Negrão quer resolver tudo com um “tête-à-tête”

Miguel A. Lopes / Lusa

Rui Rio com Fernando Negrão (e) e David Justino (d)

Rui Rio abre as portas do Parlamento à saída dos deputados do PSD que não queiram colaborar com a sua direcção. Um aviso que surge quando Fernando Negrão, o recém-eleito líder da bancada parlamentar, com menos de 40% dos votos, diz que espera resolver o conflito interno com um “tête-à-tête”.

A primeira reunião da bancada parlamentar do PSD sob a liderança de Fernando Negrão, eleito na semana passada com menos de 40% dos votos, o pior resultado em 16 anos, foi convocada para quinta-feira de manhã, como disseram à Lusa fontes sociais-democratas.

Nesse encontro, Fernando Negrão espera colocar um ponto final no desconforto interno, como deixa antever ao Expresso.

Eleito líder do grupo parlamentar do PSD com apenas 35 votos favoráveis, 32 brancos e 21 nulos, Fernando Negrão diz ao semanário que não quer Rui Rio presente na primeira reunião entre os 89 deputados sociais-democratas.

“Face ao que aconteceu na votação para a liderança da bancada, acho que a primeira reunião não deve ser com o presidente do partido”, frisa Negrão. “Isto é entre mim e os deputados”, acrescenta, salientando o interesse em ter um “tête-à-tête” frontal com os elementos da bancada.

O incómodo no grupo parlamentar é tanto maior porque deputados que integram as listas de Negrão, para serem vice-presidentes de bancada ou coordenadores, não terão votado nele.

“Há um problema, não de natureza política, mas de natureza ética, há um problema neste grupo parlamentar, porque houve pessoas – eventualmente duas, podem ser mais – que aceitaram integrar a lista e depois terão votado em branco“, assumiu Negrão, depois da eleição.

O semanário apurou que “terão sido “dez ou mais” os deputados que tiveram essa atitude dúplice”.

Rio avisa quem não quer colaborar

E perante esta tensão interna, Rui Rio lança um aviso à navegação, abrindo a porta de saída a quem não quiser trabalhar com a sua direcção.

“À partida contamos com 89 deputados. Aqueles que não quiserem colaborar assumem a responsabilidade de não colaborar, vou trabalhar com todos aqueles que quiserem trabalhar”, afirmou depois do almoço com o Presidente da República em Belém.

Rui Rio só deverá encontrar-se com os deputados do PSD na próxima semana, ou seja, quase três semanas depois de ter sido eleito. Até lá, conta com Negrão para “estabilizar” os ânimos entre os deputados.

A reunião do grupo parlamentar social-democrata está marcada para esta quinta-feira, às 11 horas, na Sala do Senado da Assembleia da República.

Fernando Negrão foi o único candidato à sucessão de Hugo Soares, que convocou eleições antecipadas para a liderança parlamentar depois de Rui Rio lhe ter transmitido a vontade de trabalhar com outra direcção de bancada.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Fernando Pimenta conquista medalha de prata em K1 1000

O canoísta português conquistou, esta quarta-feira, a medalha de prata na prova de K1 1000 dos II Jogos Europeus, elevando para 10 o número de pódios de Portugal em Minsk, igualando Baku 2015. Na central pista …

Cientista revela por que os mosquitos só picam algumas pessoas

O cientista Joop van Loon revelou o motivo pelo qual os mosquitos costumam picar mais algumas pessoas do que outras. De acordo com o especialista, são os compostos químicos presentes na pele dos humanos que …

ESA prepara-se para intercetar pela primeira vez um cometa puro

A Agência Espacial Europeia (ESA) desenvolveu um projeto que visa intercetar um cometa puro - um corpo celeste que nunca passou pelo Sistema Solar -, quando este se aproximar da órbita da Terra em meados …

Astrónomos encontraram uma nova (e surpreendente) cratera em Marte

Marte não se "magoa" facilmente mas, quando acontece, o resultado pode ser quase comparado a uma obra de arte. Uma cratera, descoberta em abril pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), é a prova disso. Notável não só …

Elon Musk alerta: Civilização pode colapsar daqui a 30 anos

De acordo com Elon Musk, uma "bomba populacional" vai surgir nas próximas décadas, quando uma população mundial cada vez mais idosa chocar com a queda das taxas de natalidade em todo o mundo. Esta não é …

O mundo árabe está menos religioso. Mas continua homofóbico

Há cada vez mais árabes que dizem não ter religião. Esta é a principal conclusão de uma grande sondagem feita a mais de 25 mil cidadãos de países árabes pelo centro de pesquisa Arab Network …

Tina morreu durante 27 minutos e foi ressuscitada 8 vezes. Quando acordou, escreveu "é real"

Uma mulher norte-americana entrou em paragem cardíaca em fevereiro de 2018 quando se preparava para fazer uma caminhada com o seu marido Brian. Depois de desmaiar, Brian ressuscitando-a duas vezes antes de os paramédicos chegarem para …

"Homem-árvore" pede que as suas mãos sejam amputadas

Abul Bajandar, um homem de 28 anos do Bangladesh conhecido como "Homem-árvore" devido às incomuns verrugas que nascem nos seus membros, pediu que as suas mãos fossem amputadas para aliviar as dores insuportáveis.  Bajandar sofre de …

EUA. Senadores republicanos do Oregon fogem para não aprovar lei ambiental

Senadores estaduais do Oregon, nos Estados Unidos (EUA), encontram-se a monte desde quinta-feira para não votarem uma lei ambiental. Procurados pela polícia, voltaram este domingo a faltar a uma sessão legislativa, impedindo que haja quórum …

O planeta enfrenta um "apartheid climático"

O planeta está confrontado com um “'apartheid' climático”. De um lado, os ricos que se podem adaptar melhor às alterações climáticas, e do outro, os pobres que vão sofrer mais, disse esta segunda-feira um especialista …