Putin avisa: se Washington colocar mísseis na Europa, Moscovo vai retaliar

Yuri Kochetkov / EPA

Vladimir Putin disse num discurso à nação que a Rússia vai responder caso os Estados Unidos decidam implementar os novos mísseis de alcance intermediário na Europa.

Esta resposta, disse o presidente russo citado pelo The Washington Post, terá como alvo não só os países onde os norte-americanos implementaram o armamento, mas os próprios Estados Unidos.

Putin garantiu ainda que estão completos os testes de um novo míssil e drone com capacidade nuclear e que essas armas estão preparadas para serem incluídas no arsenal do país.

Segundo o The New York Post, Putin rejeitou as acusações dos Estados Unidos de que a retirada do tratado das Forças Nucleares de Alcance Intermediário em 1987 foi motivada por violações russas do pacto, acusando ainda os EUA de falsas acusações contra a Rússia para justificar sua decisão de sair do pacto.

Putin disse ainda que a Rússia não será a primeira a implantar novos mísseis de alcance intermediário na Europa, mas alertou que vai retaliar se os EUA colocarem esses mísseis no continente.

“É o direito deles pensarem como querem. Mas conseguem contar? Tenho a certeza que sim. Vamos deixá-lo contar a velocidade e o alcance do sistema de armas que estamos a desenvolver”, disse o presidente russo, acrescentando que “a Rússia será forçada a criar e implementar tipos de armas que possam ser utilizados não só em relação aos territórios de onde surge a ameaça direta, mas também em relação aos territórios onde os centros de decisão estão localizados”.

Para Putin, segundo o Observador, caso os Estados Unidos implantem novos misseis na Europa, a Rússia não tem escolha: terá que responder, pois esta situação iria reduzir drasticamente o tempo que leva os mísseis norte-americanos a alcançar a Rússia, algo que, segundo o líder russo, constitui uma ameaça direta.

“Sabemos como fazer isto e vamos implementar estes planos imediatamente, logo que as ameaças se tornem uma realidade”, acrescentou.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. O filho da Putin vai retaliar como?
    Será que vai invadir a Ucrânia e a Geórgia?
    Ah, espera…
    Enquanto boa parte dos russos vivem na miséria, este psicopata está preocupado com mísseis!…

    • Acho bem pois são os únicos a poder retaliar contra as investidas constantes dos estados unidos em todo mundo para se apodera de todas as riquezas naturais do resto do mundo, enquanto as deles ficam no solo para poderem depois cobrar o que quiserem, quando as riquezas naturais do resto do mundo estiverem a zero.
      É triste que ninguém tenha essa noção…

      • Pois… por acaso, a Rússia nunca fez nada disso – é que nem pensar!!…
        E, como se sabe, o povo russo vive muito bem e toda a gente quer ir viver para a Rússia!…
        O filho da Putin, além de fazer igual ou pior do que os EUA, faz isso fora e DENTRO da própria Rússia, fazendo com que, no país com mais recursos naturais do mundo (e apenas com 150 milhões de habitantes para uma área de 5x a União Europeia!), a maioria da população viva miseravelmente – enquanto ele é “apenas” o homem mais rico do mundo!!
        É triste que, muitos dos que falam da Rússia apenas para contrariar o imperialismo americano, não tenham essa noção…

  2. Este anda por aí a fazer publicidade e ameaças com novos mísseis intercontinentais de última geração e sente-se no direito de manter o terreno limpo nos arredores da casa dele, nada burro!

  3. Sou daquelas pessoas que acredita que os Estados Unidos Americanos e a Rússia, perpetuam um enorme teatro. Não acredito que se queiram enfrentar numa guerra mundial, e a Europa no meio geografico, politicamente iria deixar?

RESPONDER

Como surgiu a vida na Terra? Cientistas acreditam ter descoberto o "elemento-chave"

Uma equipa de investigadores da Ludwig-Maximilians-Universitaet, na Alemanha, mostrou que pequenas alterações nas moléculas de transferência de ARN (tARNs) permitem que se auto-agrupem numa unidade funcional que consegue replicar informações exponencialmente. Uma equipa de biólogos alemães …

Telescópio FAST detetou três misteriosos sinais rádio do ainda jovem Universo

O gigante telescópio chinês FAST (Five Hundred Metre Aperture Spherical Telescope) detetou três misteriosas rajadas rápidas de rádio (FRB) que ocorreram quando o Universo era ainda jovem. As rajadas rápidas de rádio são um dos …

Áustria reitera rejeição de acordo comercial UE-Mercosul

O Governo austríaco, numa carta enviada ao primeiro-ministro, António Costa, reiterou a sua rejeição do acordo comercial UE-Mercosul e apelou a que Portugal, enquanto presidência da União Europeia (UE), “assegure” que a sua votação seja …

Em Málaga, pode comer-se o pão mais caro do mundo. É feito com ouro e prata

É na padaria espanhola Pan Piña que se confeciona aquele que é, de momento, o pão mais caro de todo o mundo. Este é vendido por uma quantia que pode chegar até aos 3.700 euros …

Novas evidências apontam eventual localização dos destroços do MH370. Jornalista sugere que foi abatido

O chefe da busca fracassada pelo voo MH370 da Malaysia Airlines está a pedir um novo inquérito com base em novas evidências que podem finalmente resolver o mistério do desaparecimento da aeronave há sete anos. De …

Cidade nos EUA testou o rendimento básico universal. "Os números foram incríveis"

Além de a percentagem de pessoas que tinham um emprego a tempo inteiro ter subido, os participantes da iniciativa também relataram sentir-se menos ansiosos. De acordo com o estudo publicado esta quarta-feira, citado pela agência …

Belenenses 0-3 Benfica | Vendaval suíço após o descanso

O Benfica venceu o dérbi com a Belenenses SAD, em jogo a contar para 22ª jornada da Liga NOS, por 3-0. Uma partida que teve uma primeira parte mal jogada e com muitas dificuldades para as …

Investigador apresenta nova geração de drones minúsculos e ágeis. São inspirados em mosquitos

Os mosquitos são insetos incrivelmente acrobáticos e resistentes durante o voo, o que os ajuda a navegar entre rajadas de vento, obstáculos e incertezas. Agora, uma equipa de investigadores construiu um sistema que se aproxima …

OMS considera que a pandemia podia ter sido evitada se alguns países não tivessem sido lentos a reagir

O diretor-geral da OMS afirmou esta segunda-feira que alguns países reagiram lentamente à declaração de emergência sanitária global em janeiro de 2020, desperdiçando-se uma "janela de oportunidade" para evitar a pandemia de covid-19. "A 30 de …

Louvre recupera armadura do século XVI roubada há quase 40 anos

O peitoral e o capacete elaboradamente decorados, que estavam desaparecidos desde 1983, datam do século XVI e voltaram finalmente ao museu do Louvre, em França. Quase quatro décadas depois, um peitoral e um capacete do século …