Restaura-te: Lisboa vai formar dois mil sem-abrigo à mesa

A Câmara Municipal de Lisboa quer formar os mais de 2 mil sem abrigos que ocupam as ruas da capital. Em 2018, na Rua de São José, 2051 pessoas em situação “já estabilizada, recuperada” vão integrar o projeto da autarquia lisboeta – o Restaura-te.

Qualquer pessoa poderá frequentar o restaurante, que entra em funcionamento no próximo ano. A atender encontrarão pessoas com “uma história de rua ou de dependência”, conforme explica o vereador dos Direitos Sociais de Lisboa, João Afonso ao Diário de Notícias.

“Lá atrás, estará alguém que orienta todo o serviço de mesa e de cozinha”, contando com “o apoio das outras pessoas que estarão a receber formação”, precisou o autarca.

O objetivo da criação de um restaurante que forme sem-abrigo no mercado de trabalho é a integração destes no mercado de trabalho, especialmente se a sua formação for numa “das maiores áreas de empregabilidade na cidade”, como deixa prever João Afonso.

Depois da formação no restaurante da Câmara – o Restaura-te -, o objetivo é que estes sem-abrigo consigam empregos em restaurantes e empresas de catering, com as quais a Câmara de Lisboa vai fazer parcerias.

No site da Câmara Municipal de Lisboa, o autarca refere que este é um “restaurante que vai qualificar pessoas sem abrigo e servir de porta de entrada para o mercado de trabalho, uma forma de reinserir esta população tão desfavorecida, é mais um projetos que assim continua a estratégia de cidade para as pessoas em situação de sem abrigo”.

Sem falar em números, João Afonso indicou que o projeto entra em funcionamento o mais rápido possível, o que se prevê ser em 2018. O projeto ocupará um espaço na Rua de São José “que já está infraestruturado” pela autarquia.

Além deste projeto, o governo lisboeta prevê a criação de outras respostas de inserção diurna, como um centro ocupacional para pessoas sem-abrigo, que vai assegurar a integração de 125 pessoas.

Através de questionários feitos aos sem-abrigo, um diagnóstico datado de janeiro a maio deste ano revela que dos 2051 sem abrigos que Lisboa tem 85% são homens (mais de 1700). Do número total, 1717 dispõem de alojamentos temporários e 334 vive nas ruas.
Apesar deste novo projeto representar mais uma pequena ajuda, João Sousa admite ter consciência que “haverá sempre pessoas em situação” de risco.

O projeto insere-se no Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem Abrigo – também conhecido como NPISA -, que começou em 2015, com 16 parceiros. Em 2017 já conta com 25 parceiros que continuam a trabalhar em rede “com e para a população sem-abrigo”.

Inaugurada no Cais do Gás, em 2015, esta estrutura resulta de uma coordenação tripartida da Rede Social, com a Câmara Municipal de Lisboa, Centro Distrital de Lisboa – Instituto da Segurança Social, I.P e a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Peru decreta estado de emergência na fronteira com a Colômbia

O Peru decretou na segunda-feira o estado de emergência por 60 dias na fronteira com a Colômbia, devido à presença de narcotraficantes e de dissidentes da antiga guerrilha das Forças Armadas Revolucionários da Colômbia. O Presidente …

CP acaba com o primeiro Alfa Pendular do dia (e reforça receios de colapso)

A partir de 5 de Agosto, deixa de haver o primeiro comboio Alfa Pendular do dia a realizar o percurso de Lisboa ao Porto. A CP - Comboios de Portugal vai acabar com esta ligação …

São feitos por dia quase 600 créditos para comprar carro

Vendem-se cada vez mais carros em Portugal. Só no mês de maio foram concedidos quase 290 milhões de euros e feitos mais de 20 mil contratos, segundo dados do Banco de Portugal. Os empréstimos para compra …

Transferência do Infarmed "ameaça saúde pública” em Portugal e no mundo

A presidente do Infarmed, Maria do Céu Chamado, alertou esta terça-feira que uma deslocalização da instituição pode ser uma “ameaça à saúde pública” em Portugal e também no mundo. Ouvida na comissão parlamentar de Saúde, a …

Campanha oficial do Brexit multada por violar lei eleitoral

A campanha oficial para o voto a favor da saída do Reino Unido da União Europeia - Vote Leave - foi multada por violar a lei eleitoral, anunciou esta terça-feira a Comissão Eleitoral. Segundo revelou a …

Bitcoin ajudou a financiar ciberespionagem eleitoral da Rússia, acusam os EUA

A bitcoin terá ajudado a financiar o esquema de ciberespionagem nos Estados Unidos levado a cabo por 12 agentes russos durante as eleições presidenciais de 2016. Segundo um relatório, apresentado esta sexta-feira pelo vice-procurador-geral dos Estados …

Parlamento chumba fim do adicional ao imposto dos combustíveis

O Parlamento chumbou esta terça-feira, na especialidade, com os votos da esquerda, o projeto de lei do CDS que punha fim ao adicional ao Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP). PS, PCP e Bloco chumbaram o projeto …

UE e Japão assinam acordo de comércio livre contra protecionismo

A União Europeia e o Japão assinaram nesta terça-feira, em Tóquio, um acordo de comércio livre que o presidente do Conselho Europeu considerou ser uma "mensagem clara" contra o protecionismo. "Enviamos uma mensagem clara de que …

Alunos da secundária Pedro Nunes tiveram de pagar 10 euros para se matricularem

Os alunos da Escola Secundária Pedro Nunes tiveram de pagar 10 euros para se matricularem. A diretora do estabelecimento de ensino desconhecia a situação e já deu instruções para que o dinheiro seja devolvido. Os alunos …

Transplante de fígado do futebolista Eric Abidal foi legal

A Organização Nacional de Transplantes da Espanha concluiu que o transplante de fígado de doador vivo ao qual o ex-lateral-esquerdo Eric Abidal foi submetido "foi realizado de acordo com a lei" e com boas práticas. Em …