Sem jogar, Ronaldo já bateu mais um recorde no United (e pode quebrar um mito)

2

A dias de fazer a sua segunda estreia pelo Manchester United, Cristiano Ronaldo já bateu mais um recorde. A sua camisola 7 tornou-se na mais vendida de sempre nas 24 horas imediatas a seguir à transferência de um jogador, batendo Lionel Messi, mas também Tom Brady e LeBron James.

“7 é o número mágico”. É o que Cristiano Ronaldo escreve no seu perfil do Instagram para assinalar o regresso ao Manchester United. “Estou de volta a onde pertenço, o meu amor eterno”, pode ler-se na camisola dos red devils que o avançado exibe.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Cristiano Ronaldo (@cristiano)

Mas 7 é mesmo o número mágico! A camisola nova de Ronaldo, com as cores do United, bateu o recorde diário de vendas do Manchester United em poucas horas.

Depois de se ter anunciado que o avançado voltaria a usar o número 7 no clube de Manchester onde se tornou famoso, os adeptos do clube correram para as lojas para comprarem as velhas camisolas de Ronaldo.

Em poucas horas, as camisolas voaram! E o 7 de Ronaldo tornou-se na camisola “mais vendida” nas 24 horas seguintes à transferência de um jogador, batendo Messi e a sua saída do Barcelona para o PSG, segundo revela o Daily Express.

Mas Ronaldo também bateu as transferências do jogador de futebol americano Tom Brady para o Tampa Bay Buccaneers e do basquetebolista LeBron James para os Los Angeles Lakers, de acordo com a mesma fonte.

Ronaldo camisolas mais vendidas na Premier LeagueO site LovetheSales.com, plataforma online de compras e descontos, avança que as camisolas de CR7 “quebraram o recorde das camisolas de venda mais rápida online na história da Premier League”.

Ronaldo tem a camisola mais vendida, seguindo-se Jack Grealish, o novo reforço do Manchester City, e depois Bruno Fernandes, também do Manchester United.

Paul Pogba e Jadon Sancho são outros dois jogadores do United no top 10 dos jogadores com mais camisolas vendidas.

United já recuperou metade do que tem de pagar à Juventus

Com base em dados de “métricas de vendas de 1.000 retalhistas online do Reino Unido” enviadas até 6 de Setembro, a plataforma nota que a camisola de Ronaldo fez 32,5 milhões de libras (37,8 milhões de euros) em vendas nos vários sites em apenas 12 horas.

Mas em 72 horas, a camisola “atingiu o recorde 68,1 milhões de libras (mais de 79 milhões de euros)”, sustenta o LovetheSales.com.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Contudo, como nota o especialista em finanças desportivas Kieran Maguire, o United só “ganha 7 por cento numa camisola de 60 libras“, o que dá “4,20 libras” (cerca de 4,9 euros) por cada uma. A Adidas, a patrocinadora dos equipamentos, fica com a maior fatia.

O clube já lucrou 6,81 milhões de libras (mais de 7,9 milhões de euros) com as camisolas de Ronaldo, o que é mais de metade do valor fixo de 12,9 milhões de libras (ou 15 milhões de euros) que o clube acertou pagar à Juventus.

Todavia, Maguire lembra que além dos referidos 15 milhões, o United ainda tem de pagar “20 milhões de libras (mais de 23 milhões de euros) por ano” de salários de Ronaldo.

Dá “um custo total de 52 milhões de libras (cerca de 60,6 milhões de euros) durante dois anos”, acrescenta, frisando que o United ainda tem muitas camisolas para vender para pagar Ronaldo.

Ronaldo pode deitar por terra “um mito”

Mas a este ritmo de vendas, é possível que ainda antes da sua segunda estreia pelo United, as camisolas 7 de Ronaldo possam já ter batido novos recordes – e pago uma boa parte dos custos da sua transferência.

E se isso acontecer, será “um mito” que se desfaz, como destaca o Manchester Evening News.

O jornal de Manchester lembra “o mito de que a venda de camisolas pode pagar a transferência de um jogador”, considerando que é “errado na maioria dos casos”, mas concluindo que pode mesmo vir a ser verdade no caso de Ronaldo.

Glazers contam as libras e os adeptos as horas…

Enquanto isso, os Glazers, os norte-americanos donos do United, vão contando as libras. Até porque, além do aumento da venda de camisolas, é preciso contar ainda com um aumento na venda de bilhetes e com a valorização das acções do United em bolsa em mais 8%.

O clube passou a valer mais 200 milhões de libras (mais de 233 milhões de euros) na Bolsa de Nova Iorque.

Mas para os adeptos, o que importa, nesta altura, é contar as horas para a estreia de Ronaldo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A expectativa é de que o avançado faça a sua segunda estreia pelo United no próximo sábado, diante do Newcastle, às 15 horas.

O jogador português está a cumprir um período de isolamento por causa da pandemia de covid-19. Espera-se que se apresente para treinar no novo clube, na próxima quinta-feira, no centro de treinos de Carrington.

  Susana Valente, ZAP //

2 Comments

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.