Putin e Erdogan fazem as pazes e restabelecem cooperação económica

Anatoly Maltsev / EPA

-

Os presidentes da Rússia e da Turquia encontraram-se esta terça-feira com o objetivo de reatar novamente as relações entre os dois países.

A crise diplomática provocada pelo abate de um caça russo sobre a fronteira turco-síria, em novembro do ano passado, parece finalmente ter tido um fim.

Os presidentes da Rússia e da Turquia encontraram-se esta terça-feira em São Petersburgo, naquele que terá sido o primeiro passo para restabelecer os laços económicos.

E prova disso foram as declarações do presidente Vladimir Putin que sublinhou o desejo de ambos em “restabelecer o diálogo e as relações” bilaterais.

Na resposta, o chefe de Estado turco, Recep Erdogan, que tinha definido a sua deslocação como uma “nova etapa, uma partida do zero”, sublinhou que as relações entre Moscovo e Ancara entram numa fase “totalmente diferente” e considerou que a “solidariedade” entre os dois países vai contribuir para a “resolução dos problemas” na região.

Esta é a primeira visita oficial ao exterior do chefe de Estado turco depois da tentativa de golpe militar de 15 de julho, que seguiu com purgas sem precedentes muito criticadas pelo Ocidente.

“A vossa visita, que ocorre apesar da situação política interna muito complicada na Turquia, demonstra que todos pretendemos restabelecer o diálogo e as relações, no interesse dos povos russo e turco”, declarou Putin, após um aperto de mão entre os dois dirigentes numa sumptuosa sala do palácio Konstantinovski.

Esta deslocação surge um mês depois da reconciliação, no final de junho, quando o Presidente turco “lamentou” diretamente o derrube do bombardeiro russo.

Numa confirmação desta reaproximação, Putin foi um dos primeiros responsáveis estrangeiros a telefonar a Erdogan para condenar o golpe de Estado falhado, e sem manifestar as reticências emitidas pelos ocidentais sobre as medidas repressivas adotadas pelo Governo turco.

No entanto, Putin reafirmou esta terça-feira que a Rússia está “categoricamente contra qualquer tentativa de atuar de forma inconstitucional” e disse esperar que a Turquia “possa ultrapassar este problema e que a ordem e a lei constitucional sejam restabelecidas”.

Erdogan não esqueceu o gesto do seu homólogo russo, e no início da cimeira bilateral agradeceu-lhe pessoalmente o apoio manifestado nos primeiros minutos da intentona golpista no país.

“A sua chamada imediatamente após a tentativa de golpe alegrou-me muito a mim, aos meus colegas e ao nosso povo”, disse Erdogan no início da reunião, transmitida em direto pela televisão russa.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Trump muda de discurso. Próximas duas semanas serão "dolorosas" e podem morrer 100 mil pessoas

Esta terça-feira, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, falou ao país com um discurso mudado, mais pessimista e alarmista. Com o número de doentes infetados com covid-19 nos Estados Unidos a superar os 187 mil …

Autódromo do Algarve já pode receber corridas de Fórmula 1

Pista de Portimão deverá receber ainda este ano testes privados de uma das equipas do pelotão da Fórmula 1 e pretende candidatar-se a receber os testes de inverno a partir de 2021. O Autódromo Internacional do …

Medidas de contenção já salvaram 120 mil pessoas na Europa

As medidas de contenção adotadas por vários países europeus salvaram a vida de cerca de 120 mil pessoas na Europa, revela um novo relatório de investigadores britânicos. Um estudo do Imperial College London revela que as …

Ronaldo pode regressar a Manchester. PSG também está na corrida

O Manchester United pondera trazer Cristiano Ronaldo de volta ao clube. O internacional português também está a ser seguido atentamente pelo Paris Saint-Germain. Com a Juventus a enfrentar problemas financeiros devido à pandemia de covid-19, o …

Presidente da República prepara-se para renovar estado de emergência

O Presidente da República decide, esta quarta-feira, sobre o prolongamento do estado de emergência por novo período de 15 dias, com parecer do Governo que reunirá o Conselho de Ministros para esse efeito. A reunião do …

Fisco não se compromete com reembolsos rápidos do IRS

O prazo de entrega da declaração de IRS relativa a 2019 arranca esta quarta-feira e prolonga-se até 30 de junho. Neste momento, a Autoridade Tributária e Aduaneira não se compromete com reembolsos rápidos. De acordo com …

ASAE abre processos crime por preços de álcool, luvas e máscaras inflacionados em 400%

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) abriu nove processos crime após encontrar situações em que os preços praticados de álcool, luvas e máscaras estavam inflacionados em 300% ou 400%. Estes são produtos maioritariamente usados …

Animais terrestres começaram a morrer muito antes da vida marinha no Permiano

Uma equipa internacional de geólogos e paleobiólogos descobriu evidências que poderão redefinir a linha do tempo estabelecida quando a vida começou a desaparecer na extinção do Permiano-Triássico. Há cerca de 252 milhões de anos, a grande …

Num clima de incerteza, Orçamento do Estado entra em vigor

O Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) entra em vigor esta quarta-feira, depois de ter sido publicado ontem em Diário da República.  O documento foi promulgado, a 23 de março, pelo Presidente da República, depois de ter …

DGS admite 9.500 infetados, pico pode já ter ocorrido e Costa não descarta reabertura gradual das escolas

Na terça-feira, decorreu uma reunião à porta fechada que juntou o núcleo de especialistas da Direção-Geral de Saúde e do Instituto Ricardo Jorge com a elite política e os parceiros sociais. Alguns ficaram "otimistas", outros …