Rússia vai desenvolver novos mísseis após suspensão do tratado com os EUA

premier.gov.ru

O presidente da Rússia, Vladimir Putin

Dias depois de ter posto um ponto final no acordo que limitava a produção de mísseis entre os Estados Unidos e a Rússia, a corrida ao armamento parece ter começado.

Nos próximos dois anos, a Rússia quer desenvolver dois sistemas de mísseis de longo alcance, como resposta ao fim da vigência do tratado que regulava o armamento entre Rússia e Estados Unidos desde a Guerra Fria.

O Governo russo quer iniciar a investigação para criar um sistema de lançamento de mísseis terrestres baseado numa versão já existente de um dispositivo marítimo, conhecido como Kalibr. Além disso, o ministro da Defesa, Serguei Shoigu, revelou que há o objetivo de se desenvolverem também mísseis de longo alcance hipersónicos, com capacidade para atingirem uma velocidade cinco vezes superior à do som.

“Para além disso, é importante aumentar o alcance dos sistemas de mísseis terrestres que estão a ser atualmente desenvolvidos”, disse Shoigu, que quer os novos dispositivos prontos até 2021.

Segundo o Público, o Kremlin afirma que estes planos se tratam de uma resposta “simétrica” à dos Estados Unidos, que estão também a desenvolver uma investigação para a criação de um novo sistema de mísseis.

“Desde 2 de fevereiro que os Estados Unidos suspenderam as suas obrigações ao abrigo do tratado INF [sigla inglesa pela qual é conhecido o Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio]”, afirmou Shoigu, citado pela agência RIA Novosti.

Este fim de semana, a Rússia anunciou a sua saída do tratado que impede o fabrico e o teste de mísseis de alcance intermédio, com capacidade de transportarem ogivas nucleares, seguindo o exemplo dos EUA.

O tratado de INF vigorava desde 1987, quando Ronald Reagan e Mikhail Gorbatchov se comprometeram a destruir o seu arsenal e a não fabricar novos mísseis.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Lixo espacial cadente iluminou os céus na Austrália

Na sexta-feira passada, pedaços de lixo espacial de um foguetão russo iluminaram os céus na Austrália. Os especialistas dividem-se na possibilidade de bocados dele caírem na Terra. Na sexta-feira passada, num final de tarde como tantos …

Cientistas criaram uma borracha que até rasga (mas concerta-se sozinha)

Investigadores da Universidade Flinders, na Austrália, desenvolveram um novo tipo de borracha que consegue regenerar sozinha. A equipa de investigadores da universidade australiana criou um novo tipo de borracha e um catalisador que, em conjunto, podem …

Dez anos depois, voltou a ser avistado um guepardo do noroeste africano

Naturalistas na Argélia filmaram um guepardo do noroeste africano, uma subespécie listada na Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) como estando em "perigo crítico", pela primeira vez em dez anos. De acordo …

NASA dedica novo telescópio a Nancy Grace Roman, a "mãe" do Hubble

A NASA renomeou o telescópio Wide Field Infrared Probing Telescope (WFIRST) em homenagem a Nancy Grace Roman, a mãe do Hubble. A NASA batizou o seu telescópio espacial de última geração, atualmente em desenvolvimento, - o …

Guitarrista dos Queen teve um ataque cardíaco que o deixou às portas da morte

Brian May, guitarrista dos Queen, sofreu um ataque cardíaco que o deixou às portas da morte, anunciou o próprio músico, de 72 anos. May partilhou um vídeo no Instagram no qual conta todo o episódio. Tudo …

"Missão Tianwen". China planeia lançar sonda para Marte em julho

A China planeia lançar uma sonda e um pequeno robô de controlo remoto para Marte, em julho, na sua primeira missão ao Planeta Vermelho, anunciou esta segunda-feira a agência responsável pelo projeto. "O nosso objetivo era …

Bairros de lata são incubadoras de covid-19, mas ninguém ajuda os milhões que lá vivem

Bairros de lata, como as favelas, são consideradas incubadores de covid-19. No entanto, pouca atenção lhes tem sido dada na resposta à pandemia. Tendo devastado algumas das cidades mais ricas do mundo, a pandemia do novo …

Morreu Saturn, o jacaré que sobreviveu a um bombardeamento da II Guerra (e que se diz que pertenceu a Hitler)

Saturn, um jacaré norte-americano de 84 anos, morreu esta sexta-feira no jardim zoológico de Moscovo, na Rússia, anunciou a instituição na sua conta de Facebook, dando conta que o animal morreu de velhice. O réptil …

Antiviral Remdesivir pode ser eficaz no combate à covid-19

O antiviral Remdesivir é eficaz contra a covid-19 caso seja administrado antes dos pacientes necessitarem de ventilação mecânica, indica um ensaio internacional com este medicamento, coordenado pelo Hospital Can Ruti, em Badalona, Barcelona, Espanha. Segundo um …

Há uma misteriosa ilha em Nova Iorque que quase ninguém pode visitar (e está abandonada)

A menos de 1,6 quilómetros de Manhattan, em Nova Iorque, localiza-se uma misteriosa ilha abandonada há mais de meio século. É preciso ter autorização do New York City Department of Parks and Recreation para visitar …