/

Reclusos dão festa na prisão de Paços de Ferreira e publicam vídeo no Facebook

7

Um grupo de reclusos da cadeia de Paços de Ferreira filmou em direto para o Facebook a festa de aniversário de um dos presos.

Um grupo de reclusos da cadeia de Paços de Ferreira transmitiu em direto, através do Facebook, a festa de aniversário de um dos presos, avança o Correio da Manhã. O vídeo, de cerca de 40 minutos, foi filmado este sábado na ala A da prisão através de um telemóvel.

De acordo com o jornal, as imagens mostram um grupo de reclusos a dançar e a comer bolo de aniversário. A Direção-Geral dos Serviços Prisionais adiantou que já foi instaurado “um inquérito interno, a cargo do Serviço de Auditoria e Inspeção, e coordenado por um procurador”.

Segundo o Diário de Notícias, o magistrado do Ministério Público que coordena o Serviço de Auditoria e Inspeção do Norte da Direção-geral de Reinserção e Serviços Prisionais já esteve no estabelecimento prisional este domingo para o arranque da investigação.

A festa de aniversário teve início às 14 horas deste sábado e terminou uma hora e meia mais tarde. Este período de tempo corresponde ao período de visitas na cadeia de Paços de Ferreira. Apesar de ser um estabelecimento prisional de alta segurança destinado a reclusos perigosos, a essa hora há dois guardas de serviço na ala A, onde estão 400 reclusos.

Segundo o CM, foi assim que os reclusos conseguiram aproveitar a abertura das celas para montar mesas no corredor da prisão e, mesmo assim, conseguiram escapar ao olhar dos guardas prisionais.

O aniversariante era um traficante de droga que mantém o seu perfil no Facebook, no qual publica regularmente. O detido foi, entretanto, transferido para a cadeia de Vale de Judeus.

A utilização de telemóveis é proibida dentro dos estabelecimentos prisionais. No entanto, apesar disso, o vídeo mostra vários reclusos a utilizarem um aparelho destes. Nenhum guarda prisional surge na filmagem que está agora a ser investigada.

  ZAP //

7 Comments

  1. um local fechado onde tudo se pode controlar e no entanto não são capazes de impedir que estes condenados tenham acesso a este tipo de dispositivos com os quais se quiserem podem continuar a cometer crimes incluindo planear fuga com auxilio externo.

    brilhante!
    viva o colectivismo e incompetência reinante.

  2. Ainda não percebi este ridículo de esconderem a cara destes tipos quando eles próprios a mostraram para quem quisesse ver em direto… estas leis estão mesmo maradas… rsss

  3. Qual o stress? Não podem festejar? Se fosse um jogo de futebol, não podiam festejar?
    Não houve perigo algum, não houve feridos … Enfim. Há cada notícia …

    • Provavelmente nem era preciso estarem presos, porquê castigar esses santinhos… O estado é mesmo mau, não chega chamarem a essa gente “criminosos” como também força a sua “reclusão”, como ainda não permite festas de aniversários nem telemóveis… Coitados desses anjinhos, são penalizados por “fazerem o bem para a sociedade”…
      Tenha paciência!

  4. nas cadeias tudo é proibido, mas ha sempre coisas la dentro
    é proibido droga, mas trocam seringas. é proibido ter telemoveis mas eles têm e telefonam e publicam coisas na internet

    se ha aparelhos para bloquerar os telemoveis, porque nao os usam?
    será que depois os guardas nao podem usa-los? mas se estao de ser serviço nao têm nada que andar nas redes sociais

    estas situaçoes so acontecem num pais como o nosso em que os presos têm mais direitos do que um cidadao normal (que so tem deveres)

  5. Chamam a isto prisão e algumas até alcunhadas de alta segurança, comem todos lá dentro de prisioneiros a guardas parecem fazer todos parte da mesma seita! Não deu direito a transmissão pela Eurovisão? Foi pena!. Alguém anda a gozar com o povo deste país que na prática é quem sofre as consequências com os crimes e nos custos com os criminosos e seus seguranças.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE