Procuram-se equipamentos em fim de vida

chia ying Yang / wikimedia

foto: chia ying Yang / wikimedia

foto: chia ying Yang / wikimedia

Várias marcas da distribuição, totalizando 1.500 lojas, aderiram a uma campanha para receber equipamentos elétricos e eletrónicos que já não são usados e devem ser entregues pelos seus donos para reciclagem, disse hoje uma responsável da Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição (APED).

“Pretendemos que os consumidores, em vez de terem coisas lá em casa que lhes ocupam espaço e os incomodam no dia-a-dia, encaminhem esses equipamentos que já não têm vida, já não servem para nada, para reciclagem”, explicou Ana Isabel Trigo Morais, diretora geral da APED, à agência Lusa.

Ana  Trigo Morais realçou ser “possível, através dos processos de reciclagem, transformar resíduos em matérias primas reutilizadas na composição de outros equipamentos”.

A ideia da campanha, com a mensagem “Procuram-se equipamentos em fim de vida, recompensa – a reciclagem merecida” é dizer às pessoas que levem até às lojas da distribuição, que vendem estes equipamentos, “aquilo que parece já não prestar para nada”.

São abrangidos aparelhos que funcionam com eletricidade como telemóveis, câmaras de vídeo, lâmpadas, balanças, secadores de cabelo, relógios, batedeiras, torradeiras ou ferros de engomar.

Assim, “podem ajudar o ambiente e contribuir para a sustentabilidade do nosso planeta”, defendeu Ana Trigo Morais.

As ações de sensibilização vão informar o consumidor para que possa “agir melhor” e dar um destino aos equipamentos que são substituídos porque já não funcionam ou porque optou por uma atualização tecnológica ou um aparelho mais moderno.

No caso dos equipamentos de grande dimensão, como frigoríficos, os consumidores podem contactar as lojas e pedir informação acerca da forma de entregar os aparelhos para reciclagem.

Entre os 11 associados da APED que aderiram à campanha, que tem como parceiro a ERP Portugal, estão o Lidl, Worten, Auchan, Fnac, Dia Portugal (Mini Preço), El Corte Ingles, Pingo Doce ou Ikea.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

23 ex-gestores do BPN recebem carros topo de gama do Estado

A Parvalorem atribuiu a um grupo de altos quadros da empresa, ex-responsáveis do antigo BPN, 23 "viaturas familiares" topo de gama e várias regalias associadas como o pagamento do combustível até 300 euros por mês. O …

Preços praticados pela Airbnb não cumprem lei europeia

A plataforma Airbnb tem até ao final do mês de agosto para explicar os preços que pratica, dado que violam a legislação da União Europeia. A plataforma online de reserva de alojamento tem agora até ao …

Sarcófago negro encontrado no Egito pode pertencer a Alexandre, o Grande

O maior sarcófago já descoberto na cidade de Alexandria, no Egito, vai ser aberto nos próximos dias, depois de permanecer totalmente intacto mais de dois milénios. Os especialistas têm esperanças que o artefacto negro encontrado …

Vagas no Superior com aumento residual em ano de cortes em Lisboa e Porto

O concurso nacional de acesso ao Ensino Superior volta a registar um aumento de vagas, pelo terceiro ano consecutivo, ainda que residual e em ano de corte de vagas em Lisboa e Porto, por determinação …

A primavera chegou a Marte. E com ela, as misteriosas "aranhas marcianas"

A NASA publicou fotografias de um fenómeno peculiar avistado na superfície de Marte, que se assemelha com "aranhas". As imagens foram capturas na semana passada pela câmara HiRISE, instalada a bordo da nave espacial Mars …

As pessoas estão a ficar doentes após comerem salada do McDonald's

Mais de 100 pessoas apresentaram sintomas de contaminação pelo protozoário Cyclospora cayetanensis depois de comerem a salada do McDonald's, nos Estados Unidos. Mesmo que seja com a melhor das intenções, pedir uma salada no McDonald's pode …

Descobertas 12 novas luas em torno de Júpiter

Cientistas nos Estados Unidos descobriram mais 12 luas em torno do planeta Júpiter, conjeturando que as suas órbitas opostas resultam de colisões entre outros corpos celestes maiores. Com a descoberta das luas, que foram vistas pela …

Há 3.500 anos, os egípcios já faziam cosméticos

Cientistas sintetizaram tintas e cosméticos com cerca de 3.500 anos, uma descoberta feita graças ao facto de a equipa ter desenvolvido uma nova técnica de datação de compostos carbonatados inorgânicos. Uma equipa de cientistas internacional sintetizou …

Encontrados restos de pão de há 14.400 anos na Jordânia

Um grupo de investigadores encontrou vestígios de pão, feito por caçadores-recoletores que viveram há 14.400 anos, quatro milhares de anos antes do surgimento da agricultura. Esta é a mais antiga prova da existência de pão …

Governo indiano ordena inspeção a todos os centros da congregação da Madre Teresa

O Governo da Índia ordenou uma inspeção a todos os centros para crianças geridos pela congregação católica da Madre Teresa no país, após a detenção de uma das suas freiras por alegadamente vender bebés. A ministra …