Os primeiros Homo sapiens eram mais sofisticados do que pensávamos

Human Origins Program / Smithsonian

Artefactos encontrados durante as escavações em Olorgesailie, no sul do Quénia

As ferramentas encontradas no sul do Quénia revelam que, há cerca de 320 mil anos, os primeiros Homo sapiens já eram mais sofisticados do que pensávamos.

Os antropólogos do Museu Nacional Smithsonian de História Natural e uma equipa internacional de colaboradores descobriram que os primeiros Homo sapiens na África Oriental, que viveram há cerca de 320 mil anos, usavam ferramentas sofisticadas que não eram características do Paleolítico, bem como uso de pigmentos de cor, e já comercializavam com povoações distantes, informa o estudo publicado no Phys.org.

Os artefactos foram encontrados durante as escavações na região de Olorgesailie, no sul do Quénia, e são das ferramentas mais sofisticadas já descobertas até hoje. Algumas delas são feitas de obsidiana, um tipo de rocha vulcânica que produz lâminas extremamente afiadas, cujos depósitos se encontravam entre 24 a 88 quilómetros de distância deste local.

Isto indica, segundo a pesquisa, que já existia comércio entre diferentes povoações que habitavam o continente africano da altura. Também foram encontrados cristais de manganês e ocre, que eram usados como corantes e que pode ter sido usada para a pintura do corpo ou outro tipo de expressão simbólica, escreve o jornal Público.

Estas novas descobertas foram divulgadas em três estudos distintos, publicados a 15 de março na revista Science, e indicam que estes comportamentos da espécie humana no Paleolítico surgiram durante um período de tremenda variação climática na região.

De acordo com as pesquisas, à medida que os terramotos remodelavam a paisagem e o clima começou a variar entre estações húmidas e secas, as inovações técnicas e as redes de intercâmbio social ajudaram os primeiros humanos a sobreviver e a obter os recursos que necessitavam perante estas condições imprevisíveis.

“Esta mudança para um conjunto muito sofisticado de comportamentos, que implicou maiores habilidades mentais e uma maior complexidade da vida social, pode ter sido o principal elemento que distingue a nossa linhagem de outros seres humanos primitivos”, afirma Rick Potts, diretor do programa Origens Humanas do Museu de História Natural.

ZAP ZAP // RT

PARTILHAR

RESPONDER

Fezes de morcego ajudam a decifrar o passado da humanidade

Uma equipa de investigadores australianos usou fezes de morcego para ajudar a entender uma parte do passado dos nossos ancestrais. Para perceber melhor como é que artefactos antigos são alterados pelo sedimento em que estão enterrados …

"É como fogo". Dezenas de pessoas morreram na República Dominicana após ingestão de álcool ilegal

Depois de dezenas de pessoas morreram por intoxicação nas últimas semanas, as autoridades da República Dominicana acabaram por fechar várias lojas de bebidas alcoólicas. As lojas de bebidas clandestinas situavam-se sobretudo na capital, Santo Domingo, mas …

Eis AlphaDog, a resposta da China para o cão-robô norte-americano Spot

A empresa de tecnologia Weilan, sediada em Nanjing, na China, desenvolveu o AlphaDog, um cão-robô que usa sensores e inteligência artificial (IA) para realizar uma série de aplicações, incluindo entrega de encomendas e orientação para …

E se a vacina contra a covid-19 se chamasse Trumpcine? O "sir" sugeriu e Donald Trump gostou

No fim de semana passado, durante um encontro do Comité Nacional Republicano, o ex-Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que alguém sugeriu que as vacinas disponíveis contra a covid-19 deveriam receber o seu nome. …

O custo da paz mundial é bastante inferior ao custo da guerra

Um recente relatório do Instituto de Economia e Paz (IEP) conclui que o custo dos países com a violência é bem superior ao custo com a paz mundial. O Instituto de Economia e Paz estima que, …

Malta vai pagar aos turistas que visitarem a ilha durante o verão

Numa altura em que pandemia não tem dado tréguas ao setor do turismo, Malta anunciou um conjunto de medidas com o objetivo de encorajar os viajantes a visitarem o país e a ficarem hospedados nos …

Pentágono confirma que filmagens de OVNI em forma de pirâmide são autênticas

Uma nova série de imagens e vídeos de OVNIs (Objetos Voadores Não Identificados) filmados pela Marinha dos Estados Unidos foi agora confirmada como autêntica pelo Pentágono. Enquanto muitas pessoas geralmente se referem a avistamentos misteriosos …

Irão vai aumentar produção de urânio enriquecido em resposta ao “terrorismo nuclear” de Israel

O Irão justificou esta quarta-feira a decisão de enriquecer urânio a 60% como resposta ao “terrorismo nuclear” e à “maldade” israelita, referindo-se ao alegado ataque contra a central de Natanz, no domingo. “A decisão de enriquecer …

Possibilidade de ser reinfetado baixa 84% para quem já teve covid-19

Um novo estudo indica que a infeção prévia por SARS-CoV-2 protege a maioria dos indivíduos contra a reinfecção durante uma média de sete meses As probabilidades de reinfeção não descem até zero, mas um novo estudo, …

Bolsonaro diz que confinamentos transformaram o Brasil num "barril de pólvora"

Jair Bolsonaro, presidente do Brasil, alertou esta quarta-feira que o país se tornou "um barril de pólvora" devido às medidas restritivas adotadas por governadores e prefeitos para tentar conter a disseminação da covid-19. "O Brasil está …