Negrão quer resolver tudo com um “tête-à-tête”

Miguel A. Lopes / Lusa

Rui Rio com Fernando Negrão (e) e David Justino (d)

Rui Rio abre as portas do Parlamento à saída dos deputados do PSD que não queiram colaborar com a sua direcção. Um aviso que surge quando Fernando Negrão, o recém-eleito líder da bancada parlamentar, com menos de 40% dos votos, diz que espera resolver o conflito interno com um “tête-à-tête”.

A primeira reunião da bancada parlamentar do PSD sob a liderança de Fernando Negrão, eleito na semana passada com menos de 40% dos votos, o pior resultado em 16 anos, foi convocada para quinta-feira de manhã, como disseram à Lusa fontes sociais-democratas.

Nesse encontro, Fernando Negrão espera colocar um ponto final no desconforto interno, como deixa antever ao Expresso.

Eleito líder do grupo parlamentar do PSD com apenas 35 votos favoráveis, 32 brancos e 21 nulos, Fernando Negrão diz ao semanário que não quer Rui Rio presente na primeira reunião entre os 89 deputados sociais-democratas.

“Face ao que aconteceu na votação para a liderança da bancada, acho que a primeira reunião não deve ser com o presidente do partido”, frisa Negrão. “Isto é entre mim e os deputados”, acrescenta, salientando o interesse em ter um “tête-à-tête” frontal com os elementos da bancada.

O incómodo no grupo parlamentar é tanto maior porque deputados que integram as listas de Negrão, para serem vice-presidentes de bancada ou coordenadores, não terão votado nele.

“Há um problema, não de natureza política, mas de natureza ética, há um problema neste grupo parlamentar, porque houve pessoas – eventualmente duas, podem ser mais – que aceitaram integrar a lista e depois terão votado em branco“, assumiu Negrão, depois da eleição.

O semanário apurou que “terão sido “dez ou mais” os deputados que tiveram essa atitude dúplice”.

Rio avisa quem não quer colaborar

E perante esta tensão interna, Rui Rio lança um aviso à navegação, abrindo a porta de saída a quem não quiser trabalhar com a sua direcção.

“À partida contamos com 89 deputados. Aqueles que não quiserem colaborar assumem a responsabilidade de não colaborar, vou trabalhar com todos aqueles que quiserem trabalhar”, afirmou depois do almoço com o Presidente da República em Belém.

Rui Rio só deverá encontrar-se com os deputados do PSD na próxima semana, ou seja, quase três semanas depois de ter sido eleito. Até lá, conta com Negrão para “estabilizar” os ânimos entre os deputados.

A reunião do grupo parlamentar social-democrata está marcada para esta quinta-feira, às 11 horas, na Sala do Senado da Assembleia da República.

Fernando Negrão foi o único candidato à sucessão de Hugo Soares, que convocou eleições antecipadas para a liderança parlamentar depois de Rui Rio lhe ter transmitido a vontade de trabalhar com outra direcção de bancada.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

João Félix deve regressar aos relvados na próxima semana

O internacional português João Félix deve regressar aos relvados na próxima semana e pode mesmo vir a ser opção do Atlético de Madrid para o jogo frente ao Granada, marcado para o próximo dia 23 …

Vítimas do franquismo pedem investigação à origem das jóias que a família Franco vai leiloar

A Associação para a Recuperação da Memória Histórica (ARMH), que inclui familiares das vítimas do franquismo, pediu ao Governo espanhol que investigue a origem das jóias que a família Franco vai leiloar. De acordo com …

"Sem dúvida". Montenegro diz que era capaz de derrotar Costa

O antigo líder parlamentar do PSD Luís Montenegro, que é agora candidato à liderança do partido, afirmou, em entrevista ao jornal Público e à Rádio Renascença, que era capaz de derrotar António Costa.  "Acho que era …

Rússia quer legalizar comércio de 'diamantes de sangue' africanos

Os diamantes exportados da República Centro-Africana estão associados à corrupção, à violência, à guerra civil, a violações e assassinatos. Agora, Moscovo anunciou que quer o fim do embargo internacional, buscando legalizar na totalidade a sua …

Economia abrandou, mas ainda é possível cumprir meta de crescimento

O Produto Interno Bruto cresceu 0,3% no terceiro trimestre, face aos três meses anteriores, metade do registado no segundo trimestre, mantendo o ritmo de crescimento, de 1,9%, na comparação com o mesmo período de 2018. Segundo …

Sporting vai avançar com ação de despejo das claques

A SAD leonina vai avançar com uma ação de despejo para que as claques Juventude Leonina e Directivo Ultras XXI deixem os espaços que ocupam no Estádio José Alvalade, avança A Bola esta quarta-feira. De …

"Ninguém quer trabalhar" na Casa Pia. Pais em protesto devido à falta de pessoal

Os pais e encarregados de educação do Centro Educativo e Desenvolvimento D. Maria Pia, em Lisboa, vão entregar na segunda-feira um abaixo-assinado à tutela para pedir a abertura de concursos externos para reforço de pessoal …

Trump elogiou Erdogan, depois de uma reunião que descreveu como "maravilhosa e produtiva"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, elogiou na quarta-feira o seu relacionamento com o homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan. Os dois líderes encontraram-se para tentar superar várias diferenças, incluindo a situação na Síria e a compra …

MH17. Novas provas revelam contactos frequentes entre a Rússia e separatistas ucranianos

A equipa internacional que conduziu a investigação sobre a queda do voo MH17 em 2014 no leste da Ucrânia divulgou novas provas que apontam para contactos muito frequentes entre a Rússia e os rebeldes separatistas …

Imunidade diplomática deixa em liberdade suspeito de tentar matar com ácido sulfúrico

O suspeito de homicídio, na forma tentada, ficou em liberdade depois de ter apresentado o passaporte diplomático às autoridades, que impede que seja detido ou constituído arguido. De acordo com a TVI24, um alto responsável da …