Cientistas calculam probabilidade de contágio ao viajar de comboio

Manuel de Almeida / Lusa

Investigadores da Universidade de Southampton, no Reino Unido, calcularam a probabilidade de contrair covid-19 ao viajar numa carruagem de comboio com uma pessoa infetada.

Em colaboração com a Academia Chinesa de Ciências, a Academia Chinesa de Eletrónica e Tecnologia da Informação e o Centro Chinês para Controlo e Prevenção de Doenças, os cientistas tiveram como base as rotas de alta velocidade da China. O estudo foi publicado, em julho, na revista científica Clinical Infectious Diseases.

Os resultados da investigação revelaram que, para passageiros sentados a três filas e cinco colunas de uma pessoa infetada, entre 0 e 10,3% contraíram covid-19. De acordo com o Diário de Notícias, neste caso, a taxa média de infeção foi de 0,32%.

Como seria de esperar, os passageiros que viajem em assentos diretamente adjacentes a uma pessoa infetada registaram a maior taxa média de infeção (3,5%). Para os passageiros sentados na mesma fila, a taxa foi de 1,5%.

A cada hora que passava em que se viajava com um passageiro infetado com o novo coronavírus, a taxa de incidência de cada assento aumentava 0,15%. Para quem ocupava assentos adjacentes, o aumento registado era maior (1,3% p/hora).

Surpreendentemente, apenas 0,075% das pessoas que usavam um assento anteriormente ocupado por um infetado contraíram a doença.

“O nosso estudo mostra que, embora haja um risco maior de transmissão covid-19 nos comboios, a localização do assento de uma pessoa e o tempo de viagem com uma pessoa infetada podem fazer uma grande diferença na transmissão. Os resultados sugerem que durante a pandemia é importante reduzir a densidade de passageiros e promover medidas de higiene pessoal, o uso de máscaras faciais e, possivelmente, realizar verificações de temperatura antes do embarque”, explicou o autor principal do estudo, Shengjie Lai.

Assim, os cientistas recomendam uma distância de segurança de mais de um metro para uma hora de viagem juntos. Numa viagem de duas horas, é sugerida uma distância superior a 2,5 metros.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. So os Chineses e que sabem como é que criaram o vírus, e como estão a contaminar o mundo para depois o puder controlar. Acho estranho porém que todos sabemos o que estão a fezer, e ninguém faz nada para os impedir.

    • Anda a ver muitos filmes o Jorge. A China já controla o mundo, não precisa de vírus nenhum. São 1.5 biliões a bombar tecnologia e indústria, enquanto a Europa pensa em vender carros alemães e viver do turismo. Os EUA esses são os mais imbecis, já nem pensam, desde que tenham McDonald’s e uma arma. O Jorge guia um carro com metade dos componentes chineses, tem uma TV e um telefone e a casa cheia de tralha chinesa e ainda acha que o vírus é um obscuro meio de eles mandarem em si???

  2. O que já se deveria ter aprendido sobre o povo chinês…1- Não são comunistas são estrategas 2- As dificuldades são opurtunidades 3- Aprendem as regras do jogo muto depressa. 4- Só falam o estritamente necessário . Dito isto … na primeira vez que os Chineses falaram do vírus o Mundo deveria ter escutado…Na próxima vez que os Chineses falarem escutem e preparem -se para agir..Sobre as idéias idiotas da china ter produzido o vírus…para quê? Eles já têm o Mundo na mão..souberam jogar o jogo Empresarial…temos de perceber que a Cultura Chinesa está uns milênios à nossa frente…sempre esteve…

    • Oh sim, estão “milênios à nossa frente”, por isso é que são um ditadura brutal, onde as pessoas não contam para nada, não tem direitos nem há liberdade individual, liberdade de imprensa, etc, etc!!
      Um autêntico paraíso!…

RESPONDER

Cristais do tempo poderiam permitir simular toda a Internet com poucos qubit

Uma equipa de cientistas japoneses propôs um método que usa cristais do tempo para simular redes massivas com muito pouco poder de computação. Os cristais do tempo podem ser o próximo grande salto na pesquisa de …

Psyche, o planeta fracassado, pode ser o único asteróide inteiramente feito de ferro e níquel

Um estudo da cientista planetária Tracy Becker, do Southwest Research Institute, analisou as primeiras observações ultravioleta do trilionário asteróide metálico Psyche. Com aproximadamente 200 quilómetros de diâmetro, Psyche é um dos objetos mais massivos do cinturão de …

Cientistas criam tinta ultra-branca que ajuda a arrefecer as superfícies

Cientistas criaram uma nova tinta ultra-branca que pode refletir 95,5% da luz solar que chega à sua superfície. De acordo com o site IFLScience, esta propriedade permite que algo revestido com esta tinta ultra-branca, como, por …

Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

O empresário Sindika Dokolo faleceu, nesta quinta-feira, no Dubai, aos 48 anos de idade, durante a prática de mergulho. A morte do empresário de origem congolesa já foi confirmada à Lusa por uma fonte ligada à …

Lagostins autoclonados invadiram (e conquistaram) um cemitério na Bélgica

Um cemitério na Bélgica foi completamente invadido por lagostins marmoreado. De acordo com o Instituto Flamengo para Pesquisa da Natureza e da Floresta (INBO), a espécie representa uma grande ameaça para a biodiversidade local. Segundo o …

Benfica 3-0 Standard Liège | “Águia” voa de forma imperial

A noite foi de festa no Estádio da Luz para os cerca de 4875 espectadores – 7,5% por cento da lotação – que se deslocaram ao reduto dos “encarnados” esta quinta-feira. O Benfica venceu por 3-0 …

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …