Príncipe Ernesto de Hanoover vendeu o castelo da família por um euro

O príncipe Ernesto Augusto de Hannover entregou o Castelo de Marienburg, residência oficial da Casa de Guelfo, pelo preço simbólico de um euro ao Estado da Baixa Saxónia, no norte da Alemanha.

Depois de se tornar chefe de uma das dinastias europeias mais distintas em 2004, Ernesto passou os últimos sete anos em negociações para vender o edifício de maneira a não gastar mais dinheiro na sua conservação.

Isto porque, a partir de 2020, as dispendiosas obras de renovação do castelo começarão – são mais de 27 milhões de euros para evitar a queda do monumento histórico da realeza alemã. “Não podemos garantir que o montante seja suficiente”, reconheceu o ministro regional da Cultura, Björn Thümler, admitindo um aumento do orçamento no decorrer da renovação, de acordo com o El Español.

Em 1857, Jorge V de Hannover levou Maria de Saxe-Altemburgo ao topo de uma colina com 135 metros de altura, em Pattensen, anunciando que ali iria construir um castelo em sua honra e a seu gosto, em homenagem aos 14 anos de casamento e aos três filhos em comum.

As obras começaram no ano seguinte. O castelo era constituído por 140 quartos distribuídos por cinco andares. No entanto, Jorge V nunca chegou a ver o castelo devido à cegueira e Maria viveu apenas alguns anos na residência antes de acompanhar o rei para um exílio em 1867, depois do exército prussiano ter ocupado Hannover. Ao todo, o custo das obras seriam de 50 milhões de euros atualmente.

“Foi uma decisão de grande importância para a minha família”, admitiu o príncipe Ernesto Augusto quando deu a conhecer a venda do palácio. “Encontrámos uma boa solução que permitirá que o palácio e o seu inventário possam conservar-se para o público.” O edifício alberga diversas obras de artes e mais de 1.700 peças de interesse histórico. É possível que o castelo se converta num museu ou hotel.

O jovem de 35 anos iniciou o processo de venda às autoridades de Hannover em 2011 mas os problemas financeiros foram herdados pelo seu pai, o príncipe Ernesto Augusto. Em 2005, o chefe da Casa de Guelfo já tinha sido obrigado a vender tesouros artísticos do palácio, que geraram uma receita de 44 milhões de euros. Com o dinheiro, o príncipe renovou uma torre do Castelo de Marienburg que estava a cair aos pedaços.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

A Terra em 4K. Empresa vai transmitir vídeos do Espaço em tempo real

A empresa Momentus assinou um novo contrato que fornecerá transporte e implementação no Espaço para a Sen, uma empresa britânica que está atualmente a construir um serviço de streaming de vídeo 4k e em tempo …

Hertz abre falência nos Estados Unidos, mas sobrevive em Portugal

O presidente executivo da Hertz Portugal afirmou esta quarta-feira que, apesar do inevitável “dano reputacional”, a falência da empresa nos EUA não afeta a sua atividade no país, onde opera de forma “independente” em regime …

Sintomas da doença de Lyme podem ser perigosamente confundidos com covid-19

Alguns dos sintomas característicos da doença de Lyme podem ser confundidos com covid-19. Isto pode trazer sérias consequências devido ao diagnóstico tardio da doença. Quando doenças semelhantes a uma gripe se desenvolvem em pessoas que passam …

Revelada a lotação máxima de várias praias portuguesas

Em contexto de pandemia de covid-19, o número de banhistas que pode entrar numa determinada praia será controlado. Foi revelada a lotação máxima das praias para as regiões do Algarve (Barlavento e Sotavento) e de …

Café na Coreia do Sul contrata um robô-barista para evitar a propagação da covid-19

O café Daejon, na Coreia do Sul, "contratou" um barista-robô para servir bebidas aos seus clientes, tentando evitar assim a propagação da pandemia de covid-19, que já matou mais de 350 mil pessoas em todo …

Incêndios: PSD aponta falta de meios aéreos e avisa que covid-19 não justifica atrasos

O PSD apontou hoje falta de meios aéreos de combate a incêndios no terreno e acusou o Governo de ter ficado "aquém" nas reformas e mudanças na floresta, avisando que a pandemia de covid-19 não …

Lançamento da SpaceX adiado devido ao mau tempo

O lançamento da SpaceX, que estava previsto para hoje, foi adiado devido às condições meteorológicas. Haverá uma nova tentativa no sábado, às 20h22 de Lisboa. O esperado era que a SpaceX lançasse esta quarta-feira dois astronautas …

"Não consigo respirar". Protestos nos EUA pela morte de homem negro às mãos da polícia

Milhares de pessoas protestaram, esta terça-feira à noite, em Minneapolis, cidade no estado norte-americano do Minnesota, contra a morte de George Floyd, um homem negro que acabou por falecer depois de um episódio com a …

Um em cada três americanos não acredita que o azeite vem das azeitonas

Um terço dos norte-americanos entrevistados numa sondagem disse não acreditar ou não ter certeza de que o azeite vem das azeitonas. O produto alimentar é usado por menos de metade das famílias do país. Uma sondagem …

A pandemia separou casais de namorados. Dinamarca abre fronteiras a quem prove estar numa relação

Esta segunda-feira, a Dinamarca diminuiu o controlo na fronteira com outros países nórdicos e com a Alemanha para que casais transfronteiriços, separados pela pandemia, se reencontrem. A partir desta segunda-feira, os casais separados pela pandemia podem …