Análise à caixa negra de avião russo que caiu aponta para erro de pilotagem

Ministério da Administração Interna da Rússia / EPA

Operações de resgate do avião Tupolev Tu-154 russo que se despenhou no Mar Negro

Operações de resgate do avião Tupolev Tu-154 russo que se despenhou no Mar Negro

A primeira análise da caixa negra do avião militar russo que se despenhou no domingo no Mar Negro aponta para um erro de pilotagem como a causa mais provável do acidente, afirmou esta terça-feira uma fonte próxima da investigação.

“Foi concluída a análise preliminar à caixa negra. Permitiu-nos concluir como prioritária a versão do erro de pilotagem como a causa do acidente”, declarou a fonte citada pela agência russa Interfax.

Outra fonte contactada pela agência de notícias russa explicou que “segundo dados preliminares, falharam os ‘flaps’ das asas do avião (dispositivo na parte traseira da asa de uma aeronave que, através de uma superfície que se estende, se abaixa ou se curva, altera a forma da asa e as suas características aerodinâmicas para momentos diferentes do voo) e, como resultado da falha, o aparelho perdeu força de elevação.

Peritos consultados pelo diário russo Kommersant também apontam para um erro de pilotagem como a causa mais provável do acidente que fez 92 vítimas mortais.

O TU-154 do Ministério da Defesa russo despenhou-se no domingo, dois minutos e 44 segundos após a sua descolagem do aeroporto de Sochi, na costa do Mar Negro. Tinha como destino a base russa de Hmeimim, perto da cidade síria de Latakia.

A bordo seguiam militares, nove jornalistas russos e 64 membros do Ensemble Alexandrov, coro e grupo de dança do exército russo, que ia participar nas festividades de Ano Novo na base aérea na Síria, um aliado de Moscovo. A bordo também estava uma reconhecida responsável por uma fundação humanitária russa, Elizaveta Glinka.

Um guarda fronteiriço russo que testemunhou a queda do TU-154 explicou, em declarações ao diário Kommersant, que o avião em vez de ganhar altura começou a descer rapidamente em direção ao Mar Negro.

Segundo a mesma testemunha, a posição do aparelho parecia estranha mesmo que se tratasse de uma manobra de aterragem e comparou a posição do avião a uma moto elevada sobre as rodas traseiras.

O Ministério da Defesa russo divulgou esta terça-feira que a principal caixa negra do avião militar tinha sido encontrada.

“A principal caixa negra foi encontrada às 5h42 hora de Moscovo (2h42 em Lisboa), a 1.600 metros da costa, a uma profundidade de 17 metros”, informou o ministério, citado pelas agências russas.

Entretanto, as equipas de busca encontraram hoje a segunda caixa negra do avião. O Ministério russo da Defesa anunciou que 15 corpos e 239 fragmentos de corpos foram recolhidos no mar local do acidente.

O Serviço de Informações russo (FSB) tem até agora dito que não foram encontradas “nenhumas indicações ou factos que apontem para a possibilidade de um ataque terrorista ou um ato de sabotagem” ter provocado a queda do aparelho.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Afinal comer um ovo por dia é mau outra vez

Afinal, comer um ovo por dia não é assim tão bom para a saúde como estudos recentes sugeriam. O maior consumo de ovos e colesterol pode aumentar o risco de doenças cardíacas e de morte …

Na Colômbia, há um "arco-íris líquido" que é descrito como a 8ª maravilha do mundo

Escondido nos confins da Serra da Macarena, na Colômbia, está o rio Caño Cristales. De dezembro a maio, o curso de água é como outro qualquer, apesar de estar rodeado de um dos ecossistemas mais …

Com uma nova interface neural, a telepatia já é possível

Uma equipa internacional de cientistas deu um passo adiante no desenvolvimento de interfaces neuronais para propor uma interface que envolve a transferência de informação entre as pessoas diretamente. As interfaces cérebro-computador podem melhorar as habilidades individuais …

Bombeiros profissionais ameaçam deixar de prestar serviço voluntário nas corporações

Os bombeiros voluntários das associações humanitárias admitem deixar de prestar serviço voluntário nas corporações, caso a Liga dos Bombeiros Portugueses continue por concluir o acordo coletivo de trabalho, que está em negociação há mais de …

Baleia encontrada morta nas Filipinas com 40 quilos de plástico no estômago

Uma baleia foi encontrada morta na sexta-feira, na costa sudeste das Filipinas, com 40 quilos de plástico no estômago, informou a imprensa local. O cetáceo, uma baleia-bicuda-de-cuvier, apareceu na sexta-feira à beira-mar no município de Mabini, …

Macron convoca reforços após novos confrontos de coletes amarelos

A nova manifestação de "coletes amarelos", no sábado, registou distúrbios violentos na capital francesa. Como resposta, o presidente francês Emmanuel Macron convocou um reforço das forças de segurança. O dia de sábado marcou mais um protesto …

Pedidos de nacionalidade portuguesa aumentaram 50% em dois anos

Nos últimos dois anos, o número de pedidos de nacionalidade portuguesa aumentou cerca de 50%, avança o jornal Público esta segunda-feira. Se em 2016 foram 117.629 os cidadãos estrangeiros que pediram a nacionalidade portuguesa, em 2018 …

Não há democracia na Coreia do Norte? "É uma opinião", diz Jerónimo

Jerónimo de Sousa evitou classificar o regime de Kim Jong-un em termos "de ser ou não ser" uma democracia. A Coreia do Norte é ou não uma democracia? "É uma opinião", respondeu Jerónimo de Sousa. Numa …

Afinal, o esparguete à bolonhesa não existe

Quando se trata de refeições italianas clássicas, a maioria das pessoas pensa em pratos simples como uma pizza Margherita, lasanha e esparguete à bolonhesa. Contudo, segundo Virginio Merola, presidente de Bolonha, em Itália, o esparguete à bolonhesa …

Javalis tomaram o lugar dos coelhos. "Muitos animais estão doentes"

Para já, não há perigo de saúde pública, mas os javalis carregam doenças que podem passar a outros animais. Se antes se matavam mil coelhos, abatem-se agora 10 javalis. Jacinto Amaro, presidente da Fencaça - Federação …