Rouba, mas faz: eleitores preferem a competência ao carácter

jcl_pao / Flickr

O investigador da Universidade de Coimbra Bruno Paixão afirmou que as vitórias eleitorais de autarcas envolvidos em casos judiciais se devem, em parte, ao facto de os eleitores “preferirem” políticos com reputação de competências a reputação de caráter.

“Muitas vezes, faz-se erradamente uma análise da reputação. Olha-se para a reputação como algo que tem a ver apenas com o caráter do sujeito político”, mas há também a perceção que os indivíduos têm sobre “as competências” dos políticos, explicou.

Bruno Paixão, que é membro do projeto de investigação “Corrupção Política nos Media“, dinamizado pelo Centro de Investigação Media e Jornalismo, vai abordar esta quinta-feira a questão da reputação de políticos na sua comunicação no Congresso Internacional em Comunicação Política e Estratégias de Campanha, em Santiago de Compostela, Espanha.

Se o eleitor tem a perceção de que o autarca “resolve problemas concretos da população e se os resolve melhor do que os outros”, leva a que “a reputação de caráter perca terreno face ao terreno da competência”, referiu, frisando que os eleitores portugueses “preferem a competência ao capital moral ou ético“.

O investigador recordou o caso de Ademar de Barros, governador de São Paulo, que usou em campanha o lema “Rouba, mas faz”.

O efeito de pragmatismo leva a que os cidadãos “prefiram ter a estrada alcatroada à sua porta”, observou Bruno Paixão, salientando ainda que esta situação deve-se também a “uma questão cultural, enraizada nas sociedades” da Europa do Sul, como Espanha, Grécia, Itália ou Portugal.

Para além destas razões, pode-se ainda apontar para “um certo efeito de anestesia”, conformismo e um sentimento de “impotência” por parte dos eleitores perante este tipo de situações.

O investigador recordou alguns casos portugueses, como Isaltino Morais, Fátima Felgueiras e Valentim Loureiro, que, apesar de envolvidos em processos judiciais, venceram as eleições nas suas autarquias em 2005.

/Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Não posso estar de acordo com o rouba mas faz. Mas atendendo aos elevados custos que os dedicados e patriotas politicos nos causam seja por roubo e ou por incompetencia, e para os quais não se vai vendo melhoras, como diz o povo venha o diabo e escolha, entre dois males o povo lá vai escolhendo o menor.

  2. trata-se de um problema com 2000 anos – já Pilatos perguntou: Jesus que se auto-denomina filho de Deus, ou Barrabás, ladrão e assassino? E o povo gritou: Barrabás!

RESPONDER

Cientista revela por que os mosquitos só picam a algumas pessoas

O cientista Joop van Loon revelou o motivo pelo qual os mosquitos costumam picar mais algumas pessoas do que outras. De acordo com o especialista, são os compostos químicos presentes na pele dos humanos que …

ESA prepara-se para intercetar pela primeira vez um cometa puro

A Agência Espacial Europeia (ESA) desenvolveu um projeto que visa intercetar um cometa puro - um corpo celeste que nunca passou pelo Sistema Solar -, quando este se aproximar da órbita da Terra em meados …

Astrónomos encontraram uma nova (e surpreendente) cratera em Marte

Marte não se "magoa" facilmente mas, quando acontece, o resultado pode ser quase comparado a uma obra de arte. Uma cratera, descoberta em abril pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), é a prova disso. Notável não só …

Elon Musk alerta: Civilização pode colapsar daqui a 30 anos

De acordo com Elon Musk, uma "bomba populacional" vai surgir nas próximas décadas, quando uma população mundial cada vez mais idosa chocar com a queda das taxas de natalidade em todo o mundo. Esta não é …

O mundo árabe está menos religioso. Mas continua homofóbico

Há cada vez mais árabes que dizem não ter religião. Esta é a principal conclusão de uma grande sondagem feita a mais de 25 mil cidadãos de países árabes pelo centro de pesquisa Arab Network …

Tina morreu durante 27 minutos e foi ressuscitada 8 vezes. Quando acordou, escreveu "é real"

Uma mulher norte-americana entrou em paragem cardíaca em fevereiro de 2018 quando se preparava para fazer uma caminhada com o seu marido Brian. Depois de desmaiar, Brian ressuscitando-a duas vezes antes de os paramédicos chegarem para …

"Homem-árvore" pede que as suas mãos sejam amputadas

Abul Bajandar, um homem de 28 anos do Bangladesh conhecido como "Homem-árvore" devido às incomuns verrugas que nascem nos seus membros, pediu que as suas mãos fossem amputadas para aliviar as dores insuportáveis.  Bajandar sofre de …

EUA. Senadores republicanos do Oregon fogem para não aprovar lei ambiental

Senadores estaduais do Oregon, nos Estados Unidos (EUA), encontram-se a monte desde quinta-feira para não votarem uma lei ambiental. Procurados pela polícia, voltaram este domingo a faltar a uma sessão legislativa, impedindo que haja quórum …

O planeta enfrenta um "apartheid climático"

O planeta está confrontado com um “'apartheid' climático”. De um lado, os ricos que se podem adaptar melhor às alterações climáticas, e do outro, os pobres que vão sofrer mais, disse esta segunda-feira um especialista …

Governo repõe 40 horas semanais para trabalhadores do CNB. Greve mantém-se

A partir de 1 de julho, os trabalhadores da Companhia Nacional de Bailado (CNB) voltarão às 40 horas semanais, numa uniformização laboral com os trabalhadores do Teatro Nacional de São Carlos. A decisão foi comunicada, esta …