Samsung apresenta bateria revolucionária que carrega 500 km em 20 minutos

(dr) Samsung SDI

-

A Samsung aproveitou a presença no Salão de Detroit para revelar a próxima geração de baterias de alta densidade que promete revolucionar o setor automóvel e mesmo, sem falsos exageros, o mundo como o conhecemos

A Samsung SDI, divisão de investigação da empresa sul-coreana, anunciou em Detroit uma nova bateria para automóveis com uma supercarga em 20 minutos – ou seja, a bateria precisa apenas de 20 minutos para ser carregada com 500 quilómetros de autonomia.

Estes 500 quilómetros correspondem a cerca de 80% da capacidade total destas baterias que, totalmente carregadas, contarão com uma autonomia superior a 600 quilómetros – superior portanto às baterias do Tesla Model S – que já são correntemente, de longe, as de maior autonomia no mercado, com cerca de 470 km.

O facto de as novas baterias da Samsung atingirem uma autonomia já superior a esta com uma supercarga de 20 minutos é, por si só, notável.

(dr) Samsung SDI

As novas baterias foram apresentadas no  International Auto Show 2016, em Detroit

As novas baterias foram apresentadas no International Auto Show 2016, em Detroit

Para se ter uma ideia, as novas baterias da Samsung contarão com 24 células de 6-8 kWh cada uma, enquanto uma bateria atual é composta por 12 células de 2-3 kWh.

As novas baterias de alta densidade da empresa sul coreana, que atualmente fabrica as baterias para os veículos elétricos da construtora alemã BMW, deverão ser produzidas em massa a partir de 2021.

Até lá, o reino dos carros eléctricos com autonomia decente ainda é dominado pela Tesla.

15 COMENTÁRIOS

    • Realmente… mais um titulo de “alta qualidade”!…
      Segundo ao ZAP, este carregador, invés de mostrar a corrente (A) durante a carga, vai mostrar Km…

      • Caro Eu! (e restantes leitores),
        Obrigado pelos reparos.
        Antes de mais, e ignorando os “segundo ao ZAP” e os “invés de” sem “ao”, que podem ser mero fruto da distracção, perdoem que salientemos, em nome do rigor pretendido, que km se escreve sempre com k minúsculo e nunca com s.
        Indo ao que interessa.
        O ZAP sabe exactamente o que uma bateria carrega (já agora, é Ampères-hora), mas usou uma figura de estilo para salientar a autonomia obtida com o tempo de carga.
        Para o que interessa, e em linguagem comum (a que o ZAP usa), a autonomia de uma bateria não se mede em volts, mede-se no produto obtido com essa carga – horas de conversação num telemóvel, quilómetros percorridos num veículo, etc.
        Esse é o estilo do ZAP, goste-se ou não. Porque achamos que podemos ter uma linguagem comum, e ser rigorosos.
        As nossas desculpas aos estimados leitores que não gostam. Esperamos que possam prescindir do gosto, recolher a informação e desfrutar ainda assim da leitura.

        • A capacidade das baterias (em português!) mede-se em amperes-hora (Ah) (sem acentos!) e não em volts (V) ou muito menos em quilómetros (km)!!
          Cada um com o sei “estilo”, mas parece-me que, para o leitor comum, um titulo minimamente correcto seria algo do género: “Samsung apresenta bateria revolucionária que, em 20 minutos, fica com um carga que permite percorrer 500km”!
          .
          PS: O “invés” não é para ignorar; é mesmo assim e está correctíssimo!

          • Caro Eu!
            Tem toda a razão no “invés”. Vemos que quase que já usa correctamente o “km”.
            Quanto ao título “Samsung apresenta bateria revolucionária que, em 20 minutos, fica com um carga que permite percorrer 500km”, pensámos de facto em fazê-lo quase tal qual o escreveu. Mas sendo a Samsung e não uma qualquer Tesla a fazê-lo, ocorreu-nos que seria muito mais clarificador dar ao texto o título de “Samsung apresenta bateria revolucionária para automóveis que, em 20 minutos, fica com um carga que permite percorrer 500 km”.
            Mas em vez de o fazer, veja lá, deu-nos a loucura de escrever apenas “Samsung apresenta bateria revolucionária que carrega 500 km em 20 minutos”. Em abono da verdade, o “revolucionária” podia ter caído – uma bateria que “carrega km” é-o por natureza, não é?
            Diga-nos. Não percebeu mesmo, instantaneamente, o significado exacto do nosso peculiar titulo no momento em que o leu?

          • Caro Eu
            Faça uma experiência simples.
            Numa pilha de 1,5V obtém,com um aparelho de medida,uma leitura superior a este valor.
            Significa que a pilha tem capacidade em Amperes,ou seja,pode fornecer corrente.
            Por analogia.
            O alternador de um automóvel quando carrega a bateria deste ultrapassa os 12V actuais e não deve superar oa 14V para a não danificar.
            Na minha modesta opinião há sempre uma relação entre Volts/Amperes.

        • “Quem com ferro mata, com ferro morre”…
          Ultimamente, em alguns artigos que tenho lido, a ZAP tem estado aquela coisa nas respostas aos “sabichões”… muito bem…

  1. Vamos a ver se em breve não teremos baterias mais caras do que o próprio automóvel, pelo menos por cá há que estar atento pois oportunistas e impostos é coisa que não falta.

  2. respostas á come e cala.
    é bom,um reparo por algo que c«valha a pena ainda vai,agora como os desta noticia…será que nao ha mais nada que fazer?

    em relaçao á noticia:
    eletricos sao o futuro, e é bom ver que a evoluçao dá passos largos.

    agora é so meter som de carro com motor de combustao nos electricos e têm o meu voto.

  3. Só um reparo: as baterias carregam em amperes e descarregam em amperes-hora, ou seja, uma bateria com autonomia de 100 amperes-hora levará dez horas a descarregar uma carga de 10 amperes por hora…

RESPONDER

-

Seis mortos em deslizamento de terra na China e mais de 100 desaparecidos

Pelo menos seis pessoas morreram num deslizamento de terras na província de Sichuan, no sudoeste da China, e mais de 100 permanecem desaparecidas, segundo os últimos dados fornecidos pelas autoridades locais. A aldeia isolada de Xinmo foi …

-

Bombeiros pedem suspensão da entrega de bens solidários

O presidente da Associação de Bombeiros Voluntários de Pedrógão Grande apelou este sábado para que as pessoas suspendam por "alguns dias" a entrega de ajuda. "É um sufoco. É muita coisa. São toneladas e toneladas de …

-

Pelo menos 27 edifícios no Reino Unido têm revestimento inflamável

Os inspetores identificaram pelo menos 27 edifícios de propriedade municipal no Reino Unido que não cumprem os requisitos de segurança anti-incêndios por estarem revestidos com material inflamável, informou este sábado o Governo. O Ministério que tutela …

-

Polícia espanhola detém suspeitos de pertencerem a rede de exploração de mulheres na Europa

A polícia espanhola anunciou este sábado que deteve 18 pessoas suspeitas de pertencerem a uma rede nigeriana de exploração sexual de mulheres, que atuava em Espanha, Itália, Alemanha e Bélgica. Com estas detenções, que ocorreram em …

-

Portugueses criam dispositivo que ajuda a superar medo de andar de avião

Um dispositivo médico de realidade virtual que auxilia os utilizadores a superar o medo de andar de avião está a ser desenvolvido por especialistas apoiados pelo Instituto de Investigação e Inovação em Saúde da Universidade …

herminioloureiro

Escutas tramam Hermínio Loureiro suspeito de "dar" 23 milhões em ajustes directos

Hermínio Loureiro, ex-presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis e ex-presidente da Liga de Clubes, foi ouvido durante mais de 8 horas, no âmbito do processo de corrupção que terá sido despoletado por escutas telefónicas. O …

Leonor Poeiras e Iva Domingues no "Somos Portugal" da TVI

Altice prepara-se para comprar a TVI

O Grupo espanhol Prisa está em negociações "avançadas" com a Altice para a venda da TVI e o negócio pode consumar-se ainda neste Verão. O Governo já está a par do processo. Este cenário é avançado …

-

PJ está a investigar bilhetes oferecidos pelo Benfica no caso dos emails

A Unidade Nacional de Combate à Corrupção da Polícia Judiciária (PJ) está a investigar o Benfica por bilhetes para jogos de futebol que o clube ofereceu a elementos da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e …

Incêndio em Pedrógão Grande

Fotografia mostra quando começou o incêndio ("muito antes da trovoada")

As suspeitas de que o grande incêndio de Pedrógão Grande foi originado por mão criminosa crescem, com relatos de populares e de bombeiros. E o início do fogo está registado numa fotografia, que será a …

-

Analistas consideram que meta de 1,5% para défice é alcançável

Os analistas contactados pela Lusa consideram que o objetivo do Governo de reduzir o défice para os 1,5% este ano "continua a ser alcançável", depois de o INE ter apurado um défice de 2,1% até …