Procuradoria russa diz que dados de fogos florestais na Sibéria foram manipulados

Vários dados estatísticos sobre os fogos florestais que nas últimas semanas afetam diversas regiões da Sibéria foram manipulados por autoridades locais, anunciou na segunda-feira a Procuradoria-Geral da Rússia.

“Detetámos a deturpação de dados sobre a data de extinção dos incêndios. Podemos falar com certeza de manipulações em Irkutsk e noutras regiões”, disse à agência EFE o porta-voz do departamento de proteção ambiental da Procuradoria-Geral russa, Roman Fedosov.

Segundo noticiou o Expresso, citando por sua vez a agência Lusa, além das datas de extinção dos fogos, foram manipulados dados relativos aos locais dos incêndios e à distância em relação às populações mais próximas, ação que dificultou ou impediu a reação adequada dos serviços de emergência.

O responsável precisou que ainda estão a ser analisados os dados de Krasnoiarsk, região que, com a de Irkutsk, é uma das mais afetadas pelos fogos, assim como da Buriácia.

Roman Fedosov disse que este tipo de incumprimento das normas ocorre “em todo o lado” e foi por isso que a Procuradoria decidiu intervir.

O porta-voz apontou outros fatores adversos ao combate aos incêndios como a burocracia e a má gestão da polícia local, apontando que desde o início do ano apenas foi aberto um processo por fogo posto, num contexto em que, assegurou, a principal causa dos fogos florestais este ano foi o “fator humano”.

Os fogos florestais que há várias semanas afetam várias zonas da Sibéria abrangem atualmente cerca de 2,4 milhões de hectares (24 mil quilómetros quadrados), segundo números divulgados hoje pelo Ministério das Situações de Emergência. O estado de emergência foi decretado nas regiões de Irkutsk, Buriácia, Sakha e Krasnoiarsk.

Na segunda-feira, um incêndio deflagrou num armazém de munições nas imediações da aldeia de Kamenka, na região de Krasnoiarsk, provocando uma série de explosões que fizeram pelo menos sete feridos – dois destes hospitalizados – e obrigaram à retirada de milhares de habitantes num raio de 20 quilómetros.

Algumas imagens divulgadas através das agências Reuters e TASS e das redes sociais mostram explosões em cadeia, bolas de fogo e faíscas no céu, seguidas de fumo negro.

O fogo, de origem ainda não determinada, deflagrou num armazém de munições de artilharia, de acordo com um comunicado divulgado do governador de Krasnoiarsk, Alexandre Ouss.

“Segundo as nossas estimativas, cerca de seis mil pessoas têm de ser retiradas”, além dos trabalhadores das instalações, que já foram retirados, afirmou o governador, que se deslocou ao local.

Meios de combates a incêndios foram enviados para o local “para impedir a propagação do fogo e garantir a segurança” na zona, referiu o responsável local do Ministério das Situações de Emergência.

  TP, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Querem saber o motivo dos meus comentários? É pelo fato de tentar revelar através de uma visão esclarecida mostrar o erro, a ignorância, a mente distorcida, um cerebro programado, um psicopata disfarçando seus delírios, ideologias malignas padronizadas, pensamentos e açòes paradoxas, enfim cenários próprios de australopitecos, totalmente fora da realidade destruindo o futuro do mundo e da humanidade
    É isso aí…

RESPONDER

Há mais de 100 anos, o Hawai teve uma monarquia - mas a determinação da princesa Ka'iulaniem não chegou para a preservar

Antes de morrer, com apenas 23 anos, a princesa Victoria Ka'iulani foi a última herdeira da coroa havaiana. A jovem era uma das últimas esperanças em manter a monarquia viva, mas nem a sua determinação …

Preço da luz no mercado regulado deverá subir 0,2% em 2022

O preço da eletricidade para os consumidores do mercado regulado deverá subir 0,2% no próximo ano face à média do ano em curso, segundo a proposta da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) hoje anunciada. “Para …

Governo recua e anuncia redução de imposto sobre combustíveis. Gasolina desce dois cêntimos e gasóleo um

Com a subida abrupta do preço dos combustíveis, o Governo anunciou esta sexta-feira à tarde que irá reduzir o ISP. Na prática, ao consumidor isto significa que o preço da gasolina vai baixar dois cêntimos …

Bolsonaro admite que chora sozinho na casa de banho

Num encontro organizado pela igreja evangélica Comunidade das Nações, em Brasília, na quinta-feira, o Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, admitiu que costuma chorar na casa de banho. “Quantas vezes eu choro na casa de banho, em …

Jogadores em greve no Brasil, presidente no Estádio da Luz

Crise financeira grave no Cruzeiro, jogadores não apareceram para treinar e o presidente estava em Portugal. O plantel do Cruzeiro não apareceu no treino marcado para a tarde desta quinta-feira. Na véspera, os jogadores já tinham …

"É devastador": os millenials que querem ter filhos, mas não têm condições financeiras

Têm três empregos, querem mudar de carreira ou estão a mudar-se para zonas distantes para ter alojamento mais acessível. Assim é a vida dos millenials, que fazem tudo para juntar dinheiro suficiente para sustentar uma …

Milionário Robert Durst condenado a prisão perpétua por matar melhor amiga

O tribunal de Los Angeles condenou o excêntrico milionário de 78 anos a pena perpétua, sem possibilidade de liberdade condicional, pelo homicídio em primeiro grau de Susan Berman (o equivalente a homicídio qualificado), segundo a …

Cientistas tentam desvendar por que comemos demais

Em 2019, cientistas descobriram que certas células em ratos obesos impediam os sinais que indicam a sensação de saciedade. Agora, uma nova investigação fez uma abordagem ainda mais profunda sobre o papel destas células. O estudo, …

"Tenho todas as condições para vencer as eleições legislativas de 2023", diz Rangel

Paulo Rangel apresentou esta tarde formalmente a sua candidatura à liderança do PSD e afirma que tem todas as condições para unir o PSD e vencer as eleições legislativas em 2023. Em conferência de imprensa, o …

Putin admite aceitar pagamentos com criptomoedas num futuro próximo

Vladimir Putin admitiu que as criptomoedas têm valor, adiantando que esta forma de pagamento poderá tornar-se viável no país. Contudo, para já "ainda é muito cedo" para fazer previsões devido à sua natureza "incerta". A notícia …