Rio canadiano desapareceu em quatro dias por causa do aquecimento global

Mbochart / wikimedia

Foz do Rio Slims no Lago Kluane antes de ter ficado sem água, devido ao aquecimento global.

Foz do Rio Slims (Canadá) no Lago Kluane antes de ter ficado sem água, devido ao aquecimento global.

Em apenas quatro dias, a água do Rio Slims, no Canadá, evaporou-se completamente, desviando-se para o canal de outro rio. É o primeiro caso de “pirataria fluvial” da era moderna e a culpa é do aquecimento global.

Estas conclusões são expostas por uma equipa de investigadores num artigo publicado na revista Nature Geoscience, onde explicam que a água do Rio Slims começou a escoar para outro rio devido à subida das temperaturas e depois de um glaciar ter derretido mais depressa do que o habitual.

O fenómeno aconteceu na Primavera de 2016 e a mudança repentina verificou-se entre os dias 26 e 29 de Maio.

Efeito dramático do aquecimento global

O Rio Slims chegou a ter 150 metros na sua parte mais larga e confluía com o Rio Yukón, no Alaska, que se estende até ao Mar de Bering, no extremo norte do Oceano Pacífico. A água desviou-se do seu curso para o canal do Rio Alsek que desemboca no Sul do Pacífico.

O Slims ficou praticamente seco, enquanto o Alsek tem agora um caudal 60 a 70 vezes maior do que outrora.

A causa do desvio da água terá sido o facto de o glaciar Kaskawulsh, um dos maiores do Yukón, situado no noroeste do Canadá, ter derretido mais depressa do que o habitual, devido ao aumento das temperaturas.

“Fomos para a área com a intenção de continuar as nossas medições no Rio Slims, mas encontramos o seu leito mais ou menos seco. O topo delta que tínhamos andado a navegar num pequeno barco era agora, uma tempestade de poeira. Em termos de mudança de paisagem, foi incrivelmente dramático“, explica ao The Guardian James Best, geólogo da Universidade do Illinois, nos EUA, e um dos autores do artigo na Nature Geoscience.

A cada dia, podíamos ver o nível de água a descer“, acrescenta no jornal outro investigador envolvido na pesquisa, Dan Shugar, geo-cientista da Universidade Washington Tacoma, também nos EUA.

Os investigadores usaram então, drones para investigar o que estava a acontecer no outro vale, que é menos acessível.

“Descobrimos que toda a água que estava a sair da frente do glaciar, em vez de estar a ser dividida pelos dois rios, estava apenas a ir para um“, explica Best.

Os cientistas acreditam que é uma transformação permanente e notam que se trata de um exemplo preocupante dos reflexos dramáticos do aquecimento global no nosso planeta.

Primeiro caso de “pirataria fluvial” da era moderna

Este tipo de eventos, ou seja, uma situação em que a água muda, repentinamente, de canal, já foi descrito como tendo ocorrido há milhares e milhares de anos devido a mudanças nas placas tectónicas e a erosões.

Mas o caso do Slims está a ser encarado como o primeiro caso de “pirataria fluvial” da era moderna provocado por mudanças climáticas antropogénicas, isto é, causadas pelo homem.

Uma análise estatística que acompanha o artigo considera que há “99.5%” de hipóteses de que o desvio súbito da água tenha ocorrido “devido ao aquecimento durante a era industrial”, diz Best.

O que é certo é que o desaparecimento do Rio Slims está já a provocar profundos impactos no ecossistema da região, tendo nomeadamente, levado à drástica diminuição do nível de água do Lago Kluane.

SV, ZAP //

PARTILHAR

16 COMENTÁRIOS

    • Camarada, o aquecimento global pode ser até real. O que CERTAMENTE é tanga são as justificações apresentadas. Se virmos bem, nessa teoria TUDO se resume a culpar o zé povinho, com o seu “consumo” , “luxos” etc da vida moderna e usar isso como pretexto para OS RETIRAR de vez.
      Viva o neo-comunismo a-la-Mao, que é o que vai “salvar” o planeta.
      Os ecologistas iniciais foram todos banidos por uma invasão dos marxistas, aparentemente fugidos da queda do muro (outra bela encenação).
      Agora, um bom ecologista é como uma Melancia (em termos de cores).
      Não será por isso que os “verdes” estão da cdu desde sempre? Ninguém reparou?

    • “Quando a última árvore tiver caído, quando o último rio tiver secado, quando o último peixe for pescado, vocês vão entender que dinheiro não se come.”
      escrito por chefe indígena numa carta ao então presidente do EUA Abraham Lincoln

  1. Ai ZAP, ZAP… no que vocês se metem… 😉
    Estou admirado de os da “teoria da conspiração” ainda não terem aparecido por aqui a dizer que é tudo mentira… etc.… etc.… etc.…

  2. p r o p a g a n d a agenda 2030..
    e basta uma pesquisa rápida para confirmar que o planeta está de facto a arrefecer desde 2005..

      • Pesquise meu caro, pesquise, e não se deixe levar pelas conversas dos media.

        Já agora pesquise também sobre quem são os verdadeiros donos de todas as cadeias de TV, Rádio, Jornais, Revistas… e pode ser que depois abra a pestana.

        • Meu caro…
          Para além de pesquisar, tenho conhecimentos na área… não falo de core…
          Bem que preferia que os outros tivessem razão… mas infelizmente não têm… ainda à pouco tempo para além das questões de temperaturas, sairam dados sobre a acidificação dos oceanos… e as coisas estão más mesmo…

Responder a ped Cancelar resposta

Kanye West anuncia candidatura à Presidência dos EUA

O músico norte-americano Kanye West anunciou este sábado, Dia da Independência dos Estados Unidos, a sua candidatura à Casa Branca, depois de ter apoiado anteriormente o atual Presidente e candidato à reeleição, Donald Trump. "Agora devemos …

Vídeo revela, pela primeira vez, como é que o cérebro se livra dos neurónios mortos

Uma equipa de cientistas conseguiu usar, pela primeira vez, uma técnica que "mata" uma célula cerebral isolada e permite observar o processo de limpeza do sistema nervoso em tempo real. A equipa de investigadores conseguiu registar …

Reutilizável, dobrável e esterilizável. Novo "escudo" protege profissionais de saúde

Uma equipa de cientistas desenvolveu, recentemente, um dispositivo dobrável em forma de tenda que atua como um escudo físico para os profissionais de saúde na linha da frente contra a covid-19. A tenda redutora de gotículas …

O Lamborghini mais potente acelera dentro de água. É um iate com 4.000 cavalos

O resultado da primeira colaboração entre a a Lamborghini e os especialistas da Tecnomar é um iate de luxo, com 4.000 cavalos que recria a sensação de condução de um superdesportivo dentro de água. O mais …

Aproxima-se o lançamento do rover Perseverance

O rover Perseverance da NASA está a menos de um mês da data de lançamento prevista para 20 de julho. A missão de astrobiologia do veículo vai procurar sinais de vida microscópica passada em Marte, explorar …

Benfica 3-1 Boavista | Águias põem fim a quarentena caseira

O Benfica venceu na noite deste sábado o Boavista, naquele que foi o primeiro triunfo caseiro após a retoma da Liga. Poderá ter sido a redenção das águias? Após ter somado apenas dois triunfos, quatro desaires …

Cortina do abraço permite às famílias reencontrar os familiares num lar de São Paulo

Abraçar, tocar e até dançar. Uma cortina do abraço permite que filhos visitem seus pais residentes numa casa de repouso em São Paulo. O empresário Bruno Zani, autor da criação, pretende agora colocar a cortina …

Os golfinhos aprendem a utilizar ferramentas com os amigos

Os golfinhos aprendem a utilizar ferramentas não só com as suas progenitoras mas também com os seus pares, concluiu uma nova investigação levada a cabo por cientistas da Universidade de Leeds, no Reino Unido. De acordo …

Entre uma "história de recusas" e uma “opção clara” pelos interesses do grande capital

A líder do BE disse hoje que a legislatura do Partido Socialista tem sido a “história das recusas” tanto sobre um acordo no final das eleições 2019, seja na recusa dum Orçamento Suplementar para lá …

Homem morre nos Estados Unidos depois de receber mais de 50 choques taser na sua detenção

Dos agentes da polícia da cidade de Wilson, no estado norte-americano do Oklahoma, foram nesta quarta-feira acusados de homicídio em segundo grau pela morte de um homem durante a sua detenção. De acordo com o …