Rúben Semedo reforça gregos do Olympiacos (e Sporting recebe 900 mil euros pela transferência)

José Sena Goulão / Lusa

O defesa português Rúben Semedo é reforço do Olympiacos, clube da primeira divisão grega de futebol treinado pelo também luso Pedro Martins, para a próxima temporada, anunciou esta quarta-feira o Villarreal, que detinha o passe do jogador.

Num curto comunicado no sítio oficial da Internet, o clube espanhol não revelou os valores da transferência do antigo futebolista do Sporting, desejando apenas “muita sorte para a sua nova etapa profissional”.

Apesar de não terem sido revelados valores, o jogador terá custado cerca de 4,5 milhões de euros aos gregos e o Sporting recebe 900 mil euros, de acordo com o jornal espanhol AS, citado pelo Record.



No acordo do negócio que levou o defesa-central para o emblema espanhol por 14 milhões de euros, a direção de Bruno de Carvalho salvaguardou o direito a 20% de uma futura transferência de Rúben Semedo. A este valor há ainda que acrescentar uma quantia baixa referente aos direitos de formação.

Também o Olympiacos confirmou, através do Twitter, a chegada à equipa do atleta, de 25 anos, que representou Rio Ave e Huesca na última época, encontrando agora os compatriotas José Sá, Roderick Miranda, Gil Dias e Daniel Podence.

Na semana passada, Rúben Semedo, que jogou por empréstimo durante meia época ao serviço do Rio Ave, disse que gostaria de voltar a jogar em Portugal, não descartando eventuais interesses do Benfica do do FC Porto. O futebolista disse que os alegados interesses de FC Porto e Benfica são “sinal de reconhecimento” do bom trabalho que faz e que espera dar continuidade.

Porém, a direção do Sporting incluiu uma cláusula anti-rivais no processo de negociação com o Villarreal, o que poderia condicionar o futuro do jogador em Portugal. De facto, o destino de Ruben Semedo é a Grécia.

A carreira de Ruben Semedo ficou marcada pelas acusações de tentativa de homicídio, lesões corporais graves, sequestro, ameaças, posse ilícita de armas e de roubo com violência, tendo permanecido 141 dias preso. O ex-jogador do Sporting foi incriminado por gotas de sangue e mensagens com ameaças encontradas no seu telemóvel.

Uma pessoa que apresentou queixa a 12 de fevereiro de 2018 afirmou que Rúben Semedo e outros dois homens o ataram e agrediram, deslocando-se depois ao seu apartamento, com as suas chaves, para lhe roubar dinheiro.

O Villarreal, que já tinha aberto um processo disciplinar ao jogador português, anunciou, através de um comunicado, que suspendeu o contrato e o salário de Rúben Semedo, demonstrando a sua “consternação” com os “graves delitos imputados” ao central. O clube explicou que a suspensão salarial iria manter-se até que houvesse uma decisão final no âmbito do processo disciplinar aberto ao atleta.

O processo podia até acabar com o despedimento por justa causa de Rúben Semedo. O Villarreal podia alegar que o defesa não está a cumprir a sua parte do contrato, uma vez não pode comparecer ao trabalho no clube, por estar em prisão preventiva.

Era a terceira vez, nos últimos meses, que o jogador português está envolvido em incidentes graves que estão a ser investigados pela polícia espanhola. Rúben Semedo já tinha sido detido em novembro de 2017, depois de alegadamente ter ameaçado e agredido um homem, nas imediações de uma discoteca de Valência. Em outubro, o futebolista esteve envolvido noutro incidente no parque de estacionamento de uma discoteca, onde terá agredido um jovem na cabeça com uma garrafa de vidro.

O internacional sub-21 português teve mais quatro anos de contrato com o Villarreal, com um salário da ordem dos 1,3 milhões de euros líquidos, por época.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em Lisboa, há portas a mais de um metro do chão (e já foram motivo de picardia entre Medina e Rio)

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, disse a Rui Rio para prosseguir com a "silly season" — época da parvoíce, em tradução livre. Em causa está uma publicação do líder do PSD sobre …

Crianças "raramente" são afetadas por sintomas prolongados da Covid-19

Apenas 4.4% das crianças que integraram o estudo manifestavam sintomas da doença quatro semanas após o diagnóstico. Investigadores encontraram uma relação entre os sintomas prolongados e a idade das crianças, já que a duração dos …

Incêndio em Loulé tem duas frentes ativas e levou 53 pessoas a sair de casa

O incêndio que deflagrou esta quarta-feira no concelho de Loulé está com duas frentes ativas em zona de mato e vegetação e já levou 53 pessoas de 30 habitações a sair de casa "por precaução", …

Desportivismo? O skate voltou a mostrar como se faz

Final da competição de parque teve mais um momento que justifica entrar nos melhores destes Jogos Olímpicos. A grande maioria dos seguidores dos Jogos Olímpicos pode estar a ver skate pela primeira vez. Nos Jogos Olímpicos …

Jovens saudáveis dos 12 aos 15 anos têm que esperar por task force para vacinação

Os adolescentes saudáveis com idades entre os 12 e os 15 anos têm de esperar pela calendarização da task force para serem vacinados contra a covid-19, não se podendo vacinar nesta fase, segundo a Direção-Geral …

Tribunal decretou insolvência da Groundforce

O Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa decretou esta quarta-feira a insolvência da SPdH (Groundforce), anunciou a TAP, que tinha feito um requerimento nesse sentido, no dia 10 de maio, de acordo com um comunicado. O …

"É uma questão pontual". Urgência de obstetrícia do Hospital de Setúbal encerrada por falta de médicos

A urgência de obstetrícia do Hospital de São Bernardo, em Setúbal, está encerrada desde as 09h00 desta quarta-feira, situação que se irá prolongar por 24 horas, devido à falta de médicos desta especialidade, informou à …

Mulheres checas esterilizadas ilegalmente serão indemnizadas pelo Governo

Mulheres esterilizadas sem o seu consentimento receberão uma compensação por parte do governo da República Checa, medida que deverá ser aplicada após o Presidente Milos Zeman aprovar esta semana um projeto de lei. Segundo avançou esta …

Linha de fora-de-jogo vai mudar na Premier League

Esta é uma das mudanças que vão ser implementadas, na nova temporada. Os responsáveis pela arbitragem na Premier League, aparentemente, gostaram do que viram no Europeu 2020, em relação ao vídeoárbitro: parar o jogo menos vezes, …

OMS quer adiar as doses de reforço das vacinas em países ricos por causa das desigualdades mundiais

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu esta quarta-feira uma moratória sobre as doses de reforço das vacinas contra a covid-19 para que os países pobres possam imunizar a sua população. A Organização Mundial …