Análise à caixa negra de avião russo que caiu aponta para erro de pilotagem

EPA

Operações de resgate do avião Tupolev Tu-154 russo que se despenhou no Mar Negro

Operações de resgate do avião Tupolev Tu-154 russo que se despenhou no Mar Negro

A primeira análise da caixa negra do avião militar russo que se despenhou no domingo no Mar Negro aponta para um erro de pilotagem como a causa mais provável do acidente, afirmou esta terça-feira uma fonte próxima da investigação.

“Foi concluída a análise preliminar à caixa negra. Permitiu-nos concluir como prioritária a versão do erro de pilotagem como a causa do acidente”, declarou a fonte citada pela agência russa Interfax.

Outra fonte contactada pela agência de notícias russa explicou que “segundo dados preliminares, falharam os ‘flaps’ das asas do avião (dispositivo na parte traseira da asa de uma aeronave que, através de uma superfície que se estende, se abaixa ou se curva, altera a forma da asa e as suas características aerodinâmicas para momentos diferentes do voo) e, como resultado da falha, o aparelho perdeu força de elevação.

Peritos consultados pelo diário russo Kommersant também apontam para um erro de pilotagem como a causa mais provável do acidente que fez 92 vítimas mortais.

O TU-154 do Ministério da Defesa russo despenhou-se no domingo, dois minutos e 44 segundos após a sua descolagem do aeroporto de Sochi, na costa do Mar Negro. Tinha como destino a base russa de Hmeimim, perto da cidade síria de Latakia.

A bordo seguiam militares, nove jornalistas russos e 64 membros do Ensemble Alexandrov, coro e grupo de dança do exército russo, que ia participar nas festividades de Ano Novo na base aérea na Síria, um aliado de Moscovo. A bordo também estava uma reconhecida responsável por uma fundação humanitária russa, Elizaveta Glinka.

Um guarda fronteiriço russo que testemunhou a queda do TU-154 explicou, em declarações ao diário Kommersant, que o avião em vez de ganhar altura começou a descer rapidamente em direção ao Mar Negro.

Segundo a mesma testemunha, a posição do aparelho parecia estranha mesmo que se tratasse de uma manobra de aterragem e comparou a posição do avião a uma moto elevada sobre as rodas traseiras.

O Ministério da Defesa russo divulgou esta terça-feira que a principal caixa negra do avião militar tinha sido encontrada.

“A principal caixa negra foi encontrada às 5h42 hora de Moscovo (2h42 em Lisboa), a 1.600 metros da costa, a uma profundidade de 17 metros”, informou o ministério, citado pelas agências russas.

Entretanto, as equipas de busca encontraram hoje a segunda caixa negra do avião. O Ministério russo da Defesa anunciou que 15 corpos e 239 fragmentos de corpos foram recolhidos no mar local do acidente.

O Serviço de Informações russo (FSB) tem até agora dito que não foram encontradas “nenhumas indicações ou factos que apontem para a possibilidade de um ataque terrorista ou um ato de sabotagem” ter provocado a queda do aparelho.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mayflower 2.0: um navio autónomo pilotado por IA está a refazer a viagem do original

Quatro séculos e uma pandemia depois de o Mayflower original ter zarpado do porto de Southampton, numa jornada histórica para a América, outro veículo pioneiro com o mesmo nome partiu para refazer a mesma viagem. O …

Halterofilista neozelandesa será a primeira atleta transgénero a competir nos Jogos Olímpicos

A neozelandesa Laurel Hubbard, de 43 anos, classificou-se para os Jogos Olímpicos de Tóquio na categoria acima de 87kg feminina (super pesadas) do levantamento de peso, tornando-se a primeira atleta transgénero a participar na competição. "Estou …

República Checa 0-1 Inglaterra | Serviços mínimos valem topo

A Inglaterra, que tinha assegurado o apuramento na segunda-feira, garantiu o primeiro lugar do Grupo D do Euro 2020, ao vencer a República Checa por 1-0, com um golo madrugador, no mítico estádio de Wembley. Num …

Croácia 3-1 Escócia | Croatas de trivela rumo aos oitavos

A Croácia, liderada pelos ‘craques’ Luka Modric e Ivan Perisic, qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer por 3-1 a Escócia, que eliminou, num Grupo D conquistado pela Inglaterra. Os …

Asteroide tem nome de astrofísico português Nuno Peixinho

O astrofísico português Nuno Peixinho dá nome a um asteroide, descoberto em 1998 e que tem pouco mais de 10 quilómetros de diâmetro, anunciou esta segunda-feira o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), …

"É inaceitável". Ana Mendes Godinho critica situações de trabalho temporário que "duram décadas"

A ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, insistiu esta terça-feira na relevância do combate à precariedade, sinalizando a intenção de restringir o trabalho temporário. "Tem de haver mecanismos mais fortes para combater a segmentação do mercado …

Hitler expulsou os soldados judeus há oito décadas. Agora, um rabino junta-se ao exército alemão

No início da Segunda Guerra Mundial, Hitler expulsou os judeus das Forças Armadas na década de 1930. Agora, Zsolt Balla irá assumir o cargo de rabino-chefe do exército alemão. Mais de 80 anos depois, aquilo que …

Rio critica Governo após "justa indignação" de Merkel

O presidente do PSD acusou esta terça-feira o Governo de estar a fazer Portugal passar “por uma vergonha desnecessária”, considerando que depois da “vexatória desconsideração” do Reino Unido, os portugueses têm que “ouvir a justa …

Amazon acusada de destruir milhões de itens não vendidos todos os anos

A Amazon foi acusada de destruir milhões de itens não vendidos todos os anos, segundo uma investigação da Newsweek, publicada na segunda-feira. "Uma investigação da ITV News num dos centros de distribuição da Amazon no Reino …

Enquanto o mundo lutava contra uma pandemia, a Guiné declarava o fim do segundo surto do Ébola

No passado sábado, a Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou o fim do segundo surto de Ébola na Guiné-Conacri, que vitimou mortalmente 12 pessoas. "Tenho a honra de declarar o fim do Ébola na Guiné", disse …