Rússia não descarta terrorismo em queda de avião no Mar Negro

Adrian Pingstone / Wikimedia

Avião Tupolev Tu-154 da Russian Airlines

As autoridades russas estão a trabalhar em sete hipóteses diferentes para determinar as causas do acidente que envolveu o avião militar que caiu no domingo no Mar Negro este domingo, e uma delas é a de atentado terrorismo.

Segundo revelou esta quinta-feira o Ministério da Defesa da Rússia, a hipótese de um acto de terrorismo é uma das que está a ser considerada como causa da queda, este domingo, de avião militar russo Tupolev Tu-154.

Embora os dados recolhidos pelas caixas-pretas  permitam concluir que não houve explosão a bordo da aeronave, está a ser considerada a possibilidade de falha mecânica provocada de forma propositada.

“Após uma primeira análise das caixas-pretas, concluímos que não houve explosão a bordo. Mas, além de uma explosão, poderia haver uma ação mecânica de qualquer tipo”, disse o chefe de segurança das Forças Aeroespaciais da Rússia, Sergei Bainetov, citado pela agênca EFE.

“Um atentado terrorista não tem que estar necessariamente associado a uma explosão a bordo”, explicou Bainetov.

“Cada acidente aéreo tem muitos aspectos. As causas podem ser apontadas tanto a um factor humano, como a aspectos técnicas ou às condições externas”, afirmou o militar.

No início das investigações sobre as circunstâncias do acidente, a comissão governamental trabalhava com mais de 15 hipóteses para o ocorrido. No entanto, após uma primeira análise das duas caixas-pretas, as possibilidades foram reduzidas a 7, entre elas a de atentado terrorista.

As primeiras conclusões oficiais sobre as causas da tragédia só serão conhecidas dentro de um mês.

A primeira análise à caixa negra do avião, encontrada esta terça-feira, apontava para erro humano.

No entanto, as autoridades confirmaram que houve um falha técnica instantes antes da queda do avião no mar.

“É óbvio que houve um falha técnica, mas as suas causas devem ser esclarecidas pelos especialistas”, disse o ministro dos Transportes da Rússia, Maxim Sokolov.

O Tu-154 militar russo caiu nas águas do Mar Negro instantes após partir do aeroporto da cidade de Sochi, onde tinha feito uma breve escala para reabastecer combustível.

A bordo da aeronave viajavam 64 membros do Coro do Exército Vermelho da Rússia, 9 jornalistas, 8 militares, 8 tripulantes, 2 funcionários e a famosa médica Elizaveta Glinka.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Japão diz que é seguro libertar água radioativa de Fukushima no Pacífico

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão afirmou esta segunda-feira que é seguro libertar água contaminada de Fukushima no Oceano Pacífico, de acordo com o jornal local Japan Today. A central nuclear, recorde-se, sofreu …

Dez autarcas e quatro clubes entre os 68 acusados na operação Ajuste Secreto

O Ministério Público da Feira deduziu acusação contra 68 arguidos, incluindo dez autarcas e ex-autarcas, quatro clubes desportivos e os seus respetivos presidentes, no âmbito da operação "Ajuste Secreto". Numa nota publicada no seu site oficial, …

Poluição do ar em Sydney entre as 20 piores do mundo devido aos incêndios

A poluição do ar em Sydney, a maior cidade da Austrália com mais de cinco milhões de habitantes, está hoje entre as 20 piores do mundo devido ao fumo dos incêndios no leste do país. "Sydney, …

Audições da RTP sobre "Sexta às 9" aprovadas pelos deputados

Os deputados da comissão parlamentar de Cultura e Comunicação aprovaram "por unanimidade", esta terça-feira, as audições da diretora de informação e do presidente da RTP sobre o programa "Sexta às 9". O grupo parlamentar do PSD …

Conquistas da seleção renderam 140 milhões em menos de 20 anos

As conquistas da seleção portuguesa renderam já mais de 140 milhões de euros à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) em menos de 20 anos. Os números são avançados esta terça-feira pelo O Jogo, que dá …

Rosa Grilo acusa PJ de "agarrar em dois idiotas" para acusar de homicídio

A arguida acusou a Polícia Judiciária (PJ), esta terça-feira, de "agarrar em dois idiotas que estavam a jeito", em alusão a si e a António Joaquim, para os incriminar da morte do marido, reiterando que …

Aeroporto de Lisboa encerra de madrugada entre janeiro e junho

O Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, vai fechar para obras de alargamento da pista de janeiro a junho, entre as 23h30 e as 05h30 da manhã. De acordo com a TSF, o Aeroporto Humberto Delgado, em …

Fase de Instrução do processo Hells Angels começa no dia 27

A fase de instrução do processo Hells Angels vai começar no dia 27 deste mês, no Tribunal Central de Instrução Criminal, e já há sessões marcadas até 19 de dezembro. Fonte judicial referiu à agência Lusa …

Horacio Cartes, ex-Presidente do Paraguai, alvo de mandado de prisão no Brasil

Um juiz do Brasil emitiu esta terça-feira uma ordem de prisão contra o ex-Presidente paraguaio Horacio Cartes (2013-2018), num caso relacionado com a Operação Lava Jato, informaram fontes oficiais. A decisão foi tomada pelo juiz brasileiro …

Ex-futebolista Koke detido em operação contra tráfico de droga

O antigo futebolista espanhol do Sporting é um dos 20 detidos pelas autoridades espanholas numa operação contra o tráfico de drogas. Esta operação foi desencadeada com 11 buscas simultâneas em Sevilha, Málaga e Granada, envolvendo 150 …