Robô humanóide sem cabeça empilha e carrega caixas (e já está à venda)

A fabricante de robôs Agility construiu um robô humanóide bípede chamado Digit, que consegue carregar caixas e que está a ser vendido por 250 mil dólares.

De acordo com o TechXplore, o robô Digit foi projetado para realizar tarefas de mão de obra intensiva, incluindo carregar e descarregar cargas pesadas ou realizar inspeções de locais de trabalho potencialmente perigosos.

Como um robô bípede, Digit tem uma forma familiar: com duas pernas e dois braços. No entanto, o facto de não ter cabeça e ter os joelhos dobrados para trás garante que ninguém poderia confundir este produto com um ser humano.

Digit não tem dedos nem mãos e os seus pés são planos. Porém, tem força e durabilidade, juntamente com um computador capaz de executar tarefas de forma autónoma.

A estrutura do robô é de metal espesso e move-se com eficiência, imitando o movimento de uma pessoa a realizar trabalho manual. Digit pode curvar-se para levantar caixas e carregá-las até ao ponto final desejado para deixar a caixa onde for necessário.

Nem escadas são um obstáculo para o Digit, que as consegue subir e descer.

“Se os robôs vão ser eficazes e úteis para nós, terão que trabalhar nos nossos termos no nosso espaço”, disse Jonathan Hurst, CEO da Agility. Assim, de acordo com o Futurism, tirar o máximo proveito do robô não exigirá alterações no ambiente de trabalho.

Este robô servo pode ser embalado numa mala de rodinhas para entrega e mobilidade ideais.

O robô está a ser vendido por 250 mil dólares, segundo um comunicado da empresa. A Agility também anunciou uma rodada de investimentos de 20 milhões de dólares, o que lhe deu os meios financeiros para entrar em “plena produção comercial”.

Recentemente, a Agility fechou um acordo com a Ford para construir robôs que possam carregar e descarregar caixas de veículos autónomos.

A notícia chega depois de a Boston Dynamics ter colocado à venda o seu cão-robô SpotMini por cerca de 75 mil dólares no ano passado.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Aglomerado de safiras estrela encontrado no Sri Lanka pode ser o maior do mundo

Um aglomerado de safiras estrela do mundo foi encontrado num quintal no Sri Lanka. A pedra é azul, pesa 510 quilos e estima-se que valha cerca de 84 milhões de euros. A pedra foi encontrada …

Médico sírio acusado na Alemanha de crimes contra a humanidade

Um médico sírio foi acusado na Alemanha de crimes contra a humanidade por supostamente torturar e matar pessoas em hospitais militares no seu país de origem, informaram os promotores na quarta-feira. O Ministério Público Federal de …

Justiça climática. Vamos todos sofrer com as alterações climáticas, mas não de forma igual

A recente onda de calor na América do Norte é mais um exemplo de que apesar de ser um problema global, as alterações climáticas não vão afectar todos igualmente e podem exacerbar injustiças sociais e …

Os exemplos que Portugal deve seguir (e evitar) nas últimas etapas da pandemia

No plano apresentado pela equipa de Raquel Duarte comparam-se as estratégias opostas adotadas por Israel e Reino Unido, com a segunda a merecer nota negativa por parte dos investigadores. Os dados foram lançados na reunião que …

Jogos da Taça da Liga de sábado adiados para domingo para poderem ter público

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) anunciou, esta quinta-feira, que os jogos da Taça da Liga agendados para sábado vão ser adiados para domingo, para que possam ter público nas bancadas. "A Liga, …

Dinamarca enfrenta acção legal por querer repatriar refugiados sírios

O governo dinamarquês quer repatriar sírios naturais de Damasco depois de um relatório mostrar que há zonas da Síria onde a segurança melhorou. A decisão está a ser criticada por activistas e o caso pode …

Pela primeira vez, foi observada luz por detrás de um buraco negro

Um estudo divulgado esta quarta-feira revelou a primeira observação direta da luz por detrás de um buraco negro, através da deteção de pequenos sinais luminosos de raios-X, confirmando a Teoria da Relatividade Geral, de Einstein. Segundo …

Cheias atingem campos no Bangladesh. Pelo menos seis refugiados Rohingya mortos

Pelo menos seis refugiados Rohingya morreram após as cheias inundarem os campos de refugiados em Bangladesh nos últimos dias, destruindo os abrigos de bambu e plástico e deixando pelo menos 5.000 desabrigados, informou o Alto-comissariado …

Defesa de Salgado alega diagnóstico preliminar de Alzheimer do ex-banqueiro

A defesa do antigo presidente do BES, que está a ser julgado por três crimes de abuso de confiança no âmbito da Operação Marquês, pediu ao tribunal uma perícia médica devido ao seu diagnóstico preliminar …

Três norte-americanos emitem carbono suficiente para matar uma pessoa, revela estudo

O estilo de vida de três norte-americanos leva a uma emissão de carbono suficiente para matar uma pessoa, revelou um novo artigo, concluindo ainda que as emissões de uma única usina a carvão podem causar …