Rouba, mas faz: eleitores preferem a competência ao carácter

jcl_pao / Flickr

O investigador da Universidade de Coimbra Bruno Paixão afirmou que as vitórias eleitorais de autarcas envolvidos em casos judiciais se devem, em parte, ao facto de os eleitores “preferirem” políticos com reputação de competências a reputação de caráter.

“Muitas vezes, faz-se erradamente uma análise da reputação. Olha-se para a reputação como algo que tem a ver apenas com o caráter do sujeito político”, mas há também a perceção que os indivíduos têm sobre “as competências” dos políticos, explicou.

Bruno Paixão, que é membro do projeto de investigação “Corrupção Política nos Media“, dinamizado pelo Centro de Investigação Media e Jornalismo, vai abordar esta quinta-feira a questão da reputação de políticos na sua comunicação no Congresso Internacional em Comunicação Política e Estratégias de Campanha, em Santiago de Compostela, Espanha.

Se o eleitor tem a perceção de que o autarca “resolve problemas concretos da população e se os resolve melhor do que os outros”, leva a que “a reputação de caráter perca terreno face ao terreno da competência”, referiu, frisando que os eleitores portugueses “preferem a competência ao capital moral ou ético“.

O investigador recordou o caso de Ademar de Barros, governador de São Paulo, que usou em campanha o lema “Rouba, mas faz”.

O efeito de pragmatismo leva a que os cidadãos “prefiram ter a estrada alcatroada à sua porta”, observou Bruno Paixão, salientando ainda que esta situação deve-se também a “uma questão cultural, enraizada nas sociedades” da Europa do Sul, como Espanha, Grécia, Itália ou Portugal.

Para além destas razões, pode-se ainda apontar para “um certo efeito de anestesia”, conformismo e um sentimento de “impotência” por parte dos eleitores perante este tipo de situações.

O investigador recordou alguns casos portugueses, como Isaltino Morais, Fátima Felgueiras e Valentim Loureiro, que, apesar de envolvidos em processos judiciais, venceram as eleições nas suas autarquias em 2005.

/Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Não posso estar de acordo com o rouba mas faz. Mas atendendo aos elevados custos que os dedicados e patriotas politicos nos causam seja por roubo e ou por incompetencia, e para os quais não se vai vendo melhoras, como diz o povo venha o diabo e escolha, entre dois males o povo lá vai escolhendo o menor.

  2. trata-se de um problema com 2000 anos – já Pilatos perguntou: Jesus que se auto-denomina filho de Deus, ou Barrabás, ladrão e assassino? E o povo gritou: Barrabás!

RESPONDER

Eleições em Moçambique. Dados preliminares dão vitória a Nyusi

Segundo as projeções de resultados da Sala da Paz, de acordo com valores “preliminares” baseados na leitura dos editais pelos seus observadores, o atual Presidente moçambicano e candidato da Frelimo, Filipe Nyusi, terá sido reeleito …

"Quem acusou Sócrates tem de provar. Se não provar tem de ser punido"

O ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, defende punição de procuradores da Operação Marquês, caso a acusação contra José Sócrates seja arquivada. Esta terça-feira, em entrevista à RTP, Lula da Silva defendeu a punição dos procuradores que …

Na Saúde, Warren torna-se alvo de ataques. Mas o foco é "derrotar Trump"

O maior debate televisivo para umas eleições primárias na história dos EUA juntou 12 candidatos num só palco. Foi o primeiro debate para o qual o ex-vice-Presidente Joe Biden não partiu com vantagem, tendo a …

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …

Lista candidata à Ordem dos Enfermeiros excluída por ter poucos homens

Uma das listas candidatas às eleições para a Ordem dos Enfermeiros foi excluída por ter poucos homens. A comissão eleitoral nomeada explica que a lista não respeita a lei da paridade, aprovada pela Assembleia da …

“É a desilusão”. PSD queria novos ministros na Saúde, Educação e Justiça

  O PSD defendeu esta quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Dobradinha poderá render 1,6 milhões de euros a Bruno Lage

Caso consiga alcançar a dobradinha, isto é, vencer o campeonato e a Taça de Portugal, o treinador do Benfica, Bruno Lage, receberá em prémios cerca de 1,6 milhões de euros brutos, avança a imprensa desportiva. A …

Lisboa aumenta seis vezes IMI de prédios devolutos nos centros

A Câmara de Lisboa vai aumentar, em 2020, seis vezes a taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para os prédios devolutos nas zonas de maior pressão urbanística, anunciou esta quarta-feira o vereador das Finanças, …

Polícia entrou na federação de futebol da Bulgária e deteve cinco pessoas

Já depois de Borislav Mihailov se ter demitido da presidência da federação da Bulgária, uma unidade da estrutura policial que luta contra o crime organizado no país entrou esta terça-feira na sede da federação, em …