Revista norte-americana envia postal de Natal com cartoon de Trump assassinado

A revista Hustler tem sido alvo de duras críticas depois de enviar a vários membros do Congresso dos Estados Unidos um postal de Natal com um cartoon do presidente Donald Trump assassinado.

A capa do cartão de Natal de Hustler mostra o assassino sorridente com uma arma fumegante a dizer “Acabei de balear Donald Trump na Quinta Avenida e ninguém me prendeu”. No interior, há um desenho animado do presidente deitado numa poça de sangue cercado por pessoas que gritam: “Feliz Natal!”. “De todos nós na Hustler“, lê-se o canto inferior do cartão.

O postal parece ser uma referência ao comentário de Trump durante a campanha presidencial de 2016, quando disse: “Eu poderia estar no meio da Quinta Avenida e balear alguém e não perderia nenhum eleitor, ok? ”

O presente da Hustler foi partilhado pelo representante republicano da Louisiana, Mike Johnson, que o chamou de “nojento e odioso”. “isto é tudo o que se precisa de saber sobre a esquerda radical. Imagine se um conservador tivesse distribuído uma peça tão repugnante e odiosa sobre um democrata”, escreveu Johnson, expressando a esperança de que o postal fosse investigado pelos Serviços Secretos dos Estados Unidos.

O cartão também foi condenado por Mark Zaid, advogado crítico de Trump e representante do queixoso no escândalo ucraniano. “Isto é inaceitável e claramente não sou fã deste presidente. Mas isto ultrapassa os limites e deve haver um pedido de desculpas público. Algo assim não é uma piada”, escreveu Zaid na sua conta do Twitter.

Hustler confirmou a autenticidade do postal, observando que era o seu “cartão oficial de Natal de 2019”, mas ainda não fez comentários sobre a controvérsia.

O fundador da revista, Larry Flynt, é conhecido por não gostar do presidente norte-americano. Em 2017, recorda o New York Post, a editora de 77 anos publicou um anúncio de página inteira no jornal norte-americano The Washington Post, em que oferecia uma recompensa de 10 milhões de dólares por “informações que levassem ao impeachment e à demissão do cargo” por Donald Trump.

ZAP //

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

    • Realmente… é inadmissível!…
      Assassinar alguém num território estrangeiro (alguém que por acaso até tinha colaborado ativamente com os EUA na invasão do Iraque e que combatia o Estado Islâmico no Iraque), ainda se admite; agora, uma coisa destas, nem pensar!!!

        • Assassinou?
          Não sei… quando?
          Enquanto ajudava os americanos a invadir o Iraque ou agora que combatia o Estado Islâmico “criado” pelos americanos?
          Obviamente que não um anjinho, mas foi mesmo assassinado – e o outro louco, foi apenas “assassinado” um postal!…

          • És só mais um lobotomisado.
            Para desculpar um terrorista como o do Irão e compara-lo ao Trump, só diz uma coisa, és um triste ignorante que só faz o que os meios de comunicação lhe dizem.
            Enfim, sem cérebro, sem destino e sem futuro, tal e qual a representação desta falhada nação de emigrantes e assassinos da mulher e familias…

  1. Por acaso, pus-me a imaginar uma revista iraniana a publicar um cartoon representando o Ali Khamenei assassinado e concluí que é por estas coisas que, apesar das inúmeras críticas que fazemos, gostamos do nosso Ocidente.

    • Sem duvida, mas convém não esquecer o que os americanos fizeram no Irão, que levou à Revolução Iraniana e os loucos dos ayatollah’s ao poder…
      Como sempre, as religiões a atrasar a civilização e liberdade dos povos!…

    • Pois é, quanto mais um portuga, que nem uma revolução fez.

      Falar dos outros quando “cá em casa” estamos sempre de mão estendida à porta do parlamento europeu, ou de angola ou de qualquer outro sitio miserável.
      Temos os nossos equivalentes na republica centro africana que nem português se fala por lá mas pertence aos PALOP.

      No entanto os ocidentais é que são os maus da fita, aqueles que conseguiram democracia e liberdade na terra DELES.

      Agora observem árabes, africanos, sul americanos, asiáticos e digam que somos os mais exploradores e atrasados…

  2. Assassinou?
    Não sei… quando?
    Enquanto ajudava os americanos a invadir o Iraque ou agora que combatia o Estado Islâmico “criado” pelos americanos?
    Obviamente que não um anjinho, mas foi mesmo assassinado – e o outro louco, foi apenas “assassinado” um postal!…

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …