelho, que tem novos fundos comunitários para gerir: Plano de Recuperação e Resiliência e do quadro plurianual 2030”, justificou.

Afirmando que é “muito cedo” para antecipar cenários, Paulo Cunha afasta a possibilidade de se posicionar para entrar na corrida à liderança do PSD, mas adianta que já foi sondado.

Já me falaram várias vezes, mas confesso que não tenho esse horizonte, não ocupa o meu pensamento, não faz parte dos meus propósitos, nem sequer dos prognósticos de médio prazo”, garantiu. “Se fosse uma corrida à liderança do partido, não saía da câmara, porque, politicamente, teria mais visibilidade e mais protagonismo se continuasse a presidente de câmara”.

Sobre ser deputado, Paulo Cunha confessou “que não é uma função que me entusiasme muito, mas não quer dizer que um dia não venha a ser deputado, mas não estou com esse propósito, pois estamos a mais de dois anos das legislativas”.

“Saio com a clara convicção de que voltarei a fazer política, saio com essa certeza. Continuarei a fazer política – nunca mais política autárquica -, mas fazer política pode ser política só partidária, pode ser política ou a outros níveis”, admitiu.

Na disputa interna no PSD, Paulo Cunha foi um dos apoios de Luís Montenegro, que viria a perder as diretas para Rui Rio. O vereador Mário Passos, que o autarca de Faamalicão quer candidatar no seu lugar, também esteve com Luís Montenegro.

No último congresso do PSD, em fevereiro de 2020, Paulo Cunha liderou a lista ao conselho nacional afeta ao antigo líder da bancada parlamentar do partido, Luís Montenegro.

Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Bombeiros embrulharam a maior árvore do mundo em papel de alumínio. Tudo para a proteger

O incêndio consumiu milhares de acres na Califórnia e o National Park Service viu-se obrigado a intensificar os seus esforços para proteger as jóias naturais, incluindo as maiores árvores do mundo. Os incêndios Colony e Paradise …

EUA trocaram "guerra implacável" por "diplomacia implacável" no Afeganistão, diz Biden

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, disse esta terça-feira à Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) que o país se está a concentrar na "diplomacia implacável" e no encerramento de uma era de …

Presidente de El Salvador autodenomina-se "Ditador de El Salvador"

O Presidente de El Salvador, Nayib Bukele, alterou no domingo a descrição do seu perfil no Twitter para "Ditador de El Salvador", passando depois para "Ditador mais 'cool' do mundo mundial", situação registada após os …

Ordem dos Médicos abre processo disciplinar contra Fernando Nobre

O Conselho Disciplinar Regional do Sul da Ordem dos Médicos abriu um processo contra Fernando Nobre, por causa das suas declarações numa manifestação de negacionistas em frente à Assembleia da República. A Ordem dos Médicos (OM) …

Crise da energia obriga UE a enfrentar dependência do gás natural

Os países europeus estão a tentar proteger os consumidores de energia, numa região onde, desde o início do ano, os preços do gás aumentaram 250%, resultado de uma série de forças económicas, naturais e políticas.  Na …

Companhia de aviação privada oferece voo de 20 mil dólares para reunir uma família separada pela pandemia

A empresa de aviação privada Tradewind Aviation está a comemorar o seu 20.º aniversário de uma forma original: vai dar um voo no valor de 20 mil dólares (cerca de 17 mil euros) para reunir …

Mais de 60 pinguins morrem na África do Sul após ataque de abelhas

Dezenas de pinguins-africanos ameaçados de extinção foram mortos por um enxame de abelhas na África do Sul, na passada sexta-feira. Segundo a CNN, 63 pinguins-africanos, uma espécie ameaçada de extinção, foram encontrados mortos na sexta-feira numa …

Macron e Modi manifestam vontade de "agir em conjunto" após disputa submarina

O Presidente Emmanuel Macron discutiu a cooperação na região Indo-Pacífico com o primeiro-ministro indiano Narendra Modi, esta terça-feira. O Presidente francês, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, conversaram esta terça-feira, em plena crise dos …

Académica treme: salários, último lugar e treinador de saída

Clube de Coimbra, tal como o Boavista, terá de comprovar que tem cumprido no pagamento dos salários. Em campo, mais uma derrota complicou a situação de Rui Borges. Ainda não há muitos anos, a Académica apareceu …

Marcelo discursou na ONU, lembrou Sampaio e mostrou total sintonia com Guterres

Marcelo Rebelo de Sousa lembrou nas Nações Unidas o antigo Presidente da República Jorge Sampaio, que morreu no dia 10 deste mês, aos 81 anos, pela sua atividade no acolhimento de refugiados. O chefe de …