Trauma pós-Ronaldo: O pesadelo do Real Madrid não tem fim

Rodrigo Jimenez / EPA

Na noite desta terça-feira, o Real Madrid foi eliminado da Liga dos Campeões pelo Ajax, depois de uma derrota caseira por 1-4. Este é mais um dos desaires dos “Merengues” na era pós-Ronaldo.

“Uma temporada de merda”. É assim que Dani Carvajal, lateral direito do Real Madrid, caracteriza a desapontante época dos madrilenos. O espanhol assume que a época “está acabada”, já que o clube está fora da corrida a todos os títulos. “Vamos continuar a trabalhar na Liga, porque é o que temos e há que ser profissional”, acrescentou.

Na liga, o Real Madrid vai a 12 pontos do líder Barcelona. O cenário seria compreensível, não fosse o emblema de Madrid uma equipa habituada a ganhar (e em fartura). Muitos culpam Florentino Pérez, outros culpam o treinador Santiago Solari e há ainda quem fale da ausência de Ronaldo.

O fantasma de Cristiano Ronaldo parece estar preso no sótão do Bernabéu e sem intenções de sair tão cedo. O desaire frente ao Ajax desolou os jogadores e foi uma verdadeira chapada de luva branca a Sergio Ramos.

Isto se tivermos em conta que o central forçou o amarelo na primeira mão da eliminatória, para que fosse poupado para o segundo jogo. Com a vitória por 1-2 em Amesterdão, o internacional espanhol achou que a passagem à próxima fase estaria garantida. O karma encarregou-se de lhe mostrar o contrário.

E enquanto a sua equipa recebia uma lição de futebol diante dos seus adeptos, Sergio Ramos estava em casa a gravar mais alguns capítulos do documentário da Amazon sobre o jogador.

O problema não será o navio, mas sim o timoneiro

Neste último encontro, os adeptos fizeram-se ouvir com cânticos que pediam a demissão de Florentino Pérez. O presidente dos “Galáticos” tem sido questionado em relação às suas últimas decisões. A venda de Ronaldo à Juventus, a saída surpreendente de Zidane e a breve passagem de Julen Lopetegui no comando técnico.

Marcelo, Bale, Kroos, Casemiro e Mariano Díaz são alguns dos nomes que têm mostrado cada vez mais a sua insatisfação. A queda do império de Florentino pode estar cada vez mais próxima, caso este lote de jogadores saia no próximo mercado.

No terceiro posto da liga, a chegada de José Mourinho continua a ser posta em equação. “Voltar? Não tive problema em voltar ao Chelsea”, disse Mourinho, no início desta semana, em declarações à Deportes Cuatro. O antigo presidente do Real Madrid, Ramón Calderón, foi dos primeiros a validar essa hipótese.

Nos três anos que passou por Madrid, o “Special One” conquistou uma La Liga, uma Taça do Rei e uma Supertaça espanhola.

“Quem precisa de Ronaldo?”

Com nove temporada passadas em Madrid, Ronaldo tornou-se numa lenda viva do clube, com números e recordes que falam por si. Ironicamente, alguns fãs madrilenos nunca parecem ter dado o devido valor ao internacional português — muito menos depois da sua saída no fim da época passada.

“Não sabes o que tens, até o perderes”, escreveu um utilizador do Twitter, ilustrando a publicação com uma imagem da vitória por 1-4 do Real Madrid, frente ao Ajax, em 2012. Ronaldo fez três dos golos dos espanhóis, num jogo a contar para fase de grupos da Champions. José Mourinho era o treinador na altura.

A verdade é que Cristiano Ronaldo está nas suas “sete quintas” após a saída de Madrid. Na Juventus, o português leva 21 golos em 35 jogos oficiais. Além disso, a Vecchia Signora lidera o campeonato, sem ainda ter conhecido o sabor da derrota.

Atualmente, o melhor marcador do Real é o francês Karim Benzema, que conta com 20 golos em 43 jogos. Um registo aceitável, até olharmos para os números de Ronaldo na sua última temporada ao serviço dos “Merengues”.

Em apenas mais um jogo que Benzema, Ronaldo marcou 44 golos — mais 24 do que Benzema. O rácio perfeito de um golo por jogo de CR7 parece ser inatingível e quem sente isso na pele é o Real Madrid.

Há duas vertentes no futebol: aquela que se joga dentro de campo e aquela que se passa fora das quatro linhas. Ronaldo é, na verdade, um campeão em ambas. Não só trouxe números à Juventus com os seus golos e assistências, como também disparou números na parte financeira.

O craque português ainda nem tinha chegado a Turim e já as ações do clube italiano na Bolsa de Milão valorizaram em mais 7,35%, algo como 130 milhões de euros. Olhando para estes valores, os 117 milhões de euros pagos pela Juventus pelo passe de Ronaldo (segundo dados do Transfermarkt) tornam-se obsoletos.

A situação do Real Madrid continua, por enquanto, por resolver. Não se sabe quem será o bode expiatório: se Solari, se Florentino; mas sem sombra de dúvida, o Real Madrid está ainda a ressacar do efeito alucinogénio, que só Cristiano Ronaldo causava.

DC,ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Detido na Rússia líder religioso que diz ser a reencarnação de Jesus

O líder religioso, que diz ser a reencarnação de Jesus, foi detido, na Rússia, esta terça-feira, durante uma operação especial. De acordo com as imagens divulgadas pelo jornal The Guardian, vários agentes da polícia, armados e …

Covid-19: Universidade de Coimbra tem novo programa de rastreio aleatório para alunos e docentes

A Universidade de Coimbra (UC) preparou um Plano de Prevenção e Protocolo de Atuação para garantir o regresso às aulas em segurança para alunos, professores, docentes e comunidade. "Tendo em conta a situação pandémica que estamos …

Jogador substituído aos 14 segundos

Substituição insólita foi realizada na primeira divisão da Estónia. Jovem nem tocou na bola. Jogo da 21.ª jornada do campeonato nacional da Estónia, primeira divisão. O FCI Levadia recebe o JK Nõmme Kalju e vence por …

"Ato que nenhum fim pode justificar". Vaticano critica a aceitação mundial da eutanásia

Através de um novo documento, o Vaticano condenou a disseminação da aceitação internacional da eutanásia e do suicídio assistido, inclusive em alguns países tradicionalmente católicos da Europa. O Vaticano referiu no documento publicado hoje - e …

Facebook teme sair da Europa caso não possa transferir dados para os EUA

A Comissão de Proteção de Dados irlandesa propôs que os dados dos cidadãos europeus não possam sair do continente. O Facebook diz que não sabe como poderá continuar a prestar os seus serviços na Europa …

O guarda-redes do Chelsea é o melhor em quê? "Em cometer erros"

Kepa alvo de críticas fortes. Frank Lampard confirmou a chegada de mais um guarda-redes, proveniente de França. O Chelsea volta a ser notícia por causa do mercado e volta a ser notícia por causa de um …

Promotores assumem pela primeira vez que Trump pode ser investigado por fraude fiscal

O gabinete do procurador do distrito de Manhattan, que tem travado uma batalha legal com o Presidente dos Estados Unidos (EUA) para obter as suas declarações de impostos, sugeriu na segunda-feira, pela primeira vez, que podia …

Revelada causa da morte de 300 elefantes no Botsuana

O Governo do Botsuana anunciou, esta segunda-feira, que uma cianobactéria foi a causa da misteriosa morte de cerca de 300 elefantes no Botsuana em meados deste ano. A causa da morte dos paquidermes foi determinada após …

Cavani: brasileiros com milhões... mas pessimistas

O Grémio estabelece quatro parcerias para contratar o uruguaio. No entanto, a direção do clube não acredita que Cavani se vai mudar para Porto Alegre. "Na vida, se não conversas, nada sabes. Até pode surgir uma …

Ministério da Saúde indiano sem dados sobre médicos que morreram de covid-19. Associação fala em 382 óbitos

Depois de o Ministério da Saúde indiano ter afirmado esta semana que o não dispõe dos dados sobre os profissionais de saúde que morreram devido à covid-19, a Associação Médica do país publicou uma lista …