Restaura-te: Lisboa vai formar dois mil sem-abrigo à mesa

A Câmara Municipal de Lisboa quer formar os mais de 2 mil sem abrigos que ocupam as ruas da capital. Em 2018, na Rua de São José, 2051 pessoas em situação “já estabilizada, recuperada” vão integrar o projeto da autarquia lisboeta – o Restaura-te.

Qualquer pessoa poderá frequentar o restaurante, que entra em funcionamento no próximo ano. A atender encontrarão pessoas com “uma história de rua ou de dependência”, conforme explica o vereador dos Direitos Sociais de Lisboa, João Afonso ao Diário de Notícias.

“Lá atrás, estará alguém que orienta todo o serviço de mesa e de cozinha”, contando com “o apoio das outras pessoas que estarão a receber formação”, precisou o autarca.

O objetivo da criação de um restaurante que forme sem-abrigo no mercado de trabalho é a integração destes no mercado de trabalho, especialmente se a sua formação for numa “das maiores áreas de empregabilidade na cidade”, como deixa prever João Afonso.

Depois da formação no restaurante da Câmara – o Restaura-te -, o objetivo é que estes sem-abrigo consigam empregos em restaurantes e empresas de catering, com as quais a Câmara de Lisboa vai fazer parcerias.

No site da Câmara Municipal de Lisboa, o autarca refere que este é um “restaurante que vai qualificar pessoas sem abrigo e servir de porta de entrada para o mercado de trabalho, uma forma de reinserir esta população tão desfavorecida, é mais um projetos que assim continua a estratégia de cidade para as pessoas em situação de sem abrigo”.

Sem falar em números, João Afonso indicou que o projeto entra em funcionamento o mais rápido possível, o que se prevê ser em 2018. O projeto ocupará um espaço na Rua de São José “que já está infraestruturado” pela autarquia.

Além deste projeto, o governo lisboeta prevê a criação de outras respostas de inserção diurna, como um centro ocupacional para pessoas sem-abrigo, que vai assegurar a integração de 125 pessoas.

Através de questionários feitos aos sem-abrigo, um diagnóstico datado de janeiro a maio deste ano revela que dos 2051 sem abrigos que Lisboa tem 85% são homens (mais de 1700). Do número total, 1717 dispõem de alojamentos temporários e 334 vive nas ruas.
Apesar deste novo projeto representar mais uma pequena ajuda, João Sousa admite ter consciência que “haverá sempre pessoas em situação” de risco.

O projeto insere-se no Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem Abrigo – também conhecido como NPISA -, que começou em 2015, com 16 parceiros. Em 2017 já conta com 25 parceiros que continuam a trabalhar em rede “com e para a população sem-abrigo”.

Inaugurada no Cais do Gás, em 2015, esta estrutura resulta de uma coordenação tripartida da Rede Social, com a Câmara Municipal de Lisboa, Centro Distrital de Lisboa – Instituto da Segurança Social, I.P e a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

ZAP //

RESPONDER

Além de um ícone da ciência, Marie Curie também foi uma heroína de guerra

Marie Curie foi, além de uma cientista conceituada, vencedora de dois prémios Nobel, uma filantropa que usou as suas competências na área da ciência para ajudar a salvar vidas na I Guerra Mundial. Se perguntarmos a …

Incêndios: Costa garante que "nada ficará como dantes", a ministra "não teve férias"

O primeiro-ministro pediu hoje consenso político para a aplicação das recomendações da comissão independente aos fogos de junho e prometeu que, no fim dos incêndios, o Governo assumirá totais responsabilidades na reconstrução do território e …

Mosteiro alemão com 900 anos vai fechar. Não há monges

Um antigo mosteiro na Alemanha, com quase nove séculos de actividade, está prestes a fechar as portas, devido a problemas financeiros e à escassez de monges. À medida que a Igreja Católica vê declinar significativamente o …

Furacão Ophelia com ventos de 150 Km/h faz três mortos na Irlanda

A Irlanda está em alerta vermelho com os ventos provocados pelo furacão a atingirem os 150 km/h. A tempestade provocada pelo furacão Ophelia causou esta segunda-feira a morte de três pessoas na Irlanda, segundo informações da …

Oposição venezuelana não aceita resultados das eleições regionais

O Conselho Nacional Eleitoral dá conta de que o PSUV, o partido no Governo, ganhou em 17 dos 23 Estados do país, nas eleições deste domingo. A aliança opositora venezuelana Mesa de Unidade Democrática (MUD) rejeitou, …

Número de mortos em atentado na Somália já ultrapassou os 300

O número de mortos do violento atentado terrorista registado no sábado em Mogadíscio, capital da Somália, já ultrapassou as três centenas, havendo, porém, a certeza que o total vítimas será ainda maior, indicou fonte médica …

Astrónomos detetam um novo tipo de ondas gravitacionais: "O princípio de uma nova era"

Segundo os cientistas, as novas emissões de radiação agora detetadas são consequência da fusão de duas estrelas de neutrões numa galáxia distante. Uma equipa internacional anunciou esta segunda-feira ter conseguido ver através da luz e das …

Sal no pão vai baixar ainda mais a partir de 2018

O teor de sal no pão vai baixar ainda mais a partir do próximo ano, de acordo com um protocolo que será assinado, esta segunda-feira, entre o Estado e a indústria da panificação e pastelaria. Segundo …

Falsos recibos verdes podem enfrentar "aumento de impostos desumano" em 2018

"Um aumento de impostos desumano", é o que antecipa o fiscalista Mendes da Silva sobre as mudanças no regime simplificado dos trabalhadores independentes, os chamados recibos verdes, que estão previstas no Orçamento de Estado para …

Bancos obrigados a comunicar mais cedo transferências para offshores

Os bancos serão obrigados a comunicar mais cedo à administração tributária a lista das transferências realizadas para contas sediadas em paraísos fiscais sempre que as movimentações ultrapassem os 15 mil euros. As declarações deveriam ser feitas …