No Quénia, há meninas a faltar às aulas por não terem acesso a tampões

No Quénia, há adolescentes que não têm dinheiro para comprar pensos higiénicos ou tampões. Por isso, faltam às aulas.

O Expresso conta a história de uma menina queniana, de 14 anos, que não aguentou ser humilhada na sala de aula por uma professora que lhe chamou “porca” por ela estar a ter o seu primeiro período e ter manchado o uniforme escolar.

A professora mandou a aluna sair da sala. A jovem foi para casa e contou o sucedido à mãe que, pouco depois, encontrou a filha já sem vida. A vergonha levou-a a cometer suicídio. Os pais da jovem apresentaram queixa às autoridades, mas, até agora, nenhuma ação foi tomada.

De acordo com a BBC, muitas adolescentes quenianas não têm dinheiro para comprar tampões, o que as leva a faltar às aulas. A percentagem poderá ser tão elevada como 10%, com algumas alunas a ficarem essencialmente privadas de educação.

O acesso a produtos menstruais na África subsariana é um problema ainda sem solução. Embora uma lei de 2017 determine que o Estado fornecerá gratuitamente os tampões, a sua implementação parece estar demorada.

Já o tema da vergonha por causa da menstruação é recorrente no país, e voltou agora a ser discutido. Várias deputadas reuniram-se em frente ao Ministério da Educação em protesto, e 200 pais também se juntaram em frente à escola em questão – em Kabiangek, a oeste de Nairobi – levando a polícia a usar gás lacrimogéneo e a efetuar detenções.

O programa de distribuição de tampões e pensos higiénicos não está a ser eficaz, por razões orçamentais e outras, adiantou um responsável governamental.

A deputada Esther Passaris concordou, dizendo que o orçamento do programa tem de ser dez vezes maior. “Temos de fazer com que as meninas não tenham vergonha dos seus períodos. Acho que ainda não vencemos essa batalha”, acrescentou.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Campanha alerta população sobre cancros de sangue e apela para informação

Uma campanha para quebrar o silêncio sobre os cancros do sangue e alertar para a importância do diagnóstico precoce está nas ruas até final de setembro, lembrando que é essencial estar atento a sintomas e …

Pfizer diz que vacina é "segura" para crianças dos cinco aos 11 anos

A Pfizer/BioNTech anunciaram, esta segunda-feira, que a vacina é segura e parece gerar uma resposta imunitária robusta nas crianças dos cinco aos 11 anos. Depois de um estudo com 2.268 participantes, a Pfizer/BioNTech anunciaram que a …

PS e CDS na Madeira desencontrados, PSD e Bloco continuam no Norte

No arranque da segunda semana de campanha para as autárquicas, os líderes do PS e do CDS-PP apostam na Madeira mas com horários desencontrados, enquanto BE e PSD continuam a norte, e PAN e PCP …

Confronto entre EUA e China é "perigoso para o mundo", alerta Guterres

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou no domingo que um confronto entre os Estados Unidos (EUA) e a China é "perigoso para o mundo" e que, apesar das diferenças, há áreas onde …

Portugal recebeu no domingo grupo de 80 afegãos

Portugal recebeu no domingo 80 afegãos, na maioria atletas da equipa de futebol feminino e seus agregados familiares, elevando para 178 o total de cidadãos acolhidos após a emergência humanitária no Afeganistão, anunciou esta segunda-feira …

Inspeção obrigatória das motas começa em janeiro de 2022

Quase dez anos depois de a medida ter sido aprovada pelo Governo, a inspeção obrigatória de motas com mais de 125 cc vai arrancar em janeiro de 2022. Jorge Delgado, secretário de Estado das Infraestruturas, referiu …

André Ventura - Chega

Ventura diz que PSD está "igual" ao PS - e desafia Rio a justificar atraso no interior

O líder do Chega, André Ventura, manifestou-se hoje preocupado com o panorama político à direita, observando que o PSD está “igual” ao PS e acusando ambos os partidos de terem abandonado o interior do país. “Estou …

Sem Cristiano, o que se passa com a Juventus?

Nenhum triunfo em quatro jornadas do campeonato. Não acontecia há 60 anos. E o problema maior não estará no ataque, apesar da saída de Cristiano Ronaldo. Estreia na temporada: 2-2 no terreno da Udinese. Receber o …

Pacto AUKUS. Nova aliança dos EUA na Ásia-Pacífico pode levar a "corrida às armas nucleares"

A nova aliança dos Estados Unidos (EUA) na região da Ásia-Pacífico e a recente compra de submarinos norte-americanos por parte da Austrália pode desencadear uma "corrida às armas nucleares" na região, avisou esta segunda-feira a …

Costa foi omnipresente, agradeceu a regueifa e recarregou a "bazuca" como arma política

António Costa correu oito concelhos do Norte, em missão de campanha eleitoral. A "bazuca" europeia é usada como arma política, assim como a gestão da pandemia. A pandemia era um ponto de inflexão para as eleições …