Ronaldo na corda bamba em Itália. Sporting e Real Madrid são opções

Alessandro di Marco / EPA

Com uma eventual saída de Cristiano Ronaldo da Juventus, a imprensa internacional aponta o Sporting CP e o Real Madrid como possíveis destinos do internacional português.

Diz o ditado que o bom filho a casa torna. Seguindo esse princípio, a imprensa internacional especula que Cristiano Ronaldo pode regressar a dois clubes do seu passado: Sporting ou Real Madrid.

A situação do português em Turim está fragilizada, após a eliminação da Juventus da Liga dos Campeões frente ao FC Porto.



O próprio CEO da Juventus, Fabio Paratici, admitiu esta semana que o atleta de 36 anos pode deixar o clube no final da temporada.

“O Cristiano tem a carreira na mão. Quando tens jogadores deste calibre na equipa e eles decidem sair, tens de respeitar. Da nossa parte, estamos aqui para cumprir o contrato e para ver como ele se sente para o ano, se quer continuar ou não”, disse Paratici.

O programa televisivo espanhol El Chiringuito dá conta de contactos informais entre Jorge Mendes e o Real Madrid, com o intuito de o avançado regressar aos ‘merengues’. Cristiano Ronaldo tem contrato válido com a Juventus até ao verão de 2022.

O jornal Marca, por sua vez, escreve que o regresso de Ronaldo a Madrid é um cenário que “pertence mais aos sonhos e desejos do que à realidade”, mas adianta que as conversações entre as duas partes se vão “intensificar nas próximas semanas”.

Ainda esta semana, o ex-presidente da Juventus Giovanni Cobolli criticou a contratação de Cristiano Ronaldo, argumentando que o internacional português é “demasiado caro”.

“Contratar Cristiano Ronaldo foi um erro absoluto. Disse-o desde o primeiro dia. É um grande jogador, um campeão, mas demasiado caro. Agora está tudo nas mãos da Juventus, que lhe paga um milhão de euros por cada golo que marca”, disse Cobolli.

“O Agnelli arriscou e eu não sou um crítico de Pirlo, também tive a experiência com Ferrera [treinador da equipa durante um breve período em 2009/10]. Agora, a Juventus precisa de uma reconstrução e deveria prescindir de Cristiano Ronaldo no final da época”, acrescentou.

A caminho de Alvalade?

Em Itália, o Corriere della Sera aponta que a saída do internacional português é um cenário “possível”.

O seu ordenado de 60 milhões de euros brutos por temporada faz com que a Juventus questione a sua permanência, já que não está a ter resultados práticos a nível desportivo. Coletivamente falando, pelo menos. Desde que chegou a Turim, o madeirense já marcou 92 golos em 121 partidas.

Perante esta conjuntura, o Corriere della Sera coloca o Sporting CP na equação do futuro de CR7, realçando, no entanto, que “dificilmente poderia garantir o vencimento” do jogador. Ainda assim, a ideia de terminar a carreira em Alvalade, onde desabrochou para o mundo do futebol, pode agradar a Cristiano.

Ao que o jornal Record apurou, a recontratação de Cristiano Ronaldo para o Sporting nem sequer está a ser pensada. Confirmando as suspeitas da imprensa italiana, ‘os leões’ sentem que não tem poderio financeiro para, neste momento, garantir um regresso da sua antiga pérola de formação.

É um processo que até pode conhecer um volte-face, mas no imediato, CR7 não entra nos planos”, escreve o jornal desportivo.

Daniel Costa Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. A menos que ele abdique de grande parte do ordenado, não existe equipa em Portugal com capacidade para lhe pagar o ordenado.

  2. Exato ele no Sporting era a mesma coisa que dizermos que o Pai Natal existe…
    Era lindo de ver mas depois era literalmente o Ronaldo vs 11 dos outros?
    Ele que vá para o United ou para as Arábias para completar o mealheiro e sair em grande.

  3. Cristiano Ronaldo já deve ter dinheiro suficiente para fazer o que quiser durante 200 anos! Se jogar no Sporting lhe desse prazer, até o poderia fazer de graça…

  4. Quando poderiamos ver o CR7 e o Messi juntos? Nunca teremos uma oportunidade como esta, seria bom eles iram para uma equipa neutra (tipo PSG). São compativeis pois jogam em posições distintas e são 2 enormes jogadores.

  5. O Ronaldo começa a entrar na decadência, é a lei da vida! Não me parece boa opção voltar ao Real Madrid onde a exigência e concorrência são enormes e de onde poderá sair humilhado e não o merece por todo o seu passado. Se optar pela paixão do dinheiro, talvez um clube das arábias ou dos EUA o satisfaçam, se optar pelo amor clubístico, o Sporting poderá ser a solução com abertura até para outros voos futuros no clube e no meio futebolístico.

  6. Voltar ao Real Madrid seria uma péssima opção para o Cristiano Ronaldo. Os portugueses provocam “dor de cotovelo” nos espanhóis, pois, eles nunca tiveram um melhor do mundo no âmbito futebolístico. O Cristiano Ronaldo está muito bem na Juventus. A Vecchia Signora foi disputar a Liga dos Campeões , tendo como treinador um jovem inexperiente atleta, que não tinha curriculum suficiente para um competição tão seietiva. O que ocorre é muito disse-me-disse em torno do melhor do mundo. Artilheiro nato em todos os clubes que passou; campeão incontestável por todos clubes que defendeu. Querem mais, o QUÊ ?! Joaoluizgondim aguiargondim -jlg21.com@gmail.com

RESPONDER

"Longa vida à monarquia." Realeza britânica tende a viver mais três décadas do que a população geral

As diferenças na longevidade de alguns membros da família real em comparação com a população em geral são extremamente grandes, mas não incomuns. O príncipe Filipe, marido da rainha Isabel II e o consorte mais antigo …

Abominável (e falso) Homem das Neves. Líder russo usou Yeti para atrair turistas para a Sibéria

Um dos líderes regionais mais antigos de Vladimir Putin confessou ter encenado avistamentos falsos de Yetis numa tentativa de encorajar o turismo na Sibéria. Aman Tuleev, um dos líderes regionais de longa data do Presidente russo …

Irão já está a enriquecer urânio a 60%

O Irão avisou e já está a cumprir. Menos de uma semana depois de ter acusado Israel de um ataque contra a sua principal central nuclear, o país diz estar a enriquecer urânio com uma …

Salvini vai a julgamento em Itália por bloqueio de migrantes em navio

Matteo Salvini, líder do partido de extrema-direita italiano Liga, vai ser julgado por acusações de sequestro pela sua decisão de impedir o desembarque de 147 migrantes resgatados no Mediterrâneo pela Open Arms, em agosto de …

Maldivas ponderam oferecer vacinas aos turistas

As Maldivas estão a ponderar dar aos turistas a vacina contra covid-19 quando chegarem para férias, de modo a incentivar o turismo. As Maldivas estão prontas para enfrentar a concorrência acessa assim que o turismo reabrir …

SOS Racismo diz que SEF atentava contra direitos dos imigrantes e aplaude extinção

O Governo decidiu extinguir o SEF e substituí-lo pelo novo Serviço de Estrangeiros e Asilo, com diferentes moldes de funcionamento. A associação SOS Racismo congratulou-se este sábado com a extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras …

Vem aí a Transporter, a van elétrica (e totalmente autónoma) para serviços de entregas

A Mobileye, uma subsidiária da Intel, fechou uma parceria com a startup Udelv para lançar um serviço de entregas em grande escala e com veículos totalmente autónomos já em 2023. A Mobileye, uma subsidiária da Intel …

Ensino à distância roubou a muitos universitários a licenciatura de que estavam à espera

A pandemia de covid-19 obrigou o ensino superior a reinventar-se e se alguns cursos conseguiram adotar o modelo online sem prejuízos, noutros casos o ensino a distância impediu aulas práticas, roubando aos estudantes a licenciatura …

Fernando Medina de pedra e cal em Lisboa. Carlos Moedas não ameaça socialista

Numa sondagem feita pela Intercampus para o jornal Novo, a coligação PSD-CDS surge mais de 20 pontos percentuais abaixo do provável recandidato socialista.  Fernando Medina poderá reforçar em cinco pontos percentuais a votação que teve em …

No Brasil, mais de 40 pessoas foram vacinadas por engano contra a covid-19

O caso está a gerar polémica no Brasil, uma vez que, entre o grupo vacinado, está uma grávida e crianças com idades entre os seis meses e seis anos. Um total de 46 pessoas que precisavam …