Restaurante de Avillez entre os 50 melhores do mundo

belcanto.pt

O chef José Avillez na cozinha do restaurante Belcanto

O restaurante Belcanto, do chef José Avillez, entrou pela primeira vez para a lista dos melhores 50 melhores restaurantes do mundo, para a 42ª posição.

No ano passado, o restaurante, situado no Largo de São Carlos, em Lisboa, estava na lista dos 100 melhores do mundo, no 75ª lugar.

José Avillez está em em Singapura, onde ainda decorre a cerimónia. O chef assumiu o comando do Belcanto em 2012, ano em que ganhou a primeira estrela Michelin – arrecadaria uma segunda dois anos depois.

No site do The World’s 50 Best Restaurants, o Belcanto – que este ano sobe 33 posições – é apresentado como o restaurante que mostra as cores verdadeiras da culinária de Lisboa.

Eleito como melhor restaurante do mundo, surge o francês Mirazur (Menton). O dinamarquês Noma (Copenhaga) alcança a segunda posição na lista, enquanto o Asador Etxebarri (Axpe, Espanha) ficou com o terceiro lugar.

Apesar de se referir “aos 50 melhores do mundo” a lista incluiu 120 restaurantes – uma homenagem à água S. Pellegrino e Acqua Parma que este ano celebra 120 anos de existência.

Outra das novidades, é que entre as 1040 pessoas que votam para eleger os melhores, há 500 mulheres – um compromisso com a igualdade de género.

Este ano, existe igualmente uma nova categoria: Best of the Best (os melhores dos melhores). O objetivo é deixar espaço para que os primeiros lugares não sejam sempre ocupados pelos mesmos. Assim lá surgem, por exemplo, o El Bulli, The Fat Duck e o El Celler de Can Roca, o Noma original, entre outros.

O primeiro restaurante português a entrar na lista dos melhores do mundo foi o O Vila Joya, no Algarve, que alcançou o 22.º lugar em 2014. O Belcanto foi destacado pela primeira vez em 2015, ocupando a 91.ª posição. No site, já com a lista dos 50 melhores actualizada, é valorizada a utilização dos produtos da costa portuguesa e dado destaque ao prato Mergulho no mar, uma criação de 2007, um robalo com algas e bivalves ou o Leitão revisitado, com batata frita, laranja e salada.

  ZAP //

 

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.